segunda-feira, 31 de julho de 2017

Série D: Atlético-AC continua no páreo para a Série C

A última vaga das 4ªs de final da Série D, saiu à noite deste domingo,30, e foi justamente do Atlético-AC no estádio Florestão em Rio Branco. O azulão bateu o Gurupi-TO por 3 a 0. Isso quer dizer que o vizinho Acre está há dois jogos para chegar à Série C no próximo ano.

Os resultados e os classificados

S. Bernardo-SP 0(3) x (4)0 S. José-RS
Operário-PR 1(4) x (2)0 Espirito Santos-ES
América-RN 2 x 1 Ceilândia-DF
Globo-RN 3 x 1 Guarany-CE
Vila Nova-MG 1 x1 URT-MG
Santos-AP 2(3) x (4)2 Maranhão-MA
Juazeirense-BA 0 x 0 Fluminense de Feira-BA
Atlético-AC 3 x 0 Gurupi-TO (*)

(*) os classificados - quatro do nordeste, dois do sul, um do sudeste e um do norte.

domingo, 30 de julho de 2017

Em jogo movimentado: Genus e Jipa ficam no 1 a 1

Sabe aquele jogo em que o placar final fica em 1 a 1. E quem não foi ao estádio, e nem ouviu a transmissão vai pensar numa partida morna, lenta, daquelas que dá cãimbra nos olhos: essas características ficam para alguns jogos das Séries A ou B, no Sub-20 a coisa é diferente.

Começou diferente, na boa postura do Ji-Paraná FC que encarou o Genus pau a pau. Desde os 90 segundos de jogo - ou melhor a 1'30" Pelezinho já mostrava a que veio -, perdeu aquele que seria o gol inicial da noite que começava com um bom jogo.

O Genus também respondeu a altura - uma com Israel e outra com Leandro, o canhoto bom de bola - já caminhando para metade do primeiro tempo a coisa equilibrou, o Genus melhorou. É tanto que aos 27' numa bola enfiada por Leandro para Marcão - olha o elemento surpresa, volante saindo para o ataque e com muita velocidade, veio o zagueirão Yury e assungou Marcão com bola e tudo - dentro da área pênalti para o Genus.

Esperança de sair o primeiro gol estava viva. Israel o encarregado de cobrar o pênalti, foi lá chutou até com certa força, o goleirão Lucão como um gato (como diz certo âncora da estrelada) espalmou para escanteio. Cobrado escanteio Lucão segurou firme. Aos 32' era o Genus no ataque, e mais concatenado, a defesa do Jipa manda a escanteio.

Quem vai pra cobrança justamente o lateral esquerdo Antonio, do lado direito do ataque do Genus. Pra ser mais explícito, ali perto do vestiário dos árbitros. Pois bem, coube ao jovem Antonio ser o protagonista desta noite de sábado,29, de julho. Ele ajeita a bola e manda pelo alto, na intenção do toque de cabeça do Alemão para o meio da zaga.

Que nada, a bola tomou um efeito danado e foi caindo, caindo no canto direito de Lucão (jipa), estava fazendo história o menino Antonio e, claro o time do Genus pelo golaço chamado de Olímpico - fazia tempo que eu não via um gol tão bonito no Aluizão. Genus 1 x 0 Jipa, por volta dos 33' de jogo.

Depois tivemos mais 12' de bola lá e cá. Fim do primeiro tempo. Para a segunda etapa, ninguém mudou. Digo, mudou o Jipa, veio com mais determinação ainda. É tanto que o Pelezinho fazia diabruras, com o apoio do Weverton que havia entrado ainda no primeiro tempo na vaga de Carlinhos.

Aos 6' falta em favor do Jipa, aliás, 3' antes já havia quase acontecido o gol de empate também de falta. E esta aos 6' que acabou saindo o gol do Galo foi assim: falta cobrada com força por Mateus Maritaca, o goleiro Gabriel Sarges espalmou, Valdinei chutou em cima do goleiro e na volta o eficiente Weverton chutou sem chances para Gabriel, era o empate: Genus 1 x 1 Jipa.
(Ji-Paraná FC empate com o Genus - foto: Blog)

Aos 17' mais um pênalti em favor do Genus, dessa vez quem cobrou foi Leandro no canto direito do goleirão Lucão, esse deu um leve toque na bola, ela bateu na trave e voltou numa diagonal para o bico da grande área. Era mais um perdido, e a torcida já chiava.

E quem pensou que o Jipa recuou está redondamente enganado. Houve várias mexidas em ambas as equipes - seis no total - sendo que o Galo usou todas as quatro que lhe tem direito. O bom que o padrão não caiu.

Lembremos que, o Genus enfrentou o 1º colocado do grupo B. Está tudo aberto ainda, inclusive no outro cruzamento - onde o Real fora de casa ganhou do AD Cacoalense por 2 a 1 - é mais fora de casa, né. Ao Genus e ao Jipa, vitória simples no Biancão classifica o vitorioso, novo empate, decisão nos pênaltis.
(SC Genus empata com o Jipa em 1 a 1 - foto: Alexandre Almeida)

sábado, 29 de julho de 2017

Semifinal Sub-20: Galo da BR chegou por volta de meia-noite!

Conforme informou o diretor de futebol do Jipa ao Blog, a delegação do Ji-Paraná FC saiu um pouco tarde do município em virtude de alguns atletas não conseguirem liberação para a viajar um pouco mais cedo. 

Mesmo assim a delegação chegou por volta de meia-noite, meia-noite e meia e foram direto para os seus quartos no hotel Porto Seguro, na Av. 7 de setembro. Pela manhã, a programação continua em descanso total e, somente uma vistoria ao gramado do Aluizão, almoço e 17h30 chegada oficial para enfrentar ao Genus às 19h.

As prováveis escalações das equipes

Genus x Ji-Paraná - jogo de ida
Data: 29/07/17(sábado) às 19h
Estádio: Aluizio Ferreira
Árbitro: Fledes Rodrigues Santos
Á.A.01: Reginaldo Alves de Melo
Á.A.02: Cristiano Pereira Lopes
4º Árb.: Servilio Patricio Oliveira

Genus: Gabriel Sarges; Felipe Rocha, Eduardo, Alemão e Antonio; Marcão, Formiga, Luan Fernando e João Rages; Israel e Caio Leite. Téc: Deutz Costa; Aux. Téc: Paulo Eduardo; Prep. de Goleiros: Francisco das Chagas e Massagista: Osisvaldo de Jesus(Babinha)

Ji-Paraná: Lucão; Elton, Yury, Valdinei e Mateus Maritaca; Valadares, Regito, Carlinhos e Pelezinho; Ykis e Vinicius. Téc: Geovani Siqueira; Prep. Físico: Marcos Gonçalves; Aux. Téc: Alex Sandro Oliveira; Massagista: Alcineide dos Santos e Prep. de Goleiros: Izamar de Oliveira.

E mais...

O jogo será transmitido pela www.capitalfmpvh.com, uma emissora de webrádio com os titulares do esporte: Bosco Gouveia, Sandeimar Medeiros, Antonio Carlos Bicho, Rose Fadul e o convidado especial Luís Carlos Pereira. Mesmo quem não tiver sinal de internet no seu aparelho celular no estádio, pode sintonizar a emissora na frequência 88.0 de FM.


sexta-feira, 28 de julho de 2017

Mais um pouquinho do Feminino A-2

Não podia deixar de parabenizar as meninas do Pinheirense-PA pela bela conquista do título, nesta quarta-feira,26, mesmo sendo derrotadas pela Portuguesa-SP por 1 a 0. Mesmo assim como haviam ganho o jogo de ida por 2 a 1, no placar agregado 2 a 2 - o gol a mais fora foi fundamental.

A campanha das meninas do Pinheirense foi sensacional: 11 jogos com 8 vitórias, 2 empates e somente uma derrota - a do último jogo.

Teve três artilheiras na equipe: Irley a principal da competição com 10 gols, junte-se a ela Valéria do Tiradentes-PI com o mesmo número de gols; ainda Pingo com 8 gols e Cássia com 6 gols - ambas do Pinheirense-PA.

Então, mais uma vez Parabéns!

E como fica para 2018 o feminino da Série A-2?

Vamos tentar explicar: as 16 vagas serão
1) duas equipes de 2017 do A-1 que sofreram descenso;
2) a equipe campeã estadual da federação melhor ranqueada do RNF/FF de 2018;
3) para as 13 vagas restantes, os campeões das outras 26 federações disputam uma fase preliminar - 26 clubes em 13 grupos de 2 com jogos de ida/volta, terá vaga assegurada no campeonato brasileiro feminino A-2/2018. (*)

(*) aqui onde nos enquadramos - quem ganhar a seletiva entre: Porto, Barça, Genus e Real -, já se prepara para pegar provavelmente as meninas do Acre, com o segundo jogo lá. E dai jogam pelo menos nove vezes, ou treze como fez o Pinheirense. Mas você disse que foram 11 jogos. Sim, mas elas não enfrentaram a fase preliminar.

Diretor de Futebol do Ji-Paraná FC, já se programa para 2018

José Carlos o novo diretor de futebol do Galo da BR, foi o entrevistado do programa Panorama Esportivo desta quinta-feira,27. Cara nova no futebol do estado, tanto no aspecto físico como na gestão esportiva.

Ele é representante comercial, nascido no Paraná e veio muito novo para Rondônia, morar em Rolim de Moura. Dali em 1996 fixou residência no município Coração do Estado, e há 21 anos, ou seja desde os 15 para 16 anos viu o Ji-Paraná FC levantar a taça por 9 títulos.

Sabe tudo sobre o Jipa, e ficou muito contente de ser lembrado desde o início do 2º turno deste ano a assumir este cargo no Galo. Entende que o trabalho para sair perfeito tem que começar pela base, que foi o assunto principal do programa de hoje. E o que foi feito até agora.

- o aluguel de uma casa para abrigar os atletas de fora do município, e até mesmo os de casa;
- do elenco do sub-20, são 17 atletas que vivem somente do futebol - ou seja, são poucos os que ainda tem outro emprego;
- esses garotos fazem parte de um elenco do Profº Geovani Siqueira (téc. do sub-20);
- José Carlos sente que antigos colaboradores do Jipa já estão voltando a colaborar com o clube;
- tem café da manhã, frutas, almoço, enfim um suporte para os atletas (vindo de colaboradores);
- ele elogiou bastante o presidente Paulo Moura, os colaboradores: Dep. Estadual Assis, Pref. Jesualdo e a todos da empresa Eucatur...,e mais outros que o blogueiro não anotou.

Por fim, disse que já está reservado um hotel para hospedagem dos atletas nesta sexta-feira à noite. No sábado(29), às 19h a bola rola no Aluizão para: Genus x Ji-Paraná, e no jogo da volta dia 5 de agosto pretende lotar o Biancão, trazer de volta a torcida do Galo e sem cobrar ingressos.
(José Carlos, 2º da esq/dir - Diretor do Jipa)

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Semi do Sub-20: Fledes e Mezaque Guimarães no apito

A Comissão de Arbitragem da Federação de Futebol do Estado de Rondônia anunciou na manhã de quarta-feira os árbitros e assistentes que irão atuar nos jogos de ida da fase semifinal do Campeonato Rondoniense de Futebol Júnior (Sub-20).
Para o jogo entre Genus e Ji-Paraná, o árbitro indicado foi Fledes Rodrigues Santos, auxiliado por Reginaldo Alves de Melo e Cristiano Pereira Lopes. O quarto árbitro do jogo será Servilio Patrício de Oliveira. A partida está marcada para este sábado, 29, às 19 horas, no estádio Aluízio Ferreira.
já o confronto entre Cacoalense e Real terá no apito o árbitro Mezaque Guimarães que será auxiliado por Edmar Capiche e Fábio Rodrigues da Silva. Edevaldo José Pereira será o quarto árbitro da partida que começa às 16 horas deste sábado, no estádio Centro Esportivo de Cacoal.
Créditos: Jornalista Paulo Ricardo/FFER

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Decisão do Feminino A-2: em Icoaraci distrito de Belém-PA

O "Sol do rio". Em Tupi-guarani, é essa a definição de Icoaraci, oitavo distrito de Belém/PA e casa do Pinheirense Futebol Clube, finalista do Brasileiro Feminino A-2. À margem de rios que formam as Baías de Guajará e Marajó, Icoaraci, iluminada pelo sol quente do clima equatorial paraense quase todos os dias do ano, faz jus ao nome de batismo.
(Créditos: Guilherme Pessoa/CBFTV)
A localidade, com mais de 300 mil habitantes, fica há vinte quilômetros do centro da capital paraense e é conhecida por abrigar o porto de onde partem as balsas em direção à Ilha de Marajó, um dos mais belos cartões postais do Estado. Mas é na rua Santa Isabel, número 1.200, em frente ao cemitério da região, que está a atração local do momento: o estádio Aberlardo Conduru, o quartel do General da Vila, como é conhecida a equipe do Pinheirense entre seus torcedores.
O estádio é acanhado, tem capacidade para cerca de três mil pessoas, arquibancadas de madeira e instalações que expõem com saudosismo a história do clube. Uma praça esportiva digna do que, hoje, os amantes da bola definem como futebol de raiz. O alambrado em alvenaria, com grades de arames, vanguarda nos estádios paraenses, indica que nunca foi simples segurar a paixão dos torcedores do General.
O nome do clube ainda faz referência ao antigo da localidade, que até a década de 40 chamava-se Pinheiro. É nas dependências azuis do Conduru que as meninas do time feminino treinam e se preparam para as conquistas. A mais recente foi a classificação para a elite do futebol feminino nacional: o Brasileirão Feminino A-1.
Nesta quarta-feira (26), às 17h, no Estádio da Curuzu, em Belém, a equipe feminina do Pinheirense encara mais um desafio. Diante da Portuguesa/SP, disputam o título de Campeão Brasileiro Feminino Série A-2, a segunda divisão da modalidade. A expectativa é de grande público para prestigiar as meninas que brilham à altura do sol do rio de Icoaraci.
Texto: Assessoria/CBF

terça-feira, 25 de julho de 2017

Seletiva do futebol feminino tem alguns artigos que não seriam necessários

Quem observar o REC - Regulamento Específico da Competição -, a ser aplicado à seletiva do futebol feminino-17 vai verificar alguns deslizes. Senão vejam com calma.

Art. 7º - A atleta perderá a condição de jogo para a partida oficial subsequente do mesmo campeonato, adverdita a cada série de dois cartões amarelos.

Ora ora, se o time pra ser campeão somente joga duas vezes - no dia 25 e 26 de agosto -, então não faz falta esse artigo.

Quer outra loucura

Art. 12º - O campeonato será regido, pelo sistema de pontos ganhos. Sendo: a) por vitória (03 pontos ganhos) e b) por empate (01) ponto ganho.

Ora, se na sexta-feira,25, de agosto algum jogo terminar empatado. Decisão nos pênaltis.

- Poderão ser efetuadas cinco substituições por equipe, em cada partida;

- Equipes mandantes arcarão com despesas de arbitragens e delegado do jogo na ordem de R$ 580,00 (quinhentos e oitenta reais) por partida.


domingo, 23 de julho de 2017

Sub-20: Real faz 9 a 1 no Porto Club, e chega aos 14 pontos

Isso mesmo numa partida de 10 gols, o Real Ariquemes aplicou 9 a 1 no Porto Club à noite deste domingo,23, e consolidou a primeira colocação do Grupo A do Sub-20. A equipe do Porto Club apresentou-se com somente 9 atletas em campo, e no decorrer da partida ainda teve um atleta expulso.

Na verdade o rubro-negro de Ariquemes não tem nada com isso, e construiu a goleada um gol para cada atleta do Porto: Marcos Vinicius (Real) fez aos 12', 24' e 26' do 1º tempo; Dilan (Porto) descontou aos 18' do 1º tempo. No 2º tempo - Deivid aos 3' e 8', Dansley aos 28' e 39', Evanilson aos 34' e Marcos Vinicius aos 44' fechou a goleada.

No grupo A classificaram-se:

1º) Real Ariquemes com 14 pts ganhos fez 21 gols e sofreu 6, saldo de 15 gols;
2º) SC Genus com 11 pts ganhos fez 11 gols e sofreu 4, saldo de 7 gols.

No grupo B - 1º Ji-Paraná FC e 2º AD Cacoalense

Os cruzamentos/datas e horários

Cacoalense x Real Ariquemes - 29/07 sábado - às 16h C.E. Cacoal
Genus x Ji-Paraná FC - 29/07 sábado - às 19h Aluizão

Os jogos de volta dia 05/08 sábado.

Sub-20: SC Genus é o 4º semifinalista, com louvor

Falando sério, nem o mais otimista dos torcedores do aurigrená da capital poderia imaginar um jogo de 4 a 1 em seu favor. Porém, falando assim somente no placar elástico dá a entender que foi fácil construir esse placar. Não, o que aconteceu foi a abertura do placar aos 5' para o Genus numa cochilada imperdoável de marcação do miolo da zaga em bola parada, de escanteio em que o zagueirão Alemão subiu e tocou de cabeça para Israel, que só fez cumprimentar o goleiro Sidney.

Um minuto antes do gol, aconteceu uma falta em favor do RSC e Wesley bateu direto nos braços do goleiro Gabriel Sarges. Outro fator preponderante foi o amarelo muito cedo para o zagueiro Mendel do RSC - então anote ai; gol muito cedo, cartão ídem e o meio-campo do Genus "engoliu" os canhotos bons de bola do RSC -, faltou o coletivo no periquito? Penso que sim. Em muitos momentos eu falava isso ao microfone da WebRádio Capital FM, toque de bola, tabela, infiltrações.

Coisa que o Genus soube aproveitar e fazer com maestria. O Deutz desta vez deixou o ótimo Marcão dando o primeiro combate, ora no Kelvin, ora em cima do Matheus Castro e, na sequência a distribuição da jogada tanto com Luan Fernando, como João Rages - esse muito discreto para a torcida, mas de uma serventia grande para o conjunto -, e foi nessa tática que saiu o segundo gol.

Ora meus amigos, muita gente fala dos gols perdidos pelo Israel na equipe profissional - perdeu sim vários - mas é voluntarioso, obstinado, caprichoso. Esse blogueiro sempre falou: no dia em que esse rapaz começar a encontrar o caminho das redes adversárias, saiam da frente. Pois nesse Sub-20, tá fazendo um bem danado a ele - não é que o homem hoje fez dois, e ainda deu o passe para o segundo gol.

Que é esse que vou narrar: aos 31' Israel recebeu bola de Luan Fernando, lado esquerdo de seu ataque e partiu pra cima da defesa do RSC, tirou o Japa da jogada e mais outro zagueiro, então cruzou forte para a entrada do Caio Leite empurrar para o gol, sem chances para o grandalhão Sidney. Era o RSC 0 x 2 Genus. Final do primeiro tempo, para um time que precisava de um empate - ou seja, o Genus pisou o gramado já classificado - tava bom demais.

Vamos ao segundo tempo...,

Nessas alturas o RSC já contava com somente 10 atletas em função da expulsão de Mendel por volta dos 30' do primeiro tempo. Mesmo assim o time não se entregou, segurou esse placar de 2 a 0 até aos 34' quando, novamente o homem do jogo Israel que já havia feito o seu e dado um de presente ao Caio, voltou a aparecer e bem. Numa arrancada pelo lado esquerdo de seu ataque, de fora da área chutou forte meia altura no canto esquerdo do goleiro Sidney - que, diga-se foi um dos melhores pela equipe do RSC - era o terceiro do Genus.

Só dava Genus. Parma Oliveira tentou fechar mais o setor defensivo quando recuou o camisa 8 Wesley, ainda colocou o Zeca, assim como Carioca camisa 17 - todos eminentemente com características defensivas. Mas nada dava certo para o periquito, a sorte é que o Genus criava, criava e nas conclusões ou o goleiro Sidney defendia, ou a bola subia muito. Contei umas três a quatro bolas nessas condições - vamos lembrar: Israel, Luan Fernando, Leandro e Jehnson. Era pra ser mais de quatro, viu.

O quarto gol do Genus, foi do canhoto Leandro - lembram dele - o garoto bom de bola do 14 BIS, esse é fera, fez gol na Série D, no estadual tem cheiro de gol na perna esquerda. Ele recebeu um lançamento e partiu pra cima da zaga do RSC, daqueles gols que o torcedor diz: "passou até pela diretoria" frente a frente com o Sidney só fez encobrir - golaço, golaço. Era 41' do 2º tempo e a torcida cantava..., o campeão voltou!!!

Mas o jogo só acaba quando o juizão apita e aponta o centro do campo. Aos 43' Kelvin tenta passar pela segura defesa do Genus, e leva um toma lá, rasteira na grande área pênalti. Fledes marcou e Breno foi o encarregado da cobrança, foi lá canto esquerdo do goleiro Gabriel Sarges, e o gol de honra do periquito da zona leste. Final: RSC 1 x 4 Genus.

Agora ficou assim a semifinal(*)

1º) de A (Real Ariquemes) x 2º) de B (AD Cacoalense)
2º) de A (Genus) x 1º de B (Ji-Paraná FC)

(*) O Genus tem possibilidade ainda de ser o 1º do Grupo A, caso o Real perca por dois ou mais gols de diferença neste domingo,23, para o Porto Club.
(SC Genus Sub-20 - foto: Alexandre Almeida)

sábado, 22 de julho de 2017

Sub-20: hoje sai o 4º semifinalista

Logo mais a partir das 19h saberemos quem se junta a Real Ariquemes, Ji-Paraná e Cacoalense para formar os quatro semifinalista do Sub-20. O jogo entre RSC e Genus tem tudo para se concretizar como uma final antecipada desta categoria - enquanto ao RSC somente a vitória lhe interessa, para o Genus o empate já está de bom tamanho.

Somente relembrando a classificação de ambos, o Genus é o 2º colocado com 8 pontos ganhos e o RSC o 3º com 7 pontos. No jogo de ida o Genus ganhou do time periquito por 3 a 1, neste mesmo Aluizão. Enquanto o RSC aparentemente não há problemas para o técnico Parma de Oliveira, quanto a cartões amarelos. No SC Genus o Profº Deutz não poderá contar com Formiga (suspenso pelo 3º cartão amarelo), e tem mais dois atletas pendurados: Eric e Marcão.

As prováveis escalações para hoje à noite

Rondoniense SC
Sidney; Japa, Gabriel, Mendel e Diogo (Bú); Isaac, Pablo, Chaquiri e Matheus Castro; Breno e Kelvin.

SC Genus
Gabriel Sarges; Eric, Eduardo Silva, Alemão e Antonio; Marcão, Luan Kaliu, Luan Fernando e João Rages; Israel e Caio Leite.

Horário: às 19h - estádio Aluizio Ferreira
Árbitro: Fledes Rodrgues Santos
Á.A.01: Cristiano Pereira Lopes
Á.A.02: Anderson Griffits
4º Árb.: Álvaro Araújo da Silva

Mais...,

Ingressos a R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)
A webrádio Capital FM fará a transmissão, com os Titulares do Esporte já escalados oficialmente: Bosco Gouveia, Sandeimar Medeiros, Antonio Carlos Bicho, Rose Fadul e o convidado especial Luís Carlos Pereira.

Você internauta pode acessar a rádio pelo link capitalfmpvh.minharadio.fm, e lá no estádio ouvir pela frequência de FM no celular número 88.0
(Foto: Sandeimar Medeiros)

sexta-feira, 21 de julho de 2017

Mateus Evangelista a estrela maior de Rondônia

Sabe Mateus que fui tentar cronometrar o que dava pra fazer em 11s48: tentei falar seu nome completo, um garoto nascido aqui em Porto Velho-RO, ali pelo bairro Areal da Floresta. Quando veio ao mundo há 23 anos atrás teve paralisia cerebral por falta de oxigênio na hora do nascimento, por isso teve os movimentos do lado direito do corpo prejudicados.

E mais..., quando a três/quatro atrás eu o entrevistei na Rádio Caiari já profetizava essa sua evolução, claro que não tenho a categoria de um Silvio Carmo - seu ilustre descobridor -, mas a percepção, o olhar, os olhos já brilhavam naquela época quando você sonhava e, agora é sim o homem mais rápido do mundo nestes famosos 100m em sua classe T37.
(Mateus a três/quatro anos atrás já projetava o que está acontecendo de bom com ele neste momento - falta uma, qualquer cor tá ótimo)

E nesta sexta-feira,21, tem mais. Tem nosso herói paralímpico na final do salto em distância - o homem dono de duas medalhas mundial -, deve embolsar mais uma. Avante Mateus! Você nos representa.

Fledes e Reginaldo estão encarregados de comandar o Sub-20

A Comissão de Arbitragem da FFER publicou os árbitros encarregados de comandarem os dois jogos da 6ª e última rodada da fase de classificação do Sub-20. Os dois jogos neste sábado e domingo no Aluizão, ficam a cargo de:

Jogo: RSC e SC Genus - Grupo A
Data: 22/07(sáb) às 19h - estádio Aluizão
Árbitro: Fledes Rodrigues Santos - CBF
Á.A.01: Cristiano Pereira Lopes - FFER
Á.A.02: Anderson Griffits - FFER
4º Árb.: Álvaro Araújo da Silva - FFER
Delegado: Levi Moreira de Souza

Jogo: Porto Club e Real Ariquemes - Grupo A
Data: 23/07(dom) às 19h - estádio Aluizão
Árbitro: Reginaldo Alves de Melo - FFER
Á.A.01: Anderson Griffits - FFER
Á.A.02: Cristiano Pereira Lopes - FFER
4º Árb.: Álvaro Araújo da Silva - FFER
Delegado: Levi Moreira de Souza

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Rapidinhas do Sub-20

Segundo o IMT (Informação de Modificação na Tabela) de nº 20/2017, o jogo entre Porto Club e Real Ariquemes válido pela 6ª rodada do Campeonato Sub-20, houve a seguinte modificação: horário de 17h para 19h, data do dia 22/07(sáb) para o dia 23/07(domingo), local o mesmo Aluízio Ferreira.

Motivo: em virtude da ambulância que atende ao clube mandante, no caso o Porto Club não poderá vir no sábado.

Outra rapidinha

Hoje quinta-feira,20, já passam 5 dias do jogo entre Real Ariquemes 1 x 0 SC Genus, pelo Sub-20 no estádio Gentil Valério, e porque a SÚMULA desse jogo ainda não foi publicada no site da FFER. Algum problema envolvendo dirigentes que quase saíram no tapa? 

Será que poderá dar TJD também. Será?

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Hoje comemora-se o Dia Nacional do Futebol

No dia nacional do Futebol, 19 de julho. Data escolhida pela CBF desde 1976, com objetivo de homenagear o clube mais antigo do Brasil, o Sport Clube Rio Grande do Rio Grande do Sul, fundado no dia 19 de julho de 1900.

O Blog toma emprestado essa imagem do centauro.com.br, e parabeniza a todos os envolvidos no futebol do estado de Rondônia.


terça-feira, 18 de julho de 2017

Programação do Periquito para decisão contra o Genus

Os gestores da equipe sub-20 do RSC estão levando muito a sério a presente competição, tanto que a programação para esta semana decisiva contra o SC Genus, tem atividades de segunda a sexta, confira:

Segunda-feira,17, manhã folga e à tarde regenerativo técnico/tênis e chuteira - campo 2
Terça-feira,18, folga e finalização à tarde/chuteira - campo 2
Quarta-feira,19, folga e coletivo apronto/chuteira - campo 2
Quinta-feira,20, folga e posse de bola/chuteira - campo 2
Sexta-feira,21, folga e bola parada/recuperação/chuteira - campo 2
Sábado,22, concentração para o jogo à noite contra o Genus às 19h.

(*) Obs: todas as atividades no horário da tarde, sempre das 14h30 às 17h30; no CT do clube no bairro Ulisses Guimarães, no Campo número 2.

Segundo informações o clube solicitou a mudança de data do jogo contra o SC Genus, de sábado às 20h para o domingo às 17h30 afim de cobrar um preço simbólico na entrada para arcar com despesas de arbitragem e o quadro móvel. 

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Feminino: dias 25 e 26 de agosto com quatro equipes

Em reunião à tarde desta segunda-feira,17, com o diretor de competições da FFER Almir Belarmino, ficou decidido com relação ao futebol feminino, as seguintes resoluções;

1) serão quatro equipes na disputa do título máximo, onde a campeão será indicada para a próxima competição via CBF;
2) os jogos serão todos no Aluizão, nos dias 25 e 26 de agosto - uma sexta e sábado;
3) na sexta-feira,25, rodada dupla e no sábado os vencedores disputam o título;
4) regulamento e demais dados devem ser publicados até o meio desta semana;

Mas o Blog traz em primeira mão os jogos, conforme sorteio hoje à tarde:

dia 25/08, às 18h30 jogam Genus x Barcelona
dia 25/08, às 20h30 jogam Porto Club x Real Ariquemes

No outro dia, 26/08 as vencedoras decidem o título às 18h00 no Aluizão.


Série D: agora são 16 equipes e o Atlético-AC faz bonito

No jogo de ida contra o S. Francisco-PA o Atlético-AC empatou em 3 a 3, e agora no sábado(15) em casa fez os mesmo 3 porém, sem tomar nenhum. Foi um dos primeiros a passar de fase da região norte.

Aliás, aqui do norte continuam: Gurupi-TO, Atlético-AC e Santos-AP (preciso consultar meu amigo Alexandre Almeida), não tem mais ninguém.

Os confrontos seguintes são:

Maranhão-MA x Santos-AP; Guarany-CE x Globo-RN; Gurupi-TO x Atlético-AC; Flu-BA x Juazeirense-BA; Ceilândia-DF x América-RN; URT-MG x Vila Nova-MG; Espirito Santo-ES x Operário-PR e São José-RSC x S. Bernardo-SP.

Ida e volta - os times à direita decidem em casa.

Com informações da coluna J S nº 371 - Júlio Salles

Sub-20: Jipa 100% no Grupo B

Em jogo realizado no Biancão, na tarde deste domingo(16) o Ji-Paraná FC categoria sub-20 ganhou da AD Cacoalense por 2 a 1, e classificou-se em 1º lugar no Grupo B. Como sabemos o VEC desistiu de competir e com isso o Galo somou 12 pontos.

Ykis e Welton Borges, os dois goleadores do jipa, enquanto Felipe Oliveira fez o gol de honra do time de Cacoal. Agora já temos três equipes semifinalistas - os dois de hoje no Biancão e o Real Ariquemes - a quarta equipe somente no próximo sábado(22) entre Rondoniense e Genus.

domingo, 16 de julho de 2017

Rondoniense SC: chama os canhotos que eles resolvem

Houve uma época no próprio Periquito que tava "impestado" de canhotos - quem lembra: Kauê, João Paulo, Michel, Viotto -, ai trouxeram Edilsinho e Marcos Canhoto. Pois neste sábado(15), no Aluizão pela 5ª rodada do sub-20, lá estavam vários canhotos e resolveram a parada.

Num jogo em que nem empate servia, o time com quatro pontos teria que conquistar mais três e torcer por um empate em Ariquemes, entre Real e Genus. Na melhor das hipóteses uma derrota do aurigrená e, tudo se resolver na última rodada. 

Porém, as coisas nem sempre saem como o projetado. O que se viu nos primeiros 45 minutos foi um Rondoniense com excesso de precisão, sempre um toque a mais e perdendo inúmeras oportunidades de abrir o placar. O Porto Club até aventurou-se e encarou de peito aberto o Periquito. Aos 34' veio o primeiro gol da goleada de 5 a 0.

Chaquiri, isso mesmo o conhecido Wesley que agora trabalha e bem no meio-campo num escanteio muito bem cobrado, na cabeça do zagueiro canhoto Gabriel - este somente cumprimentou o goleiro Gabriel do Porto - e fazia o primeiro gol para o RSC. Aquela velha história de quando sai um gol, abre a porteira, pareceu nítida no jogo de hoje.

Até o apito do Álvaro para finalizar o primeiro tempo, só aumentou a pressão do Periquito em cima do rubro-negro. Mesmo assim terminou o primeiro tempo com: Porto 0 x 1 RSC.

Perguntado ao técnico Parma Oliveira se poderia haver mudanças no intervalo ele disse: "vou ali conversar com os atletas, acredito que não haverá mudanças(troca), mas atitude sim; precisamos da vitória e precisamos de saldo de gols".

Pelo lado do Profº Odilon Campos (Porto) ele disse: "tirei o Pedrinho porque ele já tinha amarelo, e poderia pegar um vermelho. Vamos partir para o empate".

O segundo tempo a história mudou, gosto muito do técnico que muda o estilo de jogo de seu time dentro do jogo - o que eu quero dizer com isso - sem trocar peças, somente posicionamento e, claro uns gritos também resolvem. O Breno começou a cair mais pela esquerda, o Pablo passou a render mais. E o Kelvin, este é um assunto à parte. Joga demais, hoje até a mãezona estava por lá. Acredito que a namorada, as primas, o irmãozinho mais novo, até o periquito(opa!), mas este ele já leva no peito.

Aos 8' justamente o segundo canhoto a marcar - lembram que o primeiro foi o zagueiro pela esquerda Gabriel -, pois bem, Mateus Castro outro canhoto ajeitou e Kelvin marcou. Aos 10' foi a vez do camisa 10 Mateus Castro fazer o dele, Gabriel goleiro do Porto saiu mal e entregou a bola no pé esquerdo de Pablo(RSC), este tocou para Mateus Castro com extrema "dificuldade" com o pé esquerdo tocou para o gol, a bola bateu na trave e voltou pra ele fazer o terceiro do RSC.

E tem mais..., ora se não tem, foram mexer com os canhotos. Aos 13' Pablo avança pela esquerda e com o pé esquerdo cruza voltando, rasteiro e Kelvin se estica todo e manda para o fundo das redes do Porto, era o 4º do RSC e o segundo do Kelvin.

Dai começou uma série de modificações, tanto de um lado como do outro. Parma de Oliveira (RSC) retirou de campo seus canhotos: Kelvin, Mateus Castro, Isaac e Chaquiri, até para poupar agora sim uma decisão contra o SC Genus, no sábado(22).

Mas ainda cabia mais, aos 47' Patrick que acabara de entrar na vaga do Isaac, mostrou oportunismo numa bola "vadia" que sobrou na pequena área, ele mandou um tirambaço sem chances para o bom goleiro Gabriel Lopes do Porto. Final de jogo: Porto Club 0 x 5 RSC.

Em Ariquemes o Genus perdeu de 1 a 0 para a forte equipe do Real Ariquemes, com gol de Vagner Júnior. Mas, segundo informações houve um gol mal anulado do Luan Fernando do Genus. Pra não dizer que não falei de flores; por aqui não foi muito bem o assistente nr 02 Cristiano Pereira, em lance de impedimento a favor do Porto Club no segundo tempo, assim como o árbitro Álvaro Araújo em dois lances considerados pênaltis em favor do RSC - os dois em cima do artilheiro Breno - o homem que não tem medo de cara feia de zagueiro.

A classificação ficou assim até a 5ª rodada - Grupo A.

1º) Real Ariquemes...11pg..., 3v, 2e, 0d, 12gols e saldo de 7gols
2º) SC Genus.......... 08pg..., 2v, 2e, 1d, 07gols e saldo de 3gols
3º) Rondoniense SC..07pg..., 2v, 1e, 2d, 16gols e saldo de 8gols
4º) Porto Club..........01pg..., 0v, 1e, 4d, 04gols e saldo de (18gols)
(Isaac, volante do RSC - foto: Flávio Daniel)






sábado, 15 de julho de 2017

STJD: 4ª Comissão Disciplinar aplica pena mínima a atleta do Genus

E foi nesta sexta-feira,14, o julgamento do atleta Israel de Castro Gonçalves, atleta do SC Genus incurso no art. 254-A pela 4ª CD/STJD no jogo entre: SC Genus x S. Raimundo(RR) no dia 18 de junho. Graças a defesa da Drª Bárbara Petrucci, que juntou prova documental e, conseguiu a desclassificação do art. 254-A para o art. 250 do CBJD.

Com isto por maioria de votos, o atleta citado foi suspenso por uma partida - que já cumpriu - o processo foi o de nº 075/2017 da 4ª Comissão Disciplinar do S.T.J.D.

Sub-20: Genus viaja desfalcado do goleirão Gabriel Sarges

Em um jogo onde pode sair o terceiro semifinalista do Sub-20 - Ji-Paraná e AD Cacoalense - já tem passaporte garantido pelo grupo B. A equipe do SC Genus embarcou às 23h desta sexta-feira, onde no sábado,15, enfrenta ao Real Ariquemes, ambas estão com 8 pontos ganhos e, vitória de qualquer lado sai o terceiro classificado, o empate então fica para a última rodada se conhecer os dois do grupo A, se houver empate entre Porto e RSC, ou derrota do Periquito ai até o empate no Valerião classifica os dois.

O pano de fundo do post é o seguinte: Genus relacionou somente 17 atletas, e não há presença do goleiro Gabriel Sarges - o boato é de que o contrato do atleta findou-se, e não houve renovação -, por outro lado o Real também apresenta desfalque, trata-se de Vagner Jr que não jogou aqui na quarta-feira contra o Rondoniense e, foi dado um período de férias já que o jovem atacante também foi campeão com os profissionais do rubro-negro.

Quem perde mais com os desfalques?

Ao final dos 90' saberemos. O Genus levou os seguintes atletas: Gustavo Lana e Alinton Arseno (goleiros), Marcos Paulo, Guilherme Antelo, Eric Marques, Antonio José, Raelliyson Soares, Luan Fernando, João Rages, Israel de Castro, Lucas José, Caio Leite, Felipe Rocha, Victor José, Matheus de Oliveira, Erick Patrick e Fernando Victor.

sexta-feira, 14 de julho de 2017

Álvaro no Aluizão, Thiago no Valerião e Kleiton no Biancão, são os homens do apito

Três jogos movimentam o campeonato sub-20 neste sábado e domingo (15 e 16): Valerião, Aluizão e Biancão recebem os jogos abaixo, com as respectivas arbitragens;

Jogo: Real Ariquemes x SC Genus - Grupo A
Data: 15/07/2017 (sábado) às 17h no Valerião
Árbitro: Thiago da Silva Barreto
Á.A.01: Joerverton Wesley
Á.A.02: Alessandro Bessa
4º Árb.: Salvino Rosa
Delegado: José Carlos Sana

Jogo: POrto Club x Rondoniense - Grupo A
Data: 15/07/2017 (sábado) às 17h no Aluizão
Árbitro: Álvaro Araújo da Silva
Á.A.01: Anderson Griffits
Á.A.02: Cristiano Pereira Lopes
4º Árb.: Reginaldo Alves Melo
Delegado: Levi Moreira de Souza

Jogo: Ji-Paraná FC x AD Cacoalense- Grupo B
Data: 16/07/2017 (domingo) às 17h no Biancão
Árbitro: Kleiton Gonçalves
Á.A.01: Sergio Carlos Rodrigues
Á.A.02: Edson Paulino
4º Árb.: Dieferson Silva Braz
Delegado: Luciano Almeida

Neste sábado tem futebol sub-14 dos "santos"

Recebi o convite, mas infelizmente por motivos profissionais - estarei trabalhando no jogo do sub-20 - não poderei estar presente na comunidade São Sebastião, logo após a ponte sobre o rio madeira onde haverá um amistoso super motivador entre São Francisco e Santa Fé.

A partida começa às 16h(*), categorias sub-14 e os comandantes: pelo São Francisco (André Ramos e Melky), já o Santa Fé que é do Jardim Santana o comando fica a cargo de José Lima.

(*) atualizado às 17h45 - o jogo será às 08h30 de sábado.

quinta-feira, 13 de julho de 2017

E lá vamos nós torcer por nossos heróis novamente

Falo dos rondonienses craques paralímpicos: Matheus Evangelista, Kesley Josue e Edson Cavalcante, quem não lembra desses rapazes na última Paraolimpíadas no Rio de Janeiro, pois agora o salto é mais longe - digo; salto e corrida - que são especialidades dos três.

Agora é Londres, a partir desta sexta-feira,14, na oitava edição do Mundial de Atletismo Paralímpico. Cerca de 1.300 atletas de 100 países são esperados nas 213 disputas por medalhas, todas no estádio Olímpico de Londres. O Brasil com 25 atletas, tenta fazer melhor do que foi em 2015 em Doha no Catar, quando foi o sétimo colocado no quadro geral de medalhas.

Foram 35 medalhas, sendo: 08 de ouro, 14 de prata e 13 de bronze.

Nossos craques

- O porto-velhense Matheus Evangelista teve paralisia cerebral por falta de oxigênio na hora do nascimento. Teve os movimentos do lado direito do corpo prejudicados. Chegou a jogar futebol 7, mas o coração bateu mais forte pelas pistas.

- Kesley Josue nasceu com baixa visão e, hoje enxerga cerca de 15%. Com 19 anos, iniciou no atletismo através do amigo acima Matheus.

- Edson Cavalcante Pinheiro foi entender sua deficiência lá pelos 15, 16 anos quando mudou de um Seringal onde nasceu no interior do Acre, para Porto Velho-RO. Assim como Matheus Evangelista, nosso herói nasceu com ajuda de uma parteira. Com falta de oxigênio, teve paralisia cerebral, que prejudicou o movimento do braço direito.

Fonte: cpb.org.br e Fotos: fanpage do comitê paralímpico


Sub-20: noite de belos gols no Aluizão

Dois jogos nesta quarta-feira,12, no Aluizão. Valendo os chamados jogos de volta do Sub-20, uma rodada dupla cheia de gols bonitos, de muita raça, vibração, suor e emoção. Enquanto isso pela Série A do brasileirão, tome jogo com placares mínimos e, alguns milionários atletas não "dando" uma carreira para seu ninguém.

Aqui no primeiro jogo via-se um Porto Club encarando pra valer ao Genus, com muitos atletas "cascudos",  p. ex. Gabriel Sarges (goleiro), Eduardo e Alemão (zagueiros), Marcão, Luan Fernando, Formiga, Israel, Caio Leite. O Genus abriu o placar cedo, logo aos 6' Luan Fernando. Aos 43' de falta Dilan deixou tudo igual. Na segunda etapa Formiga fez aos 7' e Israel fecho o placar em 3 a 1 já nos "descontos", como diria Iomar Pompeu.

No jogo de fundo: RSC X Real fizeram também um belo espetáculo, apesar da demora em entrar em campo por parte do rubro-negro do vale do Jamari. Se foi uma jogada psicológica por parte do time do Real, não sabemos. Na verdade houve até uma explicação por parte do Welves, camisa 10 que preferimos ficar com o que ele falou.

Bem, o Periquito partiu pra cima do Real, com gosto de gás. Para se ver com 30s (isso mesmo 30 segundos) de jogo o esperto Breno ao receber lançamento de Kelvin mandou para os fundos da rede defendida por Bruno goleiro do Real.

E só dava RSC, 5' após abertura do placar, de novo Breno(RSC) avançou pelo lado esquerdo de seu ataque e, com um detalhe - sem medo nenhum dos galalaus da defensiva do Real -, Jorge o capitão deu um carrinho, e carrinho na grande área é pênalti. Breno, sempre ele foi lá, goleiro para um lado e a bola no fundo das redes. Era o segundo do RSC e do Breno no jogo.

O Real estava assustado. Enquanto isso tome 1 a 0 pelo Brasil afora. O RSC recuou, foi cedendo terreno e cometendo faltas bobas quase na entrada da grande área. Uma delas Biscola bateu com força e o goleiro Matheus mandou a escanteio. Aos 34' nova falta em favor do Real, e nova oportunidade de gol. Quem foi bater essa falta? Claro, Biscola mais uma vez - desta feita, ele tirou da barreira e mandou no cantinho direito rasteiro do goleirão Matheus. RSC 2 x 1 Real.

Para a segunda etapa, o RSC já mudou o goleiro no intervalo. Era a volta do Sidney ao ninho, a toada era a mesma do final do primeiro tempo e, aos 38' o gol salvador do Real. Escanteio em favor do rubro-negro, Wellves(Real) cobrou na cabeça do zagueiro Jorge que só teve o trabalho de fazer o movimento correto e como um chute a gol, fez o 2 a 2.
(Clique para ampliar)

Pelo lado do RSC quero elogiar ao time todo. Que bela jogada foi essa de fazer rodada dupla, torcedor adorou. Já o rubro-negro tem várias peças nesse emaranhado de disputa; desde do goleiro ao ponta-esquerda. Pude rever e entrevistar Wellves, Biscola, o técnico do RSC. Muito boa a jornada esportiva..

Parabéns à todos!!!


quarta-feira, 12 de julho de 2017

Sub-20: Real Ariquemes chegou por volta de 23h e praticamente escalado

Por volta das 23h desta terça-feira,11, desembarcou em Porto Velho a equipe sub-20 do Real Ariquemes, onde logo mais a partir das 20h enfrenta ao Rondoniense na partida de volta da 1ª fase do campeonato da categoria. O Real ocupa o topo da tabela com 7 pontos, se faturar os três dessa noite já estará na semifinal.

O técnico André Lima deve mandar a campo a mesma equipe que goleou ao Porto Club no último domingo por 5 a 0. Naquela ocasião o time jogou com: 84) Bruno; 2) Alexandre, 3) Jorge, 16) Allan e 6) Bruninho; 19) Álisson, 14) Romário e 10) Welves; 7) Vagner Jr, 9) Biscola e 20) Lorran. Suplentes: 13) Quimas, 15) Cabeça, 18) Danslei, 21) Lucas Mineiro, 23) Arlesson, 25) Matheus Santos e Anthony Santos.

A Comissão Técnica

André Alexandre Lima (téc); Jorge Eduardo Gentil/Manga (prep. de goleiros), Leonardo Carlos da Silva/Leleco (pre. físico) e Rogerio de Souza Jorge/Zói (massagista).

terça-feira, 11 de julho de 2017

C.A. da FFER divulga arbitragem para cinco jogos do Sub-20

4ª e 5ª rodada do Sub-20 com jogos nos dias 12, 15 e 16 de julho já com arbitragem definida nesta manhã de segunda-feira,10.

Acompanhem as escalas, todos os jogos de volta:

Jogo: SC Genus x Porto Club - Grupo A
Data: 12/07/2017 (quarta-feira) às 18h no Aluizão
Árbitro: Reginaldo Alves de Melo
Á.A.01: Cristiano Pereira Lopes
Á.A.02: Anderson Griffits
4º Árb.: Álvaro Araújo da Silva
Delegado: Levi Moreira de Souza

Jogo: RSC x Real Ariquemes - Grupo A
Data: 12/07/2017 (quarta-feira) às 20h no Aluizão
Árbitro: Fledes Rodrigues Santos
Á.A.01: Anderson Griffits
Á.A.02: Cristiano Pereira Lopes
4º Árb.: Álvaro Araújo da Silva
Delegado: Levi Moreira de Souza

Jogo: Real Ariquemes x SC Genus - Grupo A
Data: 15/07/2017 (sábado) às 17h no Valerião
Árbitro: Thiago da Silva Barreto
Á.A.01: Joerverton Wesley
Á.A.02: Alessandro Bessa
4º Árb.: Salvino Rosa
Delegado: José Carlos Sana

Jogo: Ji-Paraná FC x AD Cacoalense- Grupo B
Data: 16/07/2017 (domingo) às 17h no Biancão
Árbitro: Kleiton Gonçalves
Á.A.01: Sergio Carlos Rodrigues
Á.A.02: Edson Paulino
4º Árb.: Dieferson Silva Braz
Delegado: Luciano Almeida

Fonte: FFER/Paulo Ricardo




Em jogo de nove gols o Atlético Clube 14 BIS passa para as quartas de final

Sabe aquele jogo em que nos primeiros 45' seu time faz 4 a 0. E a torcida fica radiante, esperando pelo menos mais 4 a 0 no segundo tempo. Pois bem, essas coisas acontecem no futebol. Futebol com arte, com vigor físico e, com estratégias.

E estrategia foi o que não faltou ao jovem técnico do Atlético Clube 14 BIS, Paulo Eduardo ao fazer - repito - 4 a zero no primeiro tempo do jogo que valia ir ao quadrangular decisivo, contra a forte equipe da Repmed. O adversário encostou no placar, mas o time da Base Aérea assim como uma esquadrilha da fumaça deu show e encerrou o jogo com: 14 BIS 5 x 4 Repmed.

Atlético Clube 14 BIS utilizou até agora nesta 1ª Copa Rondoniense Tupy 2017 os seguintes atletas:

Biro, João Batista, Renam, W Queiroz, Rick, Xana, Maranhão, Wellington, Tomas, Leandro, Léo Búfalo, Aguiar, Gabriel, Marlisson, Douglas, Ridivaldo, Mario e Fernando Ravani.
Técnico: Paulo Eduardo. Auxiliar Técnico; Joaquim Luís e Gerente de Futebol: Jeanderson Maranhão.
(Atlético Clube 14 BIS passa para as quartas - Crédito: Fanpage)

domingo, 9 de julho de 2017

Porto Club viaja a Ariquemes esperançoso de fisgar pontos do Real Ariquemes

A equipe rubro-negra do Porto Club Sub-20 saiu às 11h da capital, rumo a Ariquemes onde às 16h enfrenta ao Real Ariquemes no campo da Renascer, válido pela última rodada da 1ª fase do estadual sub-20.

A equipe já foi escalada pelo técnico interino Amarildo Maia, e entra em campo com: 1) Gabriel Lopes; 2) Antonio, 3) Israel, 4) Iuri e 6) Rodrigo; 5) Vitor Hugo, 7) Marquinhos, 8) Dilan e 10) Guilherme; 9) Damasceno e 11) Ítalo Nascimento.
(Porto Club Sub-20 - viajou a Ariquemes)

Com o resultado de ontem: Genus 3 x 1 RSC, a equipe do Genus assumiu a 1ª colocação com 5 pontos e o Real é o 2º com 4 pontos. RSC está em 3º lugar com 3 pontos e o Porto é o 4º com UM ponto positivo, podendo terminar a rodada na vaga do RSC.

sábado, 8 de julho de 2017

Real Ariquemes ganha o XXVII Campeonato Rondoniense de Futebol

Parabéns Real Ariquemes! Você entra no seleto clube de Campeões na era profissional do estado, o município de Ariquemes agora tem três conquistas, e o Real é a 11ª equipe a conquistar esse feito.


Hoje tem grito de Campeão! Sabe onde, sabe onde no interior

Texto Opinativo

Este 8 de julho, para quem é apaixonado por futebol tem um significado muito triste. Exatos há três anos atrás a seleção brasileira tomou uma lapada de 7 a 1 da Alemanha, na Copa do Mundo de 2014. Deixando o momento tristeza de lado, teremos hoje no Portal da Amazônia a final do rondoniense-17. A partir das 16h a bola rola para: Barça x Real.

Fazendo um rápido giro na história dos campeonatos de Rondônia desde 1991, portanto, este de hoje chegamos ao 27º encontramos uma soberania gritante do interior sobre a capital. O Ji-Paraná FC com 9 títulos (imbatível por muito tempo ainda), até porque seu mais próximo concorrente o VEC tem somente 5 títulos e a Ulbra que já se acabou com 3.

União Cacoalense (finada) tem 2; Ariquemes (2) e com UM seguem: Guajará, CFA, Espigão, Genus e RSC. Hoje teremos: Barcelona ou Real Ariquemes. No futebol do 7 a 1, por isso comecei meu texto relembrando a data,  a capital do estado em 27 estaduais somente três conquistas - é muito pouco.

O pior é o intervalo entre uma conquista e outra - o CFA em 2002 após 9 anos, depois o Genus em 2015 após 13 anos da conquista do CFA, em 2016 tivemos até uma final inédita entre Genus x RSC - os dois da capital, mas em 2017 a coisa desmoronou.

Voltamos para o interior, voltamos a cantar a famosa música. São 88,8% de prevalência dos amigos do interior. E o que falar de Barça e Real?

Gente, a edição de 2017 não foi essas maravilhas em termos técnicos - apontem ai uma revelação nos dois finalistas - talvez: Pablo e Tuquinha no Barça e, Vagner Jr o homem do efeito suspensivo no Real. Pouco né, muito pouco.

Outro detalhe com relação a forma de disputa, vejam vocês que o Barça chega ao último jogo com 35 pontos em 17 jogos, com 10 vitórias e 15 gols de saldo. Enquanto o Real com os mesmo 17 jogos tem; 31 pontos e 7 vitórias e 11 gols de saldo - entenderam 4 pontos a menos e 3 vitórias ídem.

Espero que o campeão seja conhecido nos 90 minutos. Em minha opinião, até porque o texto é opinativo - a tendência é de o Barça arrastar o caneco, tem dois goleadores excelentes e um goleiro que dispensa comentários -, mas do lado do Real com o agora acostumado a levantar taças no caso do Dida, e excelentes Michel Douglas, Bida, Marco Aurélio.

É briga de cachorro grande!

Mas por favor: pênaltis NÃO!!!

Sejucel: tudo indica que teremos um Coronel no comando

Para fechar o domingo. Uma notícia nos corredores da rádio farol, apesar do lobby em favor do nome de Rodnei Paes atual Superintendente da ...