Pular para o conteúdo principal

Rondoniense SC: chama os canhotos que eles resolvem

Houve uma época no próprio Periquito que tava "impestado" de canhotos - quem lembra: Kauê, João Paulo, Michel, Viotto -, ai trouxeram Edilsinho e Marcos Canhoto. Pois neste sábado(15), no Aluizão pela 5ª rodada do sub-20, lá estavam vários canhotos e resolveram a parada.

Num jogo em que nem empate servia, o time com quatro pontos teria que conquistar mais três e torcer por um empate em Ariquemes, entre Real e Genus. Na melhor das hipóteses uma derrota do aurigrená e, tudo se resolver na última rodada. 

Porém, as coisas nem sempre saem como o projetado. O que se viu nos primeiros 45 minutos foi um Rondoniense com excesso de precisão, sempre um toque a mais e perdendo inúmeras oportunidades de abrir o placar. O Porto Club até aventurou-se e encarou de peito aberto o Periquito. Aos 34' veio o primeiro gol da goleada de 5 a 0.

Chaquiri, isso mesmo o conhecido Wesley que agora trabalha e bem no meio-campo num escanteio muito bem cobrado, na cabeça do zagueiro canhoto Gabriel - este somente cumprimentou o goleiro Gabriel do Porto - e fazia o primeiro gol para o RSC. Aquela velha história de quando sai um gol, abre a porteira, pareceu nítida no jogo de hoje.

Até o apito do Álvaro para finalizar o primeiro tempo, só aumentou a pressão do Periquito em cima do rubro-negro. Mesmo assim terminou o primeiro tempo com: Porto 0 x 1 RSC.

Perguntado ao técnico Parma Oliveira se poderia haver mudanças no intervalo ele disse: "vou ali conversar com os atletas, acredito que não haverá mudanças(troca), mas atitude sim; precisamos da vitória e precisamos de saldo de gols".

Pelo lado do Profº Odilon Campos (Porto) ele disse: "tirei o Pedrinho porque ele já tinha amarelo, e poderia pegar um vermelho. Vamos partir para o empate".

O segundo tempo a história mudou, gosto muito do técnico que muda o estilo de jogo de seu time dentro do jogo - o que eu quero dizer com isso - sem trocar peças, somente posicionamento e, claro uns gritos também resolvem. O Breno começou a cair mais pela esquerda, o Pablo passou a render mais. E o Kelvin, este é um assunto à parte. Joga demais, hoje até a mãezona estava por lá. Acredito que a namorada, as primas, o irmãozinho mais novo, até o periquito(opa!), mas este ele já leva no peito.

Aos 8' justamente o segundo canhoto a marcar - lembram que o primeiro foi o zagueiro pela esquerda Gabriel -, pois bem, Mateus Castro outro canhoto ajeitou e Kelvin marcou. Aos 10' foi a vez do camisa 10 Mateus Castro fazer o dele, Gabriel goleiro do Porto saiu mal e entregou a bola no pé esquerdo de Pablo(RSC), este tocou para Mateus Castro com extrema "dificuldade" com o pé esquerdo tocou para o gol, a bola bateu na trave e voltou pra ele fazer o terceiro do RSC.

E tem mais..., ora se não tem, foram mexer com os canhotos. Aos 13' Pablo avança pela esquerda e com o pé esquerdo cruza voltando, rasteiro e Kelvin se estica todo e manda para o fundo das redes do Porto, era o 4º do RSC e o segundo do Kelvin.

Dai começou uma série de modificações, tanto de um lado como do outro. Parma de Oliveira (RSC) retirou de campo seus canhotos: Kelvin, Mateus Castro, Isaac e Chaquiri, até para poupar agora sim uma decisão contra o SC Genus, no sábado(22).

Mas ainda cabia mais, aos 47' Patrick que acabara de entrar na vaga do Isaac, mostrou oportunismo numa bola "vadia" que sobrou na pequena área, ele mandou um tirambaço sem chances para o bom goleiro Gabriel Lopes do Porto. Final de jogo: Porto Club 0 x 5 RSC.

Em Ariquemes o Genus perdeu de 1 a 0 para a forte equipe do Real Ariquemes, com gol de Vagner Júnior. Mas, segundo informações houve um gol mal anulado do Luan Fernando do Genus. Pra não dizer que não falei de flores; por aqui não foi muito bem o assistente nr 02 Cristiano Pereira, em lance de impedimento a favor do Porto Club no segundo tempo, assim como o árbitro Álvaro Araújo em dois lances considerados pênaltis em favor do RSC - os dois em cima do artilheiro Breno - o homem que não tem medo de cara feia de zagueiro.

A classificação ficou assim até a 5ª rodada - Grupo A.

1º) Real Ariquemes...11pg..., 3v, 2e, 0d, 12gols e saldo de 7gols
2º) SC Genus.......... 08pg..., 2v, 2e, 1d, 07gols e saldo de 3gols
3º) Rondoniense SC..07pg..., 2v, 1e, 2d, 16gols e saldo de 8gols
4º) Porto Club..........01pg..., 0v, 1e, 4d, 04gols e saldo de (18gols)
(Isaac, volante do RSC - foto: Flávio Daniel)






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Rondoniense de 17 anos vai disputar o concorrido Sub-20 em SP

Olha que notícia maravilhosa. Vem daqui de perto do distrito de Jaci-Paraná, a 80 km de Porto Velho, um filho do distrito chamado Jardson Medeiros, zagueiro de 1,85 m com 17 anos, pé esquerdo, pelo visto um prodígio - na acepção da palavra -, daqueles com habilidades próprias para pessoas com mais idade.
Acompanhe o histórico de Jardson: foi bicampeão da copa treze sub-15 pelo Avaí-PVH; em 2015 disputou o sub-16 pelo SC Genus; já o ano passado foi campeão do Interdistrital pela seleção de Jaci-Paraná, quando foi muito elogiado pela postura em campo e personalidade.
Desta temporada o garoto começou a viajar. Entenda-se viajando para fazer o que mais gosta, e sabe fazer. Foi para Confins-MG, disputou o campeonato mineiro sub-17 pelo Bonsucesso EC, sucesso garantido seu time foi eliminado na semifinal mineira. Algumas equipes de base da terra de Tiradentes tentaram ficar com o zagueiro.
Porém, seu destino acabou sendo São Paulo, primeiro jogou pelo Osvaldo Cruz FC, interior paulista. Ao vol…

Vila Nova FC - GO contrata dois do futebol rondoniense

Um é "veterano" dos seus 34 anos, mas a função talvez exija uma pessoa dessa estirpe, com formação superior em Ciências Contábeis; foi observador da base do próprio Vila Nova; trabalhou como Coordenador de Esportes e, portanto, na formação do Rondoniense SC onde sagrou-se campeão do 1º turno de 2016 no Periquito do Ulisses Guimarães - com às mãos nas costas -, depois saiu e foi especializar-se em Coaching na área esportiva, lá em Manaus-AM.
Falo de Welmer  Bueno(f), que já assumiu o cargo de Coordenador Geral da Base do Vila. Os objetivos traçados para o time goiano são alvissareiros e factiveis, senão vejamos: 1) tornar a base do Vila Nova, uma base profissional; 2) captar recursos financeiros para viabilizar todo o projeto; e 3) trabalhar a formação e liderança da equipe, captação de jogadores para a base, disciplina e compromisso. Falando em compromisso, a primeira grande batalha do Vila é a Copa SP com início dia 3 de janeiro próximo. (Welmer Bueno - reprodução/facebook)
A …

Tanaka faz acordo amigável e dá adeus ao Periquito

Foram somente três minutos vestindo a camisa oficial do RSC. Falo de Alessandro Tanaka, camisa 16 que entrou ao final do jogo entre RSC 0 x 0 Cuiabá pela Copa Verde, no último domingo. O ambiente no ninho do periquito já não estava legal para o atleta estrela de Guajará-mirim, ontem, segunda-feira entornou de vez.
E, agora à tarde o rápido atacante Tanaka, entrou em acordo com a diretoria do clube, e deu adeus ao RSC. Agora vem a surpresa maior. Sabe para onde voa o Tanaka, ou melhor, sai do ninho do periquito e vai para o Acre, isso mesmo o novo clube será no estado do Acre. E quem pensava no Tanaka no Galo da BR, tire o cavalo da chuva.
O blog chegou a conversar com Eder Marques, um dos diretores do Jipa, e ele assim se expressou: "Luis, na verdade era intenção da gente trazer o Tanaka para cá, como foi um acordo amigável e ele resolveu ir para o Acre, que seja feliz não vamos entrar em leilão". (Tanaka deixou o RSC nesta terça(7), vai para o Acre)