quarta-feira, 16 de março de 2011

Copa do Brasil: uma reflexão

Lendo a excelente matéria do Jornalista Bruno Formiga (O Povo Online), dia 15/03 com relação ao jogo Fortaleza x Flamengo-RJ, pela Copa BR segunda fase, no Castelão. Pinço os seguintes dados:

1) A renda do jogo de hoje pode deixar aos cofres do Fortaleza, o equivalente ao Campeonato Cearense inteiro de 2010;
2) Se o Castelão encher, o Fortaleza pode bancar até cinco folhas salariais do elenco. Hoje, o Leão gasta aproximadamente R$ 350 mil/mês com o elenco e comissão técnica;
3) Ronaldinho Gaúcho ganha 1,3 milhão no Fla (podendo chegar até R$ 1,6 milhão). Assim a renda de hoje daria para pagar um mês de salário do camisa 10;
4) Se todos os ingressos forem vendidos, a renda líquida deste jogo, pode comprar 66 carros populares (do modelo básico).

Agora, tudo isso será válido se:

O Fortaleza, garantir a partida de volta no Engenhão. Para isto o Leão não poderá perder o jogo, por dois ou mais gols de diferença. Se isto acontecer, segundo o regulamento da Copa do Brasil, a renda passa a ser dividida. O visitante fica com 60% e o mandante com 40%.

E porque repasso estas informações. Para lembrar da validade que é a Copa BR, e também ter a sorte de jogar contra um time "bilheteria", no caso: Fla, Corinthians, Palmeiras etc... Quase dava para o Fast Clube, aqui pertinho da gente em Manaus levar essa bolada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ji-Paraná FC comunica falecimento de seu massagista

Nota de pesar O Ji-Paraná Futebol Clube vem a público lamentar o precoce falecimento do famoso massagista "Zói", vítima de...