sábado, 30 de abril de 2016

Campeão do 1º turno levou 20 atletas para encarar o Galo

O Campeão do 1º turno do rondoniense, embarcou na tarde desta sexta-feira,29, para encarar o Ji-Paraná FC dentro do Biancão. A partida acontece às 19h deste sábado,30, e conta com vários detalhes que não podem deixar de ser citado.

O RSC começa sua trajetória, assim como foi no 1º turno - fora de casa -, é o único invicto do campeonato, aliás, um dos poucos no Brasil, conta com o artilheiro da competição Marco Aurélio com 9 gols. Terá sob o comando da equipe o jovem treinador Elias Santana (assume interinamente), não conta com dois atletas até então considerados titulares - André Jr e Lucas Freire, voltaram para Goiás.

Com toda essa gama de ingredientes, vai pegar um Jipa super-motivado que, inclusive chegou a inscrever um time inteiro já liberados no BID/FFER. Mas, vida que segue Elias Santana convocou 20 atletas, que são:

Goleiros: Dida e Geilson
Lateral Direito: Cássio e Ronald
Zagueiros: Dhonathan, João Paulo e Airton
Lateral Esquerdo: Boka e Wilton
Volantes: Michel Douglas, Lucas Santos e Quintino
Centro: Marco Aurélio e Fernandinho
Meias: Welves e Pipa
Atacantes: Lenno, Alesson, Robert e Blangco.

Segurança: Jacob Barroso
Diretores: Antonio Tadeu e Valdoino Martins
Técnico: Elias Santana
Massagista: Duduzinho
Roupeiro: Guilherme Santos
Prep. de Goleiros: Odilon Junior
Prep. Físico: José Tadeu

O time fica alojado nas dependência da EMATER, em Ouro Preto do Oeste que dista em torno de 45 km até o Biancão, sai da Emater por volta das 17h20 deste sábado.


Clubes sem maiores novidades no fechamento da janela do BID

E o prazo de novas contratações, para o segundo turno do rondoniense ffer-eucatur encerrou nesta sexta-feira,29, em termo de contratações de novos profissionais para seus elencos os clubes não abriram os cofres. Mesmo assim dá pra contar nos dedos as novas caras, vamos a elas:

Ariquemes (7)
Caio Felipe, David da Silva, Yuri David, Jabson Milani, Mateus Reis, Michel Douglas e Wilson Gualberto Jr.

Guajará (1)
Caio Henrique.

Ji-Paraná (13)
Adenilson Silva, Bruno Chagas, Diogo Gomes, Eliandro Calixto, Elton Dione, Everson Bento, Fábio Pereira, Jailson Costa, João Henrique, Lucas de Jesus, Marcos Pereira, Paulo Silva e Welton Guarino.

Morumbi (2)
Joelton Pinto e Renan Augusto.

Real Ariquemes (1)
Francisco Crizam(A).

Rolim de Moura (7)
Adenilson Ferreira, Antonio Conceição, Geovani Diniz, José Aderison, José Luis, Luis Felipe e Welington Linhares.

Rondoniense SC (5)
Antonio Anderson, Breno da Silva, Guilherme Antelo, Leandro Botelho e Sérgio Pereira (todos amadores).

Somente a equipe do SC Genus, não inscreveu nenhum atleta nestes três últimos dias que antecederam a esta sexta-feira.







sexta-feira, 29 de abril de 2016

E quem são eles que surgem lá do alto; do extremo norte do Pais

É o nosso esquadrão dourado, com sua massa imensa e feliz. O Aluizão é nosso campo de batalha, nosso reduto de raça e vibração. Falo e cito as primeiras frases do hino oficial do SC Genus que, à noite deste 28 de abril na longínqua Arapiraca-AL, entrou de vez na história do futebol profissional de Rondônia.

Na disputa da Copa do Brasil de 2016, nosso Aurigrená eliminou a equipe do ASA e passou para a segunda fase do torneio - primeiro jogo aqui em Porto Velho o Genus ganhou de 2 x 0 e ontem lá em Alagoas perdeu por 2 a 1, placar agregado 3 a 2 em favor do Genus.

E aqui começa a história da Copa BR para os rondonienses

- Esta é a 25 participação do estado na Copa do Brasil;
- Apenas 11 equipes tiveram o privilégio de competir neste torneio;
- Apenas 5 equipes passaram pra 2ª fase (incluindo o Genus, será que vai em frente?);
- Apenas 3 das 11 que já participaram estão ativas (Jipa, Guajará e Genus);

Bem, a Copa do Brasil tem início pra nós em 1992, com o campeão de 1991 ano do primeiro campeonato de futebol profissional em Rondônia, veja como ficou ano a ano:

1992 - Jipa
1993 - Jipa
1994 - Ariquemes(*)
1995 - Palmares
1996 - Jipa
1997 - Jipa
1998 - Jipa
1999 - Jipa
2000 - Pinheiros e Jipa(*)
2001 - Guajará
2002 - Jipa
2003 - CFA(*)
2004 - U. Cacoalense
2005 - U. Cacoalense
2006 - VEC
2007 - Ulbra(*)
2008 - Ulbra
2009 - VEC (Pior campanha 64ª de 64 equipes)
2010 - VEC
2011 - VEC
2012 - Espigão
2013 - Jipa
2014 - VEC
2015 - VEC (Ponte Preta 1 x 1 e 0 x 3)
2016 - Genus (ASA 2 x 0 e 1 x 2)(*)

(*) As 5 equipes que passaram para segunda fase: Ariquemes, Ji-Paraná, CFA, Ulbra e Genus.

Quais são e quantas vezes tiveram participação no torneio nacional:

Ji-Paraná - 9 vezes;
VEC - 6 vezes;
U. Cacoalense - 2 vezes;
Ulbra - 2 vezes; e ai vem sete(7) equipes com UMA participação cada; Ariquemes, Palmares, Pinheiros, Guajará, CFA, Espigão e Genus.

Quer dizer que temos 11 equipes que já levantaram o caneco de campeão do estado? Não, destas 11 tem Palmares e Pinheiros, que nunca foram campeãs (ah, mas como pode ter participado sem ser campeão), o Palmares lembro bem que houve desistência da SE Ariquemes. Agora o Pinheiros que entrou junto com o Jipa em 2000, não sei.

Agora..., pode passar adiante cara-pálida!!



quinta-feira, 28 de abril de 2016

Quadro Estatístico da FFER comete erro monstro

Números. Lá vem eles de novo para tirar a paciência, mas desta vez chega até ser estrambótico. O site oficial da FFER que por sinal está bem bonitinho, de fácil acesso e navegação cometeu um erro imperdoável, logo na parte de estatística na classificação e número de vitórias, enfim vamos aos fatos.

Na fase de classificação para as finais do turno, estava assim a classificação
 (Clique na Imagem para ampliar - créditos globo esporte-ro)

Após os dois jogos do turno, sem vitórias: primeiro jogo foi 1 a 1 e o segundo 0 x 0, ai aparece o RSC com 6 vitórias e 3 empates e o Genus com 6 vitórias 1 empate e 2 derrotas, bem aqui tem os dois momentos. 
(Clique na Imagem para ampliar - créditos ffer)

Não consegui pegar os dois momentos da mesma fonte, mas tá errado a classificação final no site da FFER.

Faltam somente 10 equipes para completar as 68 da Série D-2016

- Águia de Marabá/PA (rebaixado série c 2015)
- América/PE (via estadual 2016)
- Anápolis/GO (via estadual 2016)
- Aparecidense/GO (via estadual 2015)
- Araguaia de Barra do Garças/MT (via estadual 2016) 
- Atlético Acreano/AC (via estadual 2016)
- Baré/RR (via estadual 2016) 
- Brusque/SC (via estadual 2016)
- Caldense/MG (via estadual 2016) 
- Caxias/RS (rebaixado série c 2015)
- Ceilândia/DF (via estadual 2016) 
- Central/PE (via estadual 2016)
- Comercial/MS (via estadual 2016) 
- CSA/AL (via estadual 2016) 
- Desportiva Ferroviária/ES (via estadual 2016)
- Espirito Santo/ES (via estadual 2016)
- Fluminense de Feira/BA (via copa estadual 2015)
- Galícia/BA (via estadual 2016)
- Genus/RO (via estadual 2016) 
- Globo/RN (via estadual 2016)
- Goianésia/GO (via estadual 2015)
- Guarani de Juazeiro/CE (via estadual 2016) 
- Icasa/CE (rebaixado série c 2015)
- Internacional/SC (via estadual 2016)
- Interporto/TO (via estadual 2015)
- Itabaiana/SE (via estadual 2016) 
- Ituano/SP (via copa estadual 2015)
- JMalucelli/PR (via estadual 2016)
- Linense/SP (via copa estadual 2015) 
- Madureira/RJ (rebaixado série c 2015)
- Maringá/PR (via copa estadual 2015)
- Metropolitano/SC (via estadual 2016)
- Moto Club/MA (via estadual 2016) 
- Nacional/AM (via estadual 2015) 
- Náutico/RR (via estadual 2016)
- Novo Hamburgo/RS (via estadual 2016)
- Osasco Audax/SP (via estadual 2016)
- Portuguesa/RJ (via copa estadual 2015)
- Potiguar/RN (via estadual 2016)
- PSTC/PR (via estadual 2016)
- Princesa do Solimões/AM (via estadual 2016) 
- Rio Branco/AC (via estadual 2016)
- Rondoniense/RO (via estadual 2016)
- Santos/AP (via estadual 2015)
- São Bento/SP (via estadual 2016)
- São Francisco/PA (via estadual 2016)
- São José/RS (via copa estadual 2015)
- São Paulo/RS (via estadual 2016)
- São Raimundo/PA (via estadual 2016) 
- Sete de Dourados/MS (via estadual 2016)
- Serra Talhada/PE (via estadual 2016)
- Sinop/MT (via estadual 2016) 
- Tocantinópolis/TO (via estadual 2015)
- Uniclinic/CE (via estadual 2016)
- Trem/AP (via estadual 2015)
- URT/MG (via estadual 2016)
- Villa Nova/MG (via estadual 2016) 
- Volta Redonda/RJ (via estadual 2016)
Estas 58 equipes das 68 que vão disputar a Série D, já confirmadas para 2016. 

Genus com uma alteração para pegar o Fantasma

A delegação do SC Genus já se encontra em Arapiraca-AL, acomodada no luxuoso hotel Ibis. No início da noite desta quarta-feira,27, o time fez um treinamento desintoxicante. Hoje, às 20h30 horário de RO o time enfrenta o ASA e, já entra em campo com um resultado bem interessante os 2 a 0 conquistados em Porto Velho.

A provável escalação do Aurigrená será a mesma que começou o jogo contra o ASA, somente com a entrada de Guarate na vaga de Marquinhos, anote ai: Tiago; Guarate, Juninho, Júnior e Júlio César(C); Vitão, Fernandinho, Carlinhos e Alex; Tcharles e Wellington. Téc: Claudemir Pontin.
(Delegação do Genus - Arapiraca-AL/Créditos Sport Club Genus)

A Rádio Globo 1.310 AM estará em conexão http://www.novonordeste.com/ com a equipe daqui formada por: Wolney Alonso, João Dalmo, Naldo Dias, Luis Carlos Pereira e Ricardo Henrique...,você torcedor do Campeão Rondoniense acesse http://www.newsrondonia.com.br/ para ficar torcendo pelo clube da capital.

quarta-feira, 27 de abril de 2016

"Os números não mentem jamais"

Há um provérbio Inglês que cita este título (por isso as aspas). Eu como apaixonado pela Matemática, trago pra vocês alguns dados referentes aos três jogos que fizeram até aqui Genus x RSC, desde a derrota do Genus (única por sinal), até a decisão do 1º turno.

Pra começo de conversa, esse levantamento eu fiz pensando justamente nessa majoração sem sentido feita pelos dois presidentes dos citados clubes - um de repente aumentou o preço do ingresso de R$ 20 para R$ 30 e de R$ 10 para R$ 20, no caso do RSC. O outro fez logo de uma tacada 100% de aumento de R$ 20 para R$ 40 e de R$ 10 para R$ 20.

Resultado: houve uma queda de público pagante de 369 pessoas, quando comparamos o público do dia 19/3 para o dia 23/4. Em termos de valores, claro que houve um aumento de R$ 3.520,00. Porém, ninguém, repito ninguém comprou um ingresso de R$ 40.

Conclusão: o público é muito inteligente, além da data um meio do mês - eu tenho leitor dessas mal traçadas que me disse o seguinte - se fosse a $ 20 eu levaria a mulher e o filho, ele foi sozinho estava viajando e chegou no dia do jogo.

Aqui embaixo vou mostrar os três borderôs, e também o número de pessoas que não pagam - chegam ao monstruoso percentual de 32%, Quer dizer, algo está errado e não são os números.

No dia 19/3/2016
Genus 0 x 2 RSC
291 a $ 20 deu $ 5.820 mais 1090 a $ 10 deu $ 10.900 total R$ 16.720 para 1381 pagantes, 256 não pagaram.

No dia 20/4/2016
RSC 1 x 1 Genus
122 a $ 30 deu $ 3.660 mais 568 a $ 20 deu $ 11.360 total de R$ 15.020 para 690 pagantes, 403 não pagaram.

No dia 23/4/2016
Genus 0 (2) x (4) 0 RSC
000 a $ 40 deu $ 000 mais 1012 a $ 20 deu $ 20.240 total de R$ 20.240 para 1.012 pagantes, 305 não pagaram.

terça-feira, 26 de abril de 2016

Genus viaja para o jogo de volta em Arapiraca

A equipe do Genus realizou na tarde desta terça(26), seu treino técnico-tático no Aluizão. O time viaja na madrugada desta quarta-feira(27) com destino a Maceió-AL, de lá via terrestre até o município alagoano de Arapiraca para na quinta-feira(28), fazer o jogo de volta contra o ASA pela Copa do Brasil.

Jogo de ida na capital rondoniense o Aurigrená ganhou por 2 a 0, precisa somente de um empate para classificar-se, podendo até perder por 1 a 0 que mesmo assim volta com a classificação garantida. A delegação viaja com 26 pessoas, sendo 18 atletas.(*)

A delegação completa é esta:

Goleiros: Tiago e Allyson
Lateral Direito: Guarate e Marquinhos
Zagueiros: Luiz, Vitão, Júnior e Juninho
Lateral Esquerdo: Júlio César e Dodô
Volantes: Xana, Jean, Fernandinho e Carlinhos
Meia: Alex
Atacantes: Rob, Tcharles e Wellington

E mais 8 integrantes:

Claudemir Pontin e Marcelo Nogueira (comissão técnica), Dr. Serbino e Tiago (médicos), Babinha (massagista) e Mário, Edney e Evaldo (diretores).

Arbitragem:

Árbitro: Claudionor dos Santos Júnior - SE (CBF-2)
A.A.01: Cleberson do Nascimento Leite - PE (CBF-2)
A.A.02: Fernando Antonio da S. Júnior - PE (CBF-2)
4ºÁrbt.: José Reinaldo F. da Silva Filho - AL (CBF-2)
Assessor: Alton Olímpio da Silva - AL

Jogo de nº 79 da Copa do Brasil, no estádio Coaracy Fonseca em Arapiraca-AL, às 21h30 (horário do DF).

Cobertura do timaço show de sua Rádio Globo 1.310 AM em conexão com Arapiraca-AL

(*) Atualizada às 22h









FIGARELA, CAIO, JONATHAN E TÚLIO APITAM PRIMEIRA RODADA DO 2º TURNO

A Comissão de Arbitragem da Federação de Futebol do Estado de Rondônia (C.A/FFER) realizou na tarde de segunda-feira o sorteio dos árbitros que estarão atuando na primeira rodada do 2º turno do Campeonato Rondoniense FFER/Eucatur 2016, com jogos no sábado (30), domingo (01) e terça (03). O sorteio foi realizado pelo Diretor de Registro da Federação, José Luiz Miranda, e contou com a presença dos superintendente da entidade, Almir Belarmino Caetano e do Sr. Levi Moreira.
GUAJARÁ X REAL
O duelo entre Guajará e Real terá como árbitro Arnoldo Figarela. Os assistentes serão Alex Jenifer e Florêncio Massary. Esmerindo Ferreira será o quarto árbitro da partida que começa às 16 horas de sábado, no estádio joão Saldanha. 
JI-PARANÁ X RONDONIENSE
O árbitro Caio Cazuza vai apitar o confroto entre Ji-Paraná e Rondoniense, neste sábado, às 19 horas, no estádio Biancão. Caio será auxiliado por Cláudio Márcio e Edson Paulino. Benildo Lima será o quarto árbitro da partida.
ARIQUEMES X ROLIM
No domingo, no estádio Gentil Valério, se enfrentam Ariquemes e Rolim de Moura. O árbitro será Jonathan Antero que será auxiliado por Edilson Falcão e Célio da Silva. Maicon Pessoa será o quarto árbitro. 
GENUS X MORUMBI
A rodada será concluída no dia 3 de maio, com o confronto entre Genus e Morumbi, no estádio Aluízio Ferreira. Para esta partida o árbitro sorteado foi Túlio Sobreira Nells que terá como assistentes Reginaldo Alves e Edvan Ferreira. O quatro árbitro será Servilio Patrício. 
Fonte: Paulo Ricardo/FFER 

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Rondonianos x "estrangeiros" no jogão de sábado(23)

Após a ressaca de um final de turno ganho tão bem pelo RSC, vem algumas observações feitas pelo blogueiro. Por exemplo, aqui já se falou sobre planejamento, quem trabalhou melhor, esquema tático, parte psicológica e, tudo converge para as três melhores equipes que souberam fazer tudo isso: RSC (Campeã), SC Genus (Vice-Campeã) e Real Ariquemes (3ª colocação).

Eu gosto muito, e aqui vou criar polêmica por isso - de times pratas de casa -, não descarto no meio dos 11 titulares pelo menos uns três a quatro "estrangeiros". Poucos notaram, mas os dois técnicos resolveram levar os 11 titulares e mais 11 alternativas no banco de reservas e, até neste quesito o Periquito leva vantagem, senão vejamos:

Dos 22 atletas do RSC 10 eram de casa - ou da base, ou formado em times de Rondônia - e, 4 titulares absolutos: Alex Dida, Fernandinho, Quintino e Lenno (titulares) e mais; Geilson (Safadão), Boka, Wilton, Wellves, Alesson e Walter Pipa.
(RSC - Créditos Rodnei Paes)

Dos 22 atletas do Genus 4 eram de casa - ou da base, ou formado em times de Rondônia - e, somente UM é titular absoluto: Guarate(titular), Pemaza, Janilson e Rob.
(SC Genus - Créditos Rodnei Paes)

Dá pra se fazer uma reflexão?

Você sabia que Marco Aurélio Brito, foi o autor dos dois gols históricos do RSC - o primeiro dia 5/03/2016 aos 12min contra o Guajará EC e o gol do título do primeiro turno de pênalti, dia 23/04/2016.

domingo, 24 de abril de 2016

Periquito criou asas e voou: parabéns!

Chega ao fim o 1º turno do rondoniense ffer-eucatur. E deu RSC, poderia ter sido o Genus. Sim, claro que sim - inclusive nos dois tempos de 90' - o Aurigrená esteve mais aceso, mais intenso do que o Periquito. Mas o futebol só é gostoso por isso.

No embate entre o jovem e talentoso técnico Ariel Mamede, contra o experiente Claudemir Pontin. Deu Ariel Mamede. E olhe que Mamede nos dois jogos, teve que modificar seu time em função de contusões - na quarta, saiu Dhonathan e entrou Airton -, hoje foi o caso do zagueiro João Paulo que chegou a cortar o couro cabeludo.

Saiu João Paulo e entrou Alesson. Ainda das substituições no RSC, os dois que sairam Fernandinho e Lenno, deram seus lugares a Marco Aurélio e Robert. Agora um fato que nos chamou atenção, tanto Fernandinho como Lenno sairam com uma cara, viu. Fernandinho nem cumprimentou seu companheiro que entrava, Lenno ainda perguntou: "sou eu mesmo Profº quem vai sair?"

Enquanto pelo lado do Genus, Pontin só mexe nas últimas. Neste sábado ele tirou o volante Carlinhos e colocou Rob, depois tirou Wellington e colocou Pemaza, este aos 42'. Um verdadeiro jogo de Xadrez. Ah! Se esse dois entram um pouquinho mais cedo. Sei não, hein.

Final do jogo: Genus 0 x 0 RSC

Mas, e o Campeão! Vamos então à famigerada cobranças de penalidades máxima da marca da cal. Pelo Genus: Tcharles,Alex, Julio Cesar, Vitão e Rob e pelo RSC: André Jr., Quintino, Michel Douglas, Marco Aurélio e Robert.

Cobranças: Genus - Tcharles(+), Alex(+), Julio Cesar(-), Vitão(-) e Rob(0).., Pelo RSC - André Jr.(+), Quintino(+), Michel Douglas,(+), Marco Aurelio(+) e Robert(0). 4 x 2(pênaltis) para o Periquito. Campeão com toda justiça do mundo.

Agora algumas curiosidades 

Este rapaz Ariel Mamede, chegou aqui um desconhecido total com 25 anos. Muitos falavam que era técnico de Sub-20; "na primeira peia que levar, volta para o seu Goiás", tá ai seu falador! Não levou peia nenhuma em 9 jogos oficiais, ganhou 5 e empatou 4. Foi Campeão Sub-15 em 2012 pelo Jardim América-GO, em 2014 pelo Sub-17 do Vila Nova-GO em 2015 pelo Sub-20(invicto) do Vila Nova-GO, duas Copas São Paulo e, agora no Profissional do Rondoniense SC(é invicto).

A meta era de levar o time a uma Série D em 2017. Mas o homem é prematuro mesmo, e levou o Periquito não só para a Série D deste 2016, como em 2017 - explico -, a equipe já é no mínimo vice-campeã estadual portanto, já conquistou essa vaga. 

A mesma pergunta que lhe fiz no dia 9 de janeiro quando de sua apresentação no CT Ninho do Periquito, fiz hoje e ele inteligente como sempre, respondeu assim. Mas, vamos à pergunta: Ariel há uns 3 anos atrás, um técnico de futebol disse que, quando elabora seu currículo ele retira qualquer trabalho que por ventura tenha realizado aqui em RO.

E hoje eu perguntei: a conquista desse turno, da maneira como vocês conseguiram isso te dá ou abriu as portas pra você. Ele assim se expressou: "Luis lembro bem de sua pergunta naquele dia, lembro que respondi que era um desafio novo pra mim, hoje conquistei este turno e a proposta que recebi é irrecusável, portanto, aprendi mais do que ensinei, conheci muito da cultura daqui, foi um aprendizado e tanto".

Parabéns a todos!

Parabéns ao SC Genus, pelo comportamento de time grande que é. Torcida compareceu, estádio lotado é outra visão. Arbitragem, este rapaz Arnoldo Figarela tem que se fazer um estudo - muitos falam que ele conversa demais - hoje correu em cima do lance, enfim seus assistentes sem maiores problemas, nota máxima a todos. Que venha o 2º turno.
(Torcida em peso: créditos Umas e Outras)





sexta-feira, 22 de abril de 2016

DECISÃO: Futsal de TV-RO e Allamanda encerram o Imprensa- AM 99

Acontece neste sábado, 23, na quadra do SESI, em Porto Velho, a partir das 17 horas, a partida final entre TV-Rondônia e TV-Allamanda na modalidade de futsal dos Jogos Imprensa - Alto Madeira 99 Anos – troféus deputado Aélcio da TV.  
Para a partida, o técnico e jogador Leto da TV-RO deve mandar a quadra o mesmo time que goleou o Diário por 9 x 2, ou seja: Valmir, Romero, Matheus, Raí e Oscar. Railan e Leto começam no banco.   
TV-Allamanda também escalada
Com a vitória sobre o SICTV, por 5x4, na última rodada, deixou o técnico e jogador Alex motivado, por isso vai manter o mesmo time para a decisão. Segundo ele, a partida não tem favorito e deve vencer quem aproveitar melhor as oportunidades. 
Após o jogo final a coordenação procederá a entrega da premiação, como sendo: troféus ao campeão e vice, artilheiros, melhor jogador, melhor goleiro e craque, além do prêmio especial em espécie aos campeões do futsal e futebol, um jogo de camisa aos vice-campeões e ao campeão da categoria Master, no caso o time da Imprensa Falada.
Imprensa Escrita x Imprensa Falada
Ainda como parte da programação final, a coordenação marcou um jogo tira-teima entre Imprensa Escrita x Imprensa Falada, com início às 16h30 no campo de grama do SESI. Sabe-se de antemão, que Vital Júnior é o artilheiro do desafio, após quatro partidas, com 9 gols e Elton Leoni o craque, ambos da Imprensa Escrita.    
O coordenador Águido Melo finaliza agradecendo a diretoria do SESI a gentileza pelo cedimento de seu complexo desportivo para o desfecho do evento voltada exclusivamente aos membros da imprensa de Porto Velho, mui especialmente em comemoração aos 99 anos do jornal Alto Madeira completo no último dia 15, cujo diretor Euro Tourinho é quem fará a entrega da premiação.
Fonte/Texto: Jornalista/Radialista - Águido Melo

Decisão do 1º turno é com a gente!

Neste sábado(23), chega ao final do 1º turno o Campeonato Rondoniense FFER-Eucatur as equipes do Genus x RSC. Nos primeiros 90' deu empate em 1 a 1, agora somente a vitória interessa não há vantagem nem pra lá, nem pra cá.

Ocorrendo novo empate, e de acordo com o art. 6º do REC § 3º ocorrendo igualdade em número de pontos ganhos, após a série de dois jogos na final do turno, aplicam-se sucessivamente os seguintes critérios técnicos de desempate:

a)...., não
b)...., não
c)...., não
d) cobrança de penalidades máximas de acordo com os critérios estabelecidos pela International Board.

A equipe de esportes da Rádio Globo 1310 AM estará presente desde às 18h, o jogo está previsto para iniciar às 19h

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Sempre ele: Figarela está encarregado de apitar a final do 1º turno

O árbitro Arnoldo Vasconcelos Figarela(f) foi sorteado para apitar a segunda e decisiva partida da final do 1º Turno entre Genus e Rondoniense. O jogo será disputado neste sábado às 19 horas, no estádio Aluízio Ferreira.

Figarela será auxiliado por Edilson Soares Falcão e Célio da Silva Santos. Servilio Patrício será o quarto árbitro da partida.
O sorteio foi realizado pelo desportista Lourival Domingues Lopes (Becão), e contou com a presença da secretária da Federação de Futebol do Estado de Rondônia (FFER), Ana Cristina, e do superintendente da FFER,  Almir Belarmino.
Autor: Jornalista Paulo Ricardo

Ainda dos embalos de quarta à noite, no Aluizão!

Dança das cadeiras...,

Com a saída de Ariel Mamede técnico do RSC, neste próximo final de semana, muitos nomes agitaram o Ninho do Periquito mas, a tendência será remanejar Tiago Batizoco da Gerência de Futebol para o comando técnico.

Outro que deixa o cargo (fonte: fidedigna lá no Aluizão), é o competente Paulo Shardong do real Ariquemes - hoje ele concede entrevista ao amigo Jabá -, vamos ver se confirma mesmo sua saída do rubro-negro do Vale do Jamari.

Outro Profº que está afim de mudar seu domicílio (eleitoral??) é Lourival Silva, sim, o popular Cachopa muda-se de Ji-Paraná para Porto Velho e já agendou a compra de um imóvel através de uma imobiliária bem acolá. 

Ainda do Real Ariquemes...,

Diretoria já se movimenta para reforços do time no segundo turno. Dois nomes desponta, porém, um deles é melhor nem continuar as conversações e trata-se de um excelente jogador (aliás os dois são ótimos, e de palavra), falo de Pinóquio volante e Rafael Pato atacante.

Pinóquio que é Anderson Marques de Andrade, aparece no BID/FFER pelo Genus no dia 14/04 nem pisou no gramado mas está impossibilitado de trabalhar em outro clube neste campeonato. Já o atacante Rafel Pato esse sim optou por não integrar nenhuma equipe neste início de ano, o mesmo estava concluindo Curso de Academia no Corpo de Bombeiros - terminou, tá em forma, pronto pra salvar qualquer ataque, não só do Real.

E mais uma...,

A ajuda de custos que o Governo Estadual vai repassar aos clubes do 26º campeonato vai sair sim, num primeiro momento R$ 40 mil para cada clube, o restante em torno de R$ 20 mil...,esse só daqui para o final do campeonato.

Agora podem passar adiante...,

Fernandinho e Júlio Cesar mereceram brindes da Bingool/Yamaha

A equipe show de sua Rádio Globo 1310 AM, cobrindo o futebol profissional de Rondônia em sua 26ª edição do campeonato estadual, teve na noite desta quarta-feira,20, uma super-jornada com o primeiro jogo da final do 1º turno entre RSC 1 x 1 Genus.

Como é gostoso ver o estádio com mais de mil pessoas, como é salutar ver as famílias voltando ao velho Aluizão, como é interessante ver pela primeira vez desde 1991 duas equipes da capital disputando uma final de turno. 

Some-se a tudo isso as parcerias que os clubes da capital - Genus e RSC - estão trazendo para o seu meio. Hoje falo do empresário Claudio Hikague, que tem sob seu comando a Bingool Motos e Náutica que juntamente com a Yamaha, resolveu premiar o ouvinte da Rádio Globo e os dois destaques do jogo.
(Brindes Bingool/Yamaha: chaveiro e boné estilizado)

No jogo, foram premiados os atletas: Fernandinho (RSC) que fez o primeiro gol do jogo e Júlio César (GEN) que, se não fez o gol de empate - vamos esperar a súmula do árbitro -, trabalhou muito bem para sair o gol contra, portanto, 1 a 1 placar final.
(Fernandinho (RSC) recebe seu brinde das mãos de João Dalmo)

Outro que saiu muito alegre do estádio foi o ouvinte e torcedor do RSC Italo, que também ganhou um brinde da Bingool/Yamaha. Nós da equipe de esportes, estamos muito contente com essa parceria. Logo, logo teremos novidades com relação aos empresários que, ao se juntarem em prol das duas equipes também terão seu reconhecimento por nossa equipe.
(Júlio César (GEN) recebe seu brinde das mãos de João Dalmo)

Aluizão: torcida fez bonito, PM nem tanto!

Final do 1º tempo de um jogo de 180 minutos, decisão do primeiro turno do rondoniense ffer-eucatur entre RSC e Genus. Um a Um meio insosso, um jogo de muito respeito entre as duas equipes - diria eu que o RSC jogou em torno de 50% do que sabe, e o Genus uns 60% -, é tanto que o pouco de sal nesse ingrediente somente aos 34' do 1º tempo com o gol de Fernandinho para o Periquito, dai até o apito final aos 47' do árbitro Sidnei Pereira, posso afirmar que foram 13' de pura blitz por parte do Aurigrená, até empatar o jogo aos 45' com ótima jogada do ala esquerda Julio César que passou como um raio pelo Cássio, cruzou voltando e a bola tocou no bico da chuteira de Airton indo para o fundo das redes de Dida. 1 x 1 placar do primeiro tempo.

Segundo tempo. Ninguém mexeu em suas equipes no intervalo. Continuava o mesmo respeito de um com o outro, mas não era um jogo ruim de se ver. Coube ao jovem Profº Ariel Mamede do RSC, fazer mudanças - ele que já houvera queimado uma substituição no 1º tempo em função da contusão de Dhonathan, que quebrou o nariz numa jogada mais ríspida com o atacante Tcharles do Genus - entrou Airton na vaga de Dhonathan.

Pois bem, Ariel retira Alesson e coloca Lucas Freire para ver se acordava o time. Sem sucesso, o bom do Ariel Mamede e, talvez a juventude o acompanhe em decisões sábias e corajosas ele tira o Marco Aurélio que não rendeu em função da forte marcação e coloca Robert. Houve algum progresso, sim. Mas ai entra a história do laser no olho do goleiro Dida. Só nessa parada foram embora mais de 5' e também a pouca inspiração por parte das duas equipes.

Pelo lado do Genus o Profº Claudemir Pontim não reclamou muito, a não ser das poucas chances que apareceram e não concluídas em gol. Ele mexeu na equipe somente uma vez, retirando Wellington e colocou Rob isso já nos minutos finais do jogo. Também falou da estratégia de como enfrentar uma equipe jovem e bem armada como essa do RSC. 

Enfim, tudo ficou pra ser resolvido no próximo sábado(23), no mesmo "batilocal" com as mesmas personagens e, tomara com outra equipe de PMs que possa nos dar segurança, tranquilidade e certeza de uma boa convivência. E, não é só a PM que devemos creditar o despreparo de alguns fatos que possam ocorrer num evento com grande número de pessoas.

Explico: ali por volta dos 30' do segundo tempo do jogo aqui citado, o goleiro do RSC alegou que havia um raio dessas canetas tipo laser diretamente em seus olhos, vindo do lado da arquibancada do lado direito de quem entra no Aluizão, fato passado para o árbitro que chama o 4º árbitro, e esse juntamente com o Delegado do jogo e por indicação do goleiro aponta um torcedor de camisa verde.
(Foto: Umas e Outras - PMs bem posicionados/Fato foi no outro lado)

Ora, o torcedor de camisa verde é nada menos do que o atleta do Genus o Xuxa que estava juntamente com o Assessor de Imprensa do time, Álisson Albino vendo o jogo da arquibancada. Agora que entra a PM, talvez acostumados a verem jogos via TV: do sul, sudeste ou do nordeste mesmo onde em clássicos como: Ceará x Fortaleza, Fla x Flu, San x São, Gre x Nal acontece o diabo a quatro a dupla de PMs ou a equipe já chegou para os dois "delinquentes", usando de palavras pra derrubar mesmo.
(Foto: créditos Emanuele Madeira/Globo Esporte-RO)

Resultado: põe os dois pra fora do estádio, sem revistar, sem fazer o papel de Polícia e, até que eles pediram pra serem revistados. Aliás, neste ponto de fazer revista quero pra ajudar no próximo sábado, ou em jogos futuros dizer o seguinte ao comandante da equipe de PMs, eu vi torcedores entrando com instrumentos musicais, com mochilas e não vi uma revista na entrada do Aluizão.

Aliás, aqui no velho e aconchegante Aluizão é um dos estádios do Brasil em que a PM chega por último, já vi jogo em que não começa na hora marcada porque o policiamento ainda não chegou. Voltando ao caso do lase. Nesse intervalo de jogo parado foram mais de 5' minutos, errado o árbitro, o 4º árbitro e o delegado do jogo. Ora, a partida teria que continuar e deixasse a PM resolver o problema.

Como não foi resolvido, o lase voltou a ser acionado. Lá vem de novo a PM agora faz uma revista num rapaz de camisa verde, não encontra nada e expulsa o consumidor (digo o torcedor) do estádio. Isso foi o resumo de um fato bem simples de resolver, sem muito alarde, coisa que nosso querido Arnoldo Figarela já passou por essa situação - chamasse um dos PMs ou o comandante, repito - e coloca um dos agentes lá em cima da arquibancada e com certeza teria identificado o infrator.

Ah, e antes que culpem não vou nem citar aqui - muitos que irão ler essas mal traçadas já sabem pra quem vão culpar - o torcedor que compra seu ingresso, e vai a um evento dessa natureza pelo Estatuto do Torcedor é considerado um consumidor, portanto, cabe uma ocorrência na Delegacia do Consumidor. Com a palavra você meu caro torcedor...

quarta-feira, 20 de abril de 2016

SEMAD perde para as meninas da SEMES, com atuação abaixo da crítica do Árbitro

Quem encontro em pleno dia de julgamentos no TJDF-RO, minha amiga ex-titular da SEMES - Secretaria Municipal de Esportes - de Porto Velho Niedja Santana. Esbaforida nem tanto pelo jogo de futsal que acabara de perder para sua antiga Secretaria, mas sim pela atuação do árbitro do jogo. Nada menos do que dois pênaltis em cima da morenaça da SEMAD aconteceu e o danado nada marcou.

Sei que era somente o momento de euforia, mas ela falava inclusive em levar esse jogo para o tapetão. Bem, no jogo de ontem tivemos a participação pela SEMAD de Josiane, Jordania Aguiar, Ana Maria Araújo, Carolina Zumener, Érica Alves, Camem Barbosa, Marilene Miranda, Maisa Sanches, Lidiane Sales, Angela Maria e Niedja Santana. Técnico: Frank Richard.
(SEMAD/Futsal com Niedja Santana - 2ª agac da esq/dir)

Motivo: 7º Jogos dos Servidores Públicos Municipais de PVH, de 15 a 29 de abril de 2016. As meninas da SEMAD perderam de 3 x 0 para a SEMES no Futsal Feminino.

Resultado dos Julgamentos no TJDF-RO, de ontem à noite(19)

Nesta terça(19), após sessão extraordinária no Plenário do TJDF a 1ª Comissão Disciplinar reuniu-se e deliberou os seguintes Processos abaixo com respectivos resultados.

Daqui a pouco tem decisão

Tudo começa do zero, sem cartões amarelos, sem atletas pendurados tendo o RSC mandante do jogo.Teremos às 20h a primeira partida decisiva entre os dois melhores do campeonato até aqui: Rondoniense SC o único invicto da competição que entra em campo com desfalque; o primeiro será André Jr que pegou seu terceiro cartão amarelo no jogo contra o Morumbi.

Por outro lado o técnico Ariel Mamede, terá os retornos de João Paulo (zagueiro) e Michel Douglas (volante). Fernandinho é dúvida também para entrar de início. No restante até o técnico que era dúvida de sentar no banco de reservas, já que ele estaria sendo julgado pelo TJDF. Liberado o jovem treinador, absolvido pelo art. 258 mas penalizado em R$ 500,00.

No Aurigrená Claudemir Pontim não tem nenhum problema de ordem médica, pode até contar com seu Ala Guarate que não entrou em julgamento nesta sessão de terça-feira(19), portanto apto a jogar.

Acompanhe o jogo direto da arquibancada, mas ouvindo o jogo aqui na Globo AM ou então pelo site newsrondonia.com.br

(Clique para ampliar)

Ataque do RSC tem média de quase 2,5 gol por jogo

A equipe do Fortaleza EC tem atualmente o melhor ataque do Brasil, com 47 gols em 26 jogos o que dá uma média de 1,8 gols por partida. O segundo colocado, ainda na mesma matéria é o Grêmio com 44 gols. 

Ora, o nosso querido RSC o Periquito do bairro Ulisses Guimarães já marcou 17 gols em 7 jogos com média de 2,43 gols por jogo. Claro que o número total dos dois do estudo impressiona, mas em média absoluta o nosso é maior.

Leia aqui a ótima matéria de Ricardo Tavares, no Etricolor.net

terça-feira, 19 de abril de 2016

O anúncio da saída do Ariel Mamede, muito precipitada

A bomba do dia de hoje, sem dúvida foi a despedida do jovem Ariel Mamede do comando técnico do RSC - Rondoniense Social Clube -, ele em entrevista ao site Futebol do Norte afirmou que fica no comando do Periquito até o próximo sábado(23), com o time campeão ou não do 1º turno.
(Ariel de preto, agregou muita qualidade ao RSC)

Em minha opinião, acho que foi precipitado o anúncio na véspera de uma decisão. Poderia eu até dizer que a diretoria do clube foi inábil, porém, se pensar um pouco mais, nesse tocante cabia ao jovem treinador, deixar pra anunciar sua saída logo após o segundo jogo. Sim ou não?

E mais..., é bem capaz que ele Ariel nem fique no banco de reservas nesses dois jogos - explico -, nesta terça(19), o mesmo estará sendo julgado pela 1ª comissão disciplinar do TJDF e pode pegar um gancho de 1 a 3 partidas. Por isso é bom que pegue essa suspensão, vai servir de preleção no vestiário amanhã.

Mas, vida que segue. Na próxima semana, na segunda-feira(25) haverá uma reunião no Ninho do Periquito e, outras penas vão voar. Um dos Periquitos já charleiou em meu ouvido o seguinte: será feito uma minuciosa análise do que foi o rendimento da equipe neste turno.

Dentro de campo, excelente; aprovados com 81%, fora das quatro linhas, o que deu certo o que não deu. Parte financeira, novas contratações, mais alguém vai pedir o boné. Ah, o artilheiro Marco Aurélio deve ficar.

E com relação ao Profº quem substituirá ao jovem Mamede? Anotem ai: nome bem cogitado e visto com bons olhos Paulo Shardong(f) do Real, Tiago Batizoco que já está bem acomodado na função de Gerente de Futebol, mas já é da casa e..., e..., Marquinhos não consegui decifrar o segundo nome, mas está no MT.
(Foto: facebook/divulgação)

Só pra fechar. Nada de Boa Esporte, Ariel Mamede volta pra sua Goiás querida. O time, chama-se Grêmio Anápolis que vai lutar para o acesso à primeira divisão do futebol goiano este ano.
(Esta será a nova casa de Ariel Mamede - Créditos/site do Clube)

Agora, podem compartilhar a vontade!!!


RSC x Genus é a pedida para esta quarta-feira,20

O primeiro jogo da final do 1º turno do rondoniense ffer-eucatur, acontece nesta quarta-feira,20. O Blog que saber sua opinião, com esta prováveis escalações, quem leva a primeira. Empate? Genus fatura, ou o novato Rondoniense Social Clube.

(Clique para ampliar)

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Sidnei Pereira será o árbitro do 1º jogo da final

O árbitro da primeira partida da Final do 1º Turno do Campeonato Rondoniense FFER/Eucatur, entre Rondoniense Social Clube e Genus será Sidnei Pereira Oliveira. O anúncio foi feito na manhã desta segunda-feira após o sorteio realizado pela comissão de Arbitragem da Federação de Futebol do Estado de Rondônia (C.A/FFER). A primeira partida será disputada nesta quarta-feira, às 20 horas, no estádio Aluízio Ferreira.
(Sidnei Pereira Oliveira,41a, Servidor Público - Crédito FFER)
Sidnei será auxiliado pelos assistentes Valdebranio da Silva e Reginaldo Alves Melo. O quarto árbitro será Arnoldo Vasconcelos Figarela.

Fonte: Paulo Ricardo/FFER

Jogadores e comissão técnica do Rondoniense terão palestra logo mais sobre arbitragem

Em preparação para a estreia do Campeonato Sub-17, jogadores e comissão técnica do Rondoniense Social Clube irão participar nesta sexta-fei...