quarta-feira, 31 de julho de 2013

As últimas de uma terça-feira, final de mês

O Genus realizou treinamento tático em campo reduzido, no estádio Aluizão. Antes, uma longa conversa do técnico Ionay da Luz com todos os presentes. Enquanto isso o Nacional desembarcava no aeroporto Jorge Teixeira e, deslocou-se a um hotel da cidade. O azulão fará um reconhecimento do gramado na manhã desta quarta-feira,31, e a noite 20h a bola rola no Aluizão.

Valendo pela 3ª rodada do grupo A1 da série D. Enquanto o Nacional conquistou seis pontos e, teve uma recaida diante do Paragominas em casa, os comandados de Aderbal Lana vem com toda a inspiração possível para ganhar esses três pontos do Genus.

Enquanto o nosso representante não pode nem pensar em nova derrota. O time jogou bem no domingo em Rio Branco-AC e, se voltar a mostrar o belo futebol que fez contra o Plácido de Castro, o torcedor aurigrená poderá sair do Aluizão muito contente e, com os primeiros pontos creditados em seu favor.

As prováveis escalações

Genus: Diego Braga; Vander, Kleitão, Vagner Leonardelli e Diego Bahia; Valter Cavalo, Quintino, Robe e Josy; Careca e Souza (Marcos Canhoto).

Nacional: Jhonatan; Amaral, Márcio Abraão, Rafel Morisco e Rodrigo Ítalo; Fábio Souza, Bigu, Roberto Dinamite e Danilo Rios; Leonardo e Garanha.

Árbitro: Rogério José Bueno(DF), Jean Carlos Rodrigues(AC) e Rener Santos de Carvalho(AC).

Preço dos Ingressos: R$ 20 sem meia entrada (locais de vendas - Ffer, Farmaplus e Fiorela) e, também nas bilheterias do estádio a partir das 18h.

Transmissão: Rádio Caiari 1430Khz (AM) e conexão coma Rádio Rio Mar 1290Khz (AM).

Acesse: www.rondoniadireta.com

terça-feira, 30 de julho de 2013

Sub-20: Perfil dos Prováveis Semifinalistas

O Campeonato Sub-20 de 2013 promovido pela FFER, onde os clubes tem que ser obrigatoriamente filiados, vai chegando à segunda fase e, resolvi fazer algumas observações. Baseado em dados ouvidos à beira dos gramados tanto do CT do Moto Esporte Clube, como no CT do Sport Club Genus.

Neste pequeno levantamento irei responder às seguintes indagações: - porque inicialmente era para iniciar com seis equipes e, foram oito as inscritas; - é verdade que tem equipe "barriga de aluguel"; - quantos atletas foram inscritos no geral; - se classificar um da capital, como tudo indica o jogo de volta da semi ou de ida poderá ser no Aluizão;

Pois bem...

Na verdade o início do campeonato eram seis equipes. Todos lembram que logo depois entraram a Cacoalense e o Pimentense. Penso que a choradeira deve-se ao sucesso do representante de Cacoal. Mas, e sempre tem um mas. Dizem que o time nada tem a ver com o Bicampeão da terra do café e, falando de café o time é uma escolinha do técnico Simonio Veiga, que tem como diretor forte o Vereador Bruno Trevizani, homem ligado a uma empresa de torrefação de café.

A outra equipe que poderia ser chamada de "barriga de aluguel", seria o Rolim de Moura? O que se fala por ai é: a equipe do Rolim somente as camisas e, claro a inscrição está com este nome pois o time também é uma escolinha de futebol do ex atleta Ademirzinho que jogou muito tempo no Jipa e, a sede chama-se Nova Brasilândia.

Outro seria o Espigão do Oeste, que ano passado foi o representante de Rondônia na Copa SP. Existe também alguns políticos dando um apoio ao técnico Derli Soares. E o Ji-Paraná que tem sob seu comando o campeoníssimo Luciano de Almeida - tanto no Sub-20 como no profissional -, este mesmo Luciano sempre mantém vivo as categorias de base, porém, nunca deixou de falar de um parceiro dele pelos lados do Rio de Janeiro.

Por fim falo do Moto Esporte Clube. O time realmente é carente de apoio, os dirigentes conseguiram reativar o CT da BR 364 e mandou seus jogos lá - inclusive está invicto - mas, as dificuldades são enormes: "tenho uns 20 projetos encaminhados aos empresários da capital, estamos chegando ao final da 1ª fase e não recebi nenhuma resposta", disse Becão ao blogueiro.

E mais...

Numa média de 30 atletas por equipe, iniciou-se com 240. Se a semifinal for esta: Cacoalense com 30 atletas. Um (01) indígena Marlon Kenny dos Santos Apurinã com RG emitida pela FUNAI e um de SSP/RJ Guilherme Fernando Machado.

Espigão do Oeste com 31 atletas, sendo 9 de fora de Rondônia. Ji-Paraná FC com 40 atletas, sendo 17 de fora do estado, principalmente do Rio de Janeiro e Mato Grosso. Já o outro provável semifinalista o Moto Clube com 26 atletas inscritos, sendo que somente um teoricamente é de fora - o capitão da equipe -, João Batista Vieira da Silva do Maranhão. E se for o Ariquemes. Este o mais rondoniense de todos, pois, dos 26 atletas inscritos não consegui detectar ninguém com o RG de outro estado.

Bem, para os que falam sobre o Sub-20 e, ou outra categoria a coisa é complicada e, se os times estão conseguindo fazer essas parcerias sem "importar" muita gente de fora, penso que o caminho está correto. Agora um alerta aos senhores dirigentes será que desses mais de 200 jovens, não poderíamos aproveitar alguém para o profissional? Fica a reflexão.

segunda-feira, 29 de julho de 2013

Genus perde o 4º jogo seguido e Ionay da Luz deve cair

Pela 4ª vez seguida o Genus sai de campo derrotado, na Série D do brasileirão. Neste domingo,28, foi a vez do Plácido de Castro-AC tirar uma casquinha do nosso representante, dentro do Florestão. Placar final: Plácido de Castro 1 x 0 Genus.

Numa situação dessas, ou até menos a direção de qualquer clube do Brasil já teria feito o seguinte: demissão sumária do treinador, coisa que não foi feita pelo time Aurigrená. Porém, o momento é considerado tão crítico que Ionay da Luz não deve sentar no banco de reservas nesta quarta-feira,31.

A informação que o Blog recebeu é, esta semana seria de um verdadeiro desfiles de malas lá pras bandas do campo do 13. Isto se o time perdesse para o Plácido de Castro, coisa que veio a se concretizar.

Com a iminente saida de Ionay da Luz, alguns atletas também o acompanham.


domingo, 28 de julho de 2013

Renato Gaúcho sai da Casamata

Início do jogo pela Série A do brasileirão, em campo dois tricolores famosos - o dos Pampas (Grêmio-RS) e o de Laranjeiras (Fluminense-RJ). Antes da bola rolar, muita confusão de torcedores do Grêmio na Arena deles, inclusive com um torcedor bem forte e tatuado, chamando os PMs para brigar. 

E ai. Jogo iniciado, com os dois técnicos se confraternizando: Renato Gaúcho dá um abraço em Abelão do Flu, ambos voltam para seus lugares. Corridos uns cinco minutos, o narrador da BAND Nivaldo Prieto é chamado pelo repórter de pista de nome Chico Garcia, que solta esta pérola; "pela primeira vez Prieto o técnico Renato Gaúcho sai ali da casamata e, reclama contra seu time".

Pois bem, o velho e bom Wikipédia diz: "é uma instalação fortificada fechada e abobadada, militar. Podendo funcionar como abrigos de canhões e de metralhadoras". Será o que veio à mente do repórter que há poucos minutos com os PMs utilizando Spray de Pimenta e o fortão não sentiu nada.

(Isto é uma Casamata)

sábado, 27 de julho de 2013

Sub-20: 5ª Rodada com 18 gols marcados e dois classificados

A 5ª rodada do sub-20. Campeonato promovido pela FFER, teve seus jogos todos realizados neste sábado,27, o grupo A com: Genus 0 x 7 Moto e Ji-Paraná 1 x 1 Ariquemes, já o grupo B com Rolim 1 x 5 Cacoalense e Espigão 2 x 1 Pimentense. Foram exatos nove gols no A e o mesmo número de gols assinalados no B.

Nesta condições e, confirmados os placares a classificação ficou: no grupo A o Moto é o 1º) com 10pts e saldo de 9 gols; 2º) Ji-Paraná com 9pts e saldo de 3 gols; 3º) Ariquemes com 7pts e saldo positivo de um gol o Genus é o último com um pt e saldo de menos 13 gols.

Já pelo grupo B o Cacoalense com 12pts é o 1º (classificado) com saldo de 12 gols; Espigão com 10pts (classificado) e saldo de 4 gols, Pimentense é o 3º) com 4pts e saldo negativo de 9 gols, o 4º colocado é o Rolim com dois pontos e saldo negativo de sete.

Se a última rodada fosse esta de hoje, a semifinal ficaria assim: 2º de A (Jipa) x 1º de B (Cacoalense) o outro jogo seria o 2º de B (Espigão) x 1º de A (Moto). Com os dois primeiros decidindo em casa que vai à grande final.

Vale lembrar que Cacoalense e Espigão já estão classificados pelo grupo B, pode haver mudanaças, ou troca de posições. Já no grupo A - Moto, Jipa e Ariquemes - ainda tem chances de passar à frente.

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Arnildo Lino apita Mixto (MT) X Brasilia (DF) pela Serie D

O jogo entre Mixto (MT) X Brasilia (DF), em Cuiabá, válido pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro Série D, terá como árbitro o rondoniense Arnildo Lino dos Santos juntamente com o assistente Valdebranio da Silva (RO) e Evandro Gomes Ferreira (GO).

A partida será no próximo dia 27/07/2013 (sábado), as 16:00 horas no estádio Presidente Dutra em Cuiabá/MT.


Autor: assessoria FFER

Treze Categorias de Muay Thai se enfrentam neste sábado,27, a partir das 14h

Os melhores lutadores de Muay Thai do estado de Rondônia, teem uma batalha pessoal neste final de semana. Começa com a pesagem oficial nesta sexta-feira e, o ápice, no sábado(27) a partir das 14h na batalha de quem vai ao vizinho estado do Mato Grosso do Sul, na cidade de São Gabriel disputar o Brasileiro de Muay Thai.

Bem, o local do evento será o C.T. Octaron (foto). E, todos os detalhes assim como cobertura ao vivo pelo www.lsesporte.com. Leia aqui

(foto - divulgação)
 

CBF divulga lista de árbitros para testes em agosto e tem rondoniense convocado

O Deprtamento de Arbitragem da CBF marcou para São Paulo no início de agosto o local do próximo teste físico dos árbitros FIFA. As atividades físicas serão realizadas na pista de atletismo do estádio Ícaro de Castro Melo - o Ibirapuera.

Ao todo foram convocados 75 árbitros entre FIFAs, aspirantes e promissores. Também há uma lista de 25 árbitros de ambos os sexos, que ficam no banco de reservas. Se alguém desistir dos 75, chama dos 25 da lista de espera.

A notícia alvissareira desta postagem é a inclusão do rondoniense Fledes Rodrigues Santos(f), no quadro de promissores. Será que logo, logo teremos mais um escudo FIFA no peito de um rondoniense? Maiores detalhes aqui

(Fledes Santos - árbitro CBF e de RO)

E aqui a lista com o nome de Fledes Santos, entre os promissores.





CA divulga os árbitros para a 5ª rodada do Rondoniense Sub-20

CA divulga os árbitros para a 5ª rodada do Rondoniense Sub-20

Os árbitros que irão atuar na quinta rodada do Campeonato Rondoniense Junior 2013 - foram divulgados pela Comissão de Arbitragem da Federação de Futebol do Estado de Rondônia.

A escala apresentada pela Comissão ficou assim definida:

Jogo: JI-PARANA X ARIQUEMES
Data: 27/07 (sábado), às 16:00 horas
Estádio Biancão – Ji-Parana/RO
Árbitro: Benildo Lima dos Santos
Ass 01 : Sergio Carlos
Ass 02 : Claudio Marcio de Souza
4º Árbitro: Tertulino Ferreira Filho
Delegado: Adilson Jesse Rodrigues


Jogo: ESPIGÃO X PIMENTENSE
Data: 27/07 (sábado), às 17:00 horas
Estádio: Luizinho Turatti – Espigão do Oeste/RO
Árbitro: Adailton Francisco Souza
Ass 01 : Jamerson Martins dos Reis
Ass 02 : Gilmar Holanda de Souza
4º Árbitro: Valdeli Pedro
Delegado: Jair da Silva Costa


Jogo: GENUS X MOTO
Data: 27/07 (sábado), às 16:00 horas
Estádio: C.E NOVO NORTE - Porto Velho/RO
Árbitro: Leandro Bratti
Ass 01 : Cristiano Pereira Lopes
Ass 02 : Reginaldo Alves de Melo
4º Ábitro:
Delegado: Levi Moreira de Souza


Jogo: ROLIM X CACOALENSE
Data: 27/07 (sábado), às 16:00 horas
Estádio: Cassolão – Rolim de Moura/RO
Árbitro: Lindomar Kuhn
Ass 01 : Renato Kuhn
Ass 02 : Flagson Gambart
4º Árbitro: Jonas Kuhn
Delegado: Nedio Bratti


Autor: Assessoria FFER

Sub-20: Rolim de Moura x Cacoalense será no Cassolão

O Departamento Técnico da FFER, como foi publicado em seu site oficial aplicou a perda de um mando de campo, ao filiado Rolim de Moura EC, categoria Sub-20 na terça,23, conforme Capítulo VII, art. 17 do Regulamento Específico da Competição (REC).

Motivado pelo relatório do árbitro no jogo entre Pimentense x Rolim, também já postado neste Blog. Agora, na data desta quinta-feira,25, o mesmo Dep. Técnico emite o IMT (Indicação de Mudança na Tabela), conf. foto abaixo.



E aqui vou eu

Tudo certo como dois e dois são quatro. E não quero confusão com o amigo João Dalmo, diretor Técnico da FFER. Serve para o debate salutar.

Ele se valeu do REC para penalizar o Rolim com a "perda" do mando de jogo, sim. Porém, o art.9º do RGC (Regulamento Geral das Competições) diz: compete ao Deptº Técnico da FFER, letra a) designar data, horário e local das partidas, promovendo alterações quando necessário.

Também corretíssimo o nobre diretor. Mas, não teria beneficiado o infrator que mandava seus jogos em Nova Brasilândia e agora com a perda do mando de campo joga no Cassolão. Estamos diante de uma incongruência? Pensei, manda esse jogo para o Valerião.


quinta-feira, 25 de julho de 2013

Tragédia: depois de cobrir Galo campeão, radialistas morrem em acidente de carro

Dois cronistas da Rádio Mega FM do Distrito Federal morreram na madrugada desta quinta-feira, 25, em acidente de carro. O locutor esportivo Maurício Leandro e o comentarista Fernando Brettas estavam voltando da cobertura da disputa pela Libertadores da América, entre Atlético-MG x Olímpia, quando sofreram o acidente.

Matéria do jornal Estado de Minas conta que a tragédia aconteceu na BR-040, em Felixlândia, na região central de Minas Gerais. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o carro em que estavam os profissionais saiu da pista na altura do km 370 e só parou quando bateu em uma árvore. Ambos ficaram presos nas ferragens. O terceiro passageiro foi socorrido e levado ao Hospital Municipal de Felixlândia, onde permanece internado com lesões leves.
Em nota, a Associação Brasiliense dos Cronistas Desportivos lamentou o ocorrido.

CA/CBF escala trio amazonense para Plácido de Castro-AC x Genus-RO

A sexta rodada do Grupo A1 da Série D tem prosseguimento neste final de semana. O nosso representante Sport Club Genus viaja até Rio Branco-AC, onde no domingo,28, tenta faturar seus primeiros três pontos na competição contra o campeão acreano Plácido de Castro.

A partida será realizada no estádio Florestão, às 17h (horário de RO) e a Comissão de Arbitragem da CBF sorteou o trio amazonense: árbitro Edmar Campos da Encarnação, assistente 1 Jánder Rodrigues Lopes, assistente 2 Ivo Fernando da Costa de Sousa, tendo ainda os acreanos Carlos Ronne Casas de Paiva (4º árbitro) e José Alberto Teixeira (como assessor).

Sub-20: 5ª rodada revive alguns jogos da 1ª divisão deste ano

A 5ª rodada do campeonato de juniores sub-20, apresenta neste sábado,27, alguns jogos que fizeram parte da 1ª divisão deste ano. Quem não lembra de um Ji-Paraná x Ariquemes, onde o Galo da BR realmente não foi páreo para o Ariquemes, coisa que neste sub-20 não se repete. A próposito o Ji-Paraná é o 1º colocado do Grupo A com 8 pontos e o Ariquemes o 3º com 6 pontos.

Ainda no Grupo A, teremos Genus x Moto. Este jogo não aconteceu na 1ª divisão, e o Genus simplesmente atropelou quem lhe apareceu pela frente. Para este jogo o técnico Zé Francisco do Genus não poderá contar com um de seus melhores atletas - Nivaldo, camisa 10 - que foi expulso contra o Ariquemes.

Já o comandante Becão do Moto Esporte, que perdeu na estreia para o ótimo Jipa e só vem acumulado resultados positivos - duas vitórias e um empate -, deverá repetir o time que empatou com o Jipa no último final de semana em 2 a 2.

As prováveis escalações

Genus com: Felipe; Sávio, Luã, Matheus e Ricardo; Everton, Renato, Jámesson e Robinho; Marcos e Tiago. Téc. Zé Francisco.

Moto com: Alex; Alef, Batista, Matheus e Esquerdinha; Henrique, Fernando, Nenê e Gugu; Wigner e Allan Rágner. Téc. Becão.

A partida será realizada no CT do Genus, denomindo Novo Norte no Bairro Ulisses Guimarães. Então fica assim a rodada completa.

Ji-Paraná FC x Ariquemes e Genus x Moto Clube ( pelo grupo A ), Espigão x Pimentense - este jogo na primeirona deste ano deu o que falar -, com o Pimentense fazendo belo papel. No sub-20 quem dá as cartas é o Espigão. Já Rolim x Cacoalense, não tivemos este encontro no profissional. 

Agora é bom que se diga e, ressalte-se a campanha da Cacoalense sob o comando de Simônio e do Trevizane. Não é atoa que o time com um empate e, na penúltima rodada da fase já confirma presença na semifinal. Estes quatro últimos fazem parte do grupo B.

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Professor Gallo e General Pinochet: tudo a ver

O treinador Gallo cantou forte e anunciou que nas seleções de base não haverá mais jogadores com brincos, fones de ouvido, penteados diferentes e com marra. Sua decisão me lembrou o Chile de Pinochet e a Argentina de Cesar Menotti.

Leitor assíduo de jornais, uma das imagens mais chocantes que guardo na memória foi de jovens chilenos fazendo filas enormes para cortar o cabelo. Era 12 de setembro de 1973, um dia após o golpe militar do general Pinochet, que acabou com a experiência socialista – referendada pelo voto – de Salvador Allende.

Uma cena brutal. Seres humanos sendo obrigados a usar um tipo de cabelo determinado pelo milico de plantão.

Menotti não tem nada a ver com Pinochet. E nem com Gallo. Treinador que sempre apostou no toque de bola e na boa colocação da defesa em vez de faltas violentas, Menotti era um amante do futebol. E contava uma história para ilustrar como esse era o esporte mais democrático existente.

“Se em qualquer treino de qualquer esporte, o treinador se recusar a dar uma chance para um garoto gorducho, um garoto aleijado ou um garoto quase anão, ele terá poucas possibilidades de estar errado. Se for treinador de futebol, poderá estar afastando genios como Coutinho, Garrincha e Maradona”.

É isso. Gallo não quer marra. Vai para casa, Romário. Gallo não quer cabelo comprido? Fora, Neymar. Gallo não gosta de brinco. Toma seu rumo, Maradona.

É muito triste ver a paixão popular nas mãos de alguém tão tacanho. Ele deveria estar preocupado com a falta de jovens jogadores que saibam marcar (laterais), que saibam passar (volantes) que saibam fazer recomposição (meias).

O Brasil está atrasado taticamente, basta ver o futebol europeu. (E como me dói dizer isso) e o professor quer saber de comprometimento, de restrições, de autoritarismo.

Ele disse, ao Estadão, que há um garoto sub-15 do Grêmio, de ótimo futebol e que não foi chamado porque se recusou a dar a mão a um treinador durante um jogo. Fácil, né? Difícil é convocar e ensinar. Passar conceitos. Melhor, não. Que conceitos passaria? Ordem, disciplina, restrição?

O Brasil tem dado muito valor aos treinadores. Um jogador pode se chamar Gallo. Quando vira técnico se transforma em Alexandre Gallo. Junior vira Dorival Junior. E aí vai. Treinador é tão importante que precisa ter sobrenome.

Atitudes como essas de Gallo mostram o deserto de ideias que vive o futebol brasileiro, comandado por esse tal Marin, esbirro da ditadura.

O Brasil não é assim. Não é um país jeca. Nosso futebol é maravilhoso. Não precisa de professores gallos.

Fonte: http://blogdomenon.blogosfera.uol.com.br

Sub-20: tudo em virtude de uma bola, Rolim perde um mando de jogo

Jogo pela 4ª rodada do Campeonato Sub-20. Em campo Pimentense x Rolim, o time visitante chega a abrir o placar aos 35min do 1º tempo, com o atleta Rabiola. Fim dos primeiros 45min, Pimentense 0 x 1 Rolim.

Na segunda etapa, Marcelo empata aos 18min e Lucas vira o jogo em favor do Clube Atlético Pimentense aos 27min. E daí começou o inferno para o árbitro Arildo Pereira de Souza. No total ele aplicou 11 cartões amarelos e dois vermelhos diretos, 13 cartões no geral.

Agora meus caros, como é que um time parte para armar barraco junto com alguns de seus torcedores, por causa de uma BOLA. Acompanhe o relato do árbitro: "após o apito final, os atletas do Rolim de Moura com apoio de sua torcida, tentaram agredir os atletas do Pimentense. Motivo. Uma das bolas do jogo, eles diziam que eram do Rolim. Foi necessário a intervenção dos PMs para acalmar os ânimos".

Ainda como resultante desta indisciplina, o Deptº Técnico da FFER publicou a Port. nº 014/2013, de 23 de julho com o seguinte teor:

Considerando o ocorrido acima, resolve: baseado no Art.17 do Capt. VII do Regulamento da Competição, punir administrativamente a equipe do Rolim de Moura com a perda do próximo mando de campo.

Um detalhe: se o próximo jogo jogo do Rolim de Moura estava marcado para o estádio Municipal de Nova Brasílândia, penso que o jogo não poderá ser no Cassolão. Se não beneficiaria o infrator.

terça-feira, 23 de julho de 2013

E vem ai a Copa Verde: Rondônia tem assegurada duas vagas

É grande a expectativa para a realização da Copa Verde que deve acontecer em outubro deste ano, promovida pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), fruto de solicitações feitas pelos presidentes das Federações de Futebol do Norte. Em Rondônia deverá ter duas vagas na competição regional, conforme antecipou o presidente da Federação de Futebol do Estado de Rondônia, Heitor Costa.

Heitor explica que a Copa Verde será uma espécie da antiga Copa Norte, extinta em 2002 após seis edições. Remodelada, a competição vai envolver ao todo, oito estados, com dois representantes cada que estarão na disputa: Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima, Acre e Amapá (região Norte) e Mato Grosso e Mato Grosso do Sul (região Centro-Oeste).

Os últimos detalhes para o documento devem ser acertados até o dia 15 de agosto - cinco dias antes da data limite para a divulgação da tabela oficial, conforme determina o Estatuto do Torcedor.

Heitor ressalta que sempre esteve engajado nas discussões em torno do assunto junto a entidade maior do futebol brasileiro. “Estamos buscando condições para que a competição seja realizada e, consequentemente, movimentar o futebol do Norte, como acontecia com a extinta Copa Norte”, disse Heitor.

As federações ainda viabilizam junto à CBF a possibilidade do campeão da Copa Verde disputar com o vencedor da Copa do Nordeste uma vaga na Sul-Americana do ano seguinte, como um segundo atrativo à nova competição.



Autor: assessoria/ffer

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Genus repete erros do jogo contra o Plácido de Castro e sai derrotado de Boa Vista

Nada na vida vem fácil...começo esta postagem filosofando? Confesso que não cheguei a postar nada do jogo da estreia do técnico Ionay da Luz à frente do Sport Club Genus, contra o bom time do Plácido de Castro-AC. Sim o Campeão acreano deste ano, no meio da semana fez um bom jogo e bateu o Genus por 2 a 1 com o velho Aluizão quase lotado  para os lugares reservados.

Para um time que passou um mês treinando: seja, físico, tático e coletivos em campos reduzidos, a esperança era do time entrar "mordendo" como se diz na gíria do futebol, em certos momentos até que a tomada foi ligado nos 220V, em outros o bom planejamento e a calma do adversário fez derrubar o sistema implantado pelo Prof. Ionay.

Chega finalmente o dia do terceiro jogo do Aurigrená e o segundo para Ionay da Luz. Agora vem o lado "nada fácil na vida", começa por cancelamento de voo, volta para o hotel, viaja ou não viaja. E, esses pequenos detalhes não há quem me diga que não mexe com o lado psicológico - alguns atletas nem sentem, porém, outros sentem e muito -, prova disso foi o rendimento deste domingo no estádio Ribeirão.

Terceiro jogo do Genus pela Série D e, terceira derrota. A torcida está revoltada e, as críticas caem justamente para a diretoria do time, citam em torno de quatro atletas - dos quais fiquei surpreso com os nomes de Quintino e Guarate -, André Merenda a TOG pede o afastamento imediato e o acusam de ex atacante amador no time de profissionais.

Ainda do manifesto publicado em sua página oficial via facebook, leiam o que a Torcida Organizada Genocídio (TOG) fala do Profº Ionay : "Quanto ao técnico FANTA que está dirigindo nosso clube, se sair não fará falta. Nunca nos respeitou e nunca honrou as nossas cores e nossa torcida. Que coloquem um interino ou até o Zé do sub-20.

Contra o Nacional o protesto será grande e pesado. Quem viver verá. Saudações aurigrenás."

Portanto, o clima está tenso e cabe ao jovem presidente do Genus Ednei Lucas, junto com seus pares tomar às rédeas da coisa, assim que descer no Aeroporto Jorge Teixeira nesta segunda,22.

Será que a solução ou ao menos o início dela não estaria pertinho do campo do 13. Falo de Jiuliano Salim e Rafael Pato, ambos jogaram o campeonato profissional deste ano por clubes diferentes - Rolim de Moura e Ji-Paraná FC -, foram até sondados para reforçar o Genus. Porém, foram descartados porque pasmem; teriam que fazer testes.

Tempo para recuperação sim. Pelo menos há 15 pontos em disputa, já no próximo domingo o time vai ao Rio Branco-AC enfrentar o Plácido de Castro, dia 31 de julho uma quarta-feira à noite aqui no Aluizão enfrenta o Nacional-AM e, vida que segue.




domingo, 21 de julho de 2013

Genus gasta 8h a mais para chegar em Boa Vista-RR

Em voo que normalmente dura em torno de 2h para, sair de Porto Velho e aterrissar em Boa Vista-RR. O Sport Club Genus que sairia da capital por volta das 5h da madrugada deste sábado,20, somente embarcou por volta das 9h30 da manhã.

Check-in, hotel, voo cancelado. Enfim chegada em Boa Vista por volta das 15h30min perfazendo um total de 10h, portanto, em torno de 8h o que faz com que alguns atletas fiquem estressados que ninguém é de ferro.

Falando da relação de atletas, cadê esta comunicação. Pelo menos na primeira viagem do Aurigrená até Paragominas-PA, sabia-se quem era quem. Mas, desta vez hein dona Tais Leite que me parece voltou a trabalhar na assessoria de comunicação, mesmo assim...

(Foto: Fan page do Genus)



sábado, 20 de julho de 2013

Sub-20: Moto continua invicto como mandante e Genus perdeu fora de casa

Jogando em seu campo no CT da BR 364, sentido Guajará-Mirim, a equipe de Sub-20 do Moto EC empatou na tarde deste sábado,20, com a forte equipe do Ji-Paraná FC. Para se ter uma ideia do poderio que é o Galo da BR, o time conta com reforço de quase uma onzena  de jovens oriundos do sudeste brasileiro - principalmente do Rio de janeiro.

(Moto Esporte Clube - Sub 20)


O Galo da BR partiu na frente, fazendo um a zero. Coube ao zagueirão Batista do alvirrubro da BR de cabeça, fazer 1 x 1 em cobrança de escanteio. Porém, Jipa é Jipa chegou a fazer o segundo gol, nestas alturas um "duelo" a parte em termos de treinadores.

Luciano de Almeida técnico do Jipa, mais uma vez abriu o verbo contra o local do jogo. Mesmo assim tem um belo time de futebol, recuou um pouco seu time com esses três pontos fora de casa. Mas, do outro lado tem o grandalhão Becão que mexeu com os brios da garotada do Moto. Resultado, Fernandinho o lépido atacante do Timão, fez de falta o empate em 2 x 2.

Com esse resultado o Moto se afirma na 2ª colocação do Grupo A, com 7 pontos o Ji-Paraná chega aos 8 pontos e, o Ariquemes se confirmado o placar de 3 a zeros em cima do Genus, é o 3º com 6 pontos. O Genus continua em último com somente um ponto.

Até o fechamento desta postagem a informação é de que o Cacoal em casa fez 2 a zero no até então invicto Espigão e, chegou aos 9 pontos assumindo justamente a vaga do espigão que fica com os 7 pontos. O outro jogo Pimentense x Rolim, daqui a pouco o resultado.

Sub-20: Genus e Moto relacionam 40 atletas para os jogos deste sábado

Nesta sexta-feira,19, diferentemente do time principal que viaja à Boa Vista-RR o Sport Club Genus deu a conhecer seus atletas que irão até Ariquemes, para enfrentar o time de mesmo nome na categoria Sub-20. Os convocados pelo técnico José Francisco e o auxiliar Davi:

Felipe, Savinho, Luã, Floreste, Ricardo, Renato, Ewerton, Jamerson, Nivaldo, Lucas Tiago, Ismael, Robinho, Lucas Barros, Renam, Fran, Matheus, Perrel, Gustavo, Dionatan, Vaguinho e José Sávio.

Já as feras do Becão, que jogam em sua casa no CT da BR, contra o Ji-Paraná FC foram convocados e, apresentar-se-ão às 15h00:

Alex, André, Aleff, J.Batista, Mateus, Ronam, J.Henrique, Diones, Negueba, Nenê, Wigner, Alan, Fernandinho, Pingo, Rafael, Roger, Flávio, Samir, Washington e Maylan. Estes são os 20 do Moto Esporte Clube.


sexta-feira, 19 de julho de 2013

CA divulga os árbitros para a 4ª rodada do Rondoniense Sub-20

Os árbitros que irão atuar na quarta rodada do Campeonato Rondoniense Junior 2013 - foram divulgados pela Comissão de Arbitragem da Federação de Futebol do Estado de Rondônia.

A escala apresentada pela Comissão ficou assim definida:

Jogo: ARIQUEMES X GENUS
Data: 20/07 (sábado), às 16:00 horas
Estádio Gentil Valério – Ariquemes/RO
Árbitro: Jonathan Antero Silva
Ass 01 : Davi da Silva de Oliveira
Ass 02 : Edilson Soares Falcão
4º Árbitro: Maicon Pessoa de Souza
Delegado: Tereza Aparecida Fonseca


Jogo: MOTO CLUBE X JI-PARANÁ
Data: 20/07 (sábado), às 16:00 horas
Estádio: C.T. Moto Clube –Porto Velho/RO
Árbitro: Tulio Nill Sobreira
Ass 01 : Valdebranio da Silva
Ass 02 : Reginaldo Alves de Melo
4º Árbitro:
Delegado: Levi Moreira de Souza


Jogo: PIMENTENSE X ROLIM
Data: 20/07 (sábado), às 17:30 horas
Estádio: Luiz Alves Athaide- Pimenta Bueno/RO
Árbitro: Arildo Pereira de Souza
Ass 01 : Valdecir Teixeira do Nascimento
Ass 02 : Reinaldo da Cruza Moret
4º Ábitro: Valdeci Ambrozio do Nascimento
Delegado: Marcos Antonio Neves


Jogo: CACOALENSE X ESPIGÃO
Data: 20/07 (sábado), às 16:00 horas
Estádio: Aglair Tonelli – Cacoal/RO
Árbitro: Leandro Bratti
Ass 01 : Valdecir Ferreira da Silva
Ass 02 : Valdeson Ferreira da Cruz
4º Árbitro: Diones da Cruz Diniz
Delegado: Edmar Rodrigues Araujo


Autor: Assessoria FFER

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Genus deve contar com Merenda e Sousa para não sair com o placar em branco

Finalmente o Sport Club Genus entra em campo oficialmente em casa, na noite desta quinta-feira,18, às 20h para encarar o Campeão Acreano, Plácido de Castro no Aluizio Ferreira. Foram 40 dias de espera, logo que jogou em Paragominas-PA contra o time do mesmo nome e naquela ocasião fora goleado por 4 a 1.

Depois de idas e vindas, com jogos adiados contra o Nacional-AM e, o próprio adversário da noite de hoje o representante de Rondônia faz seu segundo jogo no grupo A1 da Série D.

O time Aurigrená está praticamente escalado por Ionay da Luz, para se ter ideia da responsabilidade e do grau de interesse dos dirigentes do Genus, o time como já foi falado acima está a mais de um mês sem entrar em campo, mesmo assim concentrou desde à noite desta quarta-feira.

Agora uma observação aos dirigentes do Genus, o Blog tomou conhecimento de que o zagueiro Vagner Leonardelli está no mesmo hotel, portanto, relacionado para o jogo. Pois bem, mesmo sendo absolvido pela 4ª comissão julgadora do STJD, por expulsão no jogo contra o Paragominas. Vagner não pode nem pensar em ficar no banco de reservas hoje.

Tem que cumprir a AUTOMÁTICA.

Política e Futebol há muito se conectam no Brasil

O pior das velhas "práticas politiqueiras" sempre esteve nos clubes esportivos, gerando verdadeiras "ditaduras" e "máfias". Além disso, por diversas vezes, os chamados "cartolas" se tornaram políticos profissionais (especialmente vereadores e deputados estaduais e federais).

Sempre houve oposição a essas figuras, entretanto, destaco, agora, o movimento "Torcida Zero", dos adeptos do Esporte Clube Bahia, que teve lugar durante as grandes manifestações sociopolíticas, éticas, culturais e econômicas que abalaram a primavera no Brasil (junho/2013).

O Bahia, tradicionalmente, lotava estádios: das maiores médias de público do país. Foi fácil, então, aos torcedores perceber que, diante dos desmandos e da falta de democracia imputados à Presidência de Marcelo Guimarães Filho, poderiam parar de aumentar os cofres do time, "zerando de torcida" os jogos...

Não vou comentar, especificamente, sobre aquela Presidência, porque os amantes do Esquadrão de Aço sabem os motivos que os levaram a protestar. O fato é que mobilizaram o Governador do Estado, o Prefeito de Salvador, vereadores, secretários de esportes do Estado e do município, Senadores, Deputados Federais, ex-jogadores históricos do clube, fundaram o movimento "Bahia da Torcida" (que tentava renovar as práticas políticas e de gestão da entidade) e, de fato, minaram ou, mesmo quase 'acabaram' com a renda do clube em diversas partidas...

Resultado: desde 2011 corria processo na Justiça contra o último processo eleitoral no clube e a expulsão do Conselheiro Jorge Maia. Esse processo fora movimentado e pressionado e, por decisão da desembargadora Lisbete Maria de Almeida, do TJBA, o advogado mineiro Carlos Rátis fora nomeado interventor do clube (para analisar e apurar todos os indícios de crime das gestões das últimas décadas e convocar novas eleições). Fora expulso Marcelo de Oliveira Guimarães Filho -- que, por sinal, é ex-vereador e ex-Deputado Federal -- filho de outro ex-político, empresário e ex-Presidente do Bahia.

O Brasil dos políticos cartolas e dos cartolas políticos, dos filhos de alguém, dos que tratam o patrimônio público e o patrimônio coletivo como privado, viu mais um episódio que disse rotundo não a toda essa herança.

Articulação inteligente e democrática (ações e estratégias criativas e inclusivas), amor por um ideal comum (neste exemplo, a camisa de um time e seu passado e possibilidade de grandioso futuro) e tentativa de refundar as coisas, com base na ética. Três forças que não podem mais ser desprezadas, no novo Brasil, pós-2013.

País do futebol, podemos até ser. Mas da honestidade, acima de tudo.

Péricles Sousa 
O autor é Procurador Geral da Fazenda Nacional, doutorando em Universidade de Coimbra e gosta das coisas direitinhas.

Ferroviário Máster 05 x 04 Amigos de Goiânia

Ufa! Após uma longa folga aqui no Blog, minha última postagem "ao vivo" foi dia 14. Volto do DM e trago alvíssaras para vocês - p...