sexta-feira, 31 de março de 2017

Periquito em quatro parágrafos o fim de um sonho

Exatos quatro parágrafos de um ofício endereçado ao presidente da CBF via FFER, dão adeus ao sonho de um clube que, até o meio dia de hoje no programa Panorama Esportivo, da Rádio Globo AM 1310 era considerado não somente por nós - Wolney, Dalmo, Naldo e o blogueiro - a esperança da alavancada do clube no futebol da capital e quiçá do estado, assim como companheiros da crônica esportiva do DF, onde o time foi ressaltado, elogiado em página inteira do famoso Jornal Impresso Correio Brasiliense com o título: A ameça que vem do Norte.
(Matéria de Pedro Henrique Gomes - CB do dia 28/03)

Agora é esperar a rebordosa que vem por ai em termos de STJD(*). Deverá o clube tomar um gancho de dois(2) anos afastado de competições via CBF, por conseguinte no estado de origem. A tabela já estava feita da Série D o time estava no grupo A1 com: Trem(AP), Atlético(AC) e Princesa do Solimões(AM), inclusive a estreia seria contra este no Amazonas. Agora, o 3º colocado no ano passado deverá assumir a vaga, no caso o Real Ariquemes. Se não o Ji-Paaraná FC.

(*) Atualizado às 23h desta sexta-feira,31: Art. 61 do RGC - Regulamento Geral das Competições em 2017 - Se uma equipe abandonar uma competição ficará automaticamente suspensa durante dois(2) anos de qualquer outra competição coordenada pela CBF.

Parágrafo único - Entende-se como abandono aquele clube que desistir de disputar uma competição após a publicação oficial da tabela e regulamento correspondente do prazo legal estipulado pelo EDT...(Estatuto de Defesa do Torcedor)

Bola fora do Rondoniense SC!
(Ofício do RSC desistindo da Série D)

BID/CBF desta quinta-feira,30, com mais seis(6) atletas liberados

Dois atletas do Real Ariquemes, dois do VEC e dois do RSC - sendo uma rescisão - esse o balanço do final desta quinta-feira,30, em termos de BID/CBF.

Vamos a eles

Real Ariquemes

Walmir Roseno Santos, 32a, meio-campo, Vitória(BA) e ABC(RN), é o BIDA com seus 77kg e 1,81m já pode estrear no domingo contra o Ariquemes FC.
Juan Pedro Silva Oliveira, 25a, goleiro.

VEC

Thiago César Garcia dos Santos, 24a, meia que jogou Bofago(SP), Olé Brasil(SP) e 2014/15 Olhanense/Portugal.
Rafael Hemberto Inacio, 34a. (não consegui mais nada)

RSC

Brangco Remogene, 25a, haitiano, meia-atacante habilidoso com a perna canhota.
Wilton Junior Barros, 19a, volante/zagueiro, rescisão (foi emprestado ao Atlético-GO)

Aluízio Ferreira um autêntico desafio à paciência dos gestores

Quando saiu a decisão do DCO/GER da CBF, sobre o fechamento dos portões do Aluizão para o jogo da volta entre RSC x Luziânia, esse cabeçudo e os companheiros do programa Panorama Esportivo, fomos bem claro sobre uma luz no fim do túnel. E essa luz chegou na tarde desta quinta-feira,30, através do ofício nº 092/17 do órgão acima.

Resumidamente o ofício diz: "em virtude da apresentação do Laudo de Prevenção e Combate a Incêndio e Pânico do estádio Aluízio Ferreira, informamos que a partida entre: Rondoniense/RO x Luziânia/DF terá sua programação mantida e com presença de público", Manoel Flores - Diretor de Competições da CBF.

Agora dá nome a quem se esforçou para que isso acontecesse. Segundo minha fonte, desde aquele jogo contra o Cuiabá/MT - lembram? Em que tinha todos os Laudos e faltava o da Vigilância Sanitária. Pois bem, aos 45' do segundo tempo o Vice Governador Daniel Pereira, o Secretário da Sejucel Rodnei Paes, o Diretor de Esportes Edvaldo Coelho e até o presidente da FFER Heitor Costa foram peças fundamentais para junto à CBF ao Secretário Geral Feldman, haver a liberação dos portões.

Veio o zero a zero aqui, e o um a um lá na Arena Pantanal, passa o Periquito de fase. Sorte que no sorteio - chega rimou - deu o jogo da volta aqui, que é este do dia 5/4. Sorte? Lá vem dor de cabeça, sabe qual a exigência da CBF - a mesma de uma Arena/Fifa -, vou citar duas pra não encher a cabeça do leitor: 1) sabonete líquido nos banheiros; 2) se por acaso for vender a velha saltenha, tem que ter o exaustor e, assinaturas em todas as folhas do Laudo dos Bombeiros.

Quer dizer, está errada a CBF? Não, errado somos nós tentando fazer futebol de Arena/Fifa num cantinho do norte deste Brasil gigante. Ah, nem vou falar da capacidade do Aluizão. De repente isso cai "nosouvidos" do pessoal do DCO/GER/CBF, ai nós estamos "pebados". Dessa vez o trabalho foi em quatro mãos - Rodnei e Edvaldo - pois o Dr. Daniel Pereira está à frente do Executivo Estadual, e não podia exercer o papel de ligar para o Feldman, no final tudo resolvido e o RSC pode cobrar um ingresso razoável da torcida que agora quer ver o time na semifinal - ai serão 30 mil espectadores -, daqui pra lá, se acontecer haja paciência!!


quinta-feira, 30 de março de 2017

Periquito lutou muito, mas encontrou um ataque Kamikaze

Esta quarta-feira,29, vai ficar na história do Rondoniense SC e, claro do Luziânia. Abertura da 2ª fase da Copa Verde, ou quartas de final como queiram. De um lado o time da casa Luziânia-GO, defendendo o Distrito Federal, do outro a juventude e inexperiência de um Rondoniense com dois anos de profissional.

O jogo

1º tempo

Correria era o esperado, e foi. O time da casa com apoio de seu torcedor partiu pra decidir o jogo nos minutos iniciais, enquanto o Periquito não se assustou e respondia à altura. Mas aos 8' o veloz Dan camisa 11 do Luziânia entrou na área e foi derrubado pelo goleiro Bira, pênalti que ele mesmo cobrou e fez: Luziânia 1 x 0 RSC.

Pensa que o RSC recuou, nada disso. Coube a Fernandinho camisa 10 aos 11' marcar o gol de empate do Periquito. Ai o jogo ficou lá e cá, o time da casa tinha sim um poderio maior, nessas alturas prevaleceu as boas defesas tanto de Bira goleiro do RSC, assim como Sid do Luziânia. Até que aos 34' Alesson nº 21 do RSC, sofreu pênalti - era o segundo da noite marcado pelo árbitro capixaba -, Careca nº 11 foi lá e, de virada é muito mais gostoso. Fez: Luziânia 1 x 2 RSC. Placar que ficou até o apito do árbitro finalizando o primeiro tempo.

2º tempo

Nem Evilásio Almeida do Luziânia, nem Elias Santana fizeram trocas em suas equipes no intervalo de descanso. O RSC parecia está muito contente com o resultado, mas também pudera. Um 2 a 1 na casa do adversário, nem o mais otimista dos Periquitos imaginava. O Luziânia sim, partiu para o empate e, se possível a virada.

Elias Santana foi o primeiro a se manifestar em termos de mudança, tirou Pemaza e colocou Tanaka a ideia era de dar correria ao time. Mas Evilásio também não ficou atrás, quatro minutos após a troca de seu adversário ali por volta dos 24' do 2º tempo, tirou Sena e colocou Watthimen. Depois Williame na vaga de Renatinho, ainda Jefinho no lugar de Thompson. Para fechar o troca troca, no RSC saiu Alesson e entrou Kelvi.

Nessas alturas do campeonato estava se encaminhando para um 2 a 1 RSC. Ainda mais quando aos 44' Fernandinho do RSC já extasiado levantou uma bola na cabeça de Careca, era o 1 a 3 RSC. Bom demais, mas estamos falando de futebol, onde tudo pode acontecer até o apito final do árbitro. Foi ai que apareceu o ataque kamikaze do time azulino. Dan, Jefinho e Williame foram pra cima da defesa do RSC sem dó.

O juizão deu 4' de acréscimos, era a senha. O velocista Dan que havia feito o primeiro para o Luziânia fez o 2 a 3 aos 46' e Castro Jr., empatou aos 48'. Sensacional e heroico empate em 3 a 3, ganhou o torcedor que compareceu e aplaudiu aos dois times. Vale registrar que, aos 35' do primeiro tempo o atleta nº 4 Rodrigo dos Santos Barros da equipe do Luziânia, recebeu cartão verde por informar que a penalidade marcada em desfavor de sua equipe , foi de maneira correta.

As duas equipes voltam a jogar dia 05 de abril, às 20h30 (RO) no Aluizão....,

Escalações

Luziânia-DF com: Sid; Amaral, Cauê, Rodrigo Barros e Rodrguinho; Castro Jr., Thompson(Jeffinho), Robinho e Renatinho(Williame); Dan e Sena(Wathimen). Téc: Evilásio Almeida.

RSC-RO com: Biro; Hércules, Quintino, Dhonathan e Marquinhos Carioca; Cabelo, Paulão e Fernandinho(Biscola); Alesson(Kelvin), Careca e Pemaza(Tanaka). Téc: Elias Santana.
(Periquito precisa de um novo empate em casa para chegar às semifinais da Copa Verde)




quarta-feira, 29 de março de 2017

Caerd e Alto Madeira abrem Torneio do Centenário no Aluizão

Começa neste, 1º de Abril (sábado), às 10 horas, no estádio Aluízio Ferreira a disputa da TAÇA ALTO MADEIRA 100 ANOS competição única, histórica e secular como parte de uma das homenagens ao lendário jornal ALTO MADEIRA que chega a seu primeiro Centenário no próximo 15 de abril.
Os jogos dos dias 1 e 8 seriam no campo da Brigada Militar, mas que já se encontra interditado em razão da troca de comando, das comemorações ao Dia do Exército e Bandeira do Brasil, foi para o tradicional Aluízio Ferreira, gentilmente cedido pelo secretário de esportes Rodney Paes.
O desfecho, porém da TAÇA ALTO MADEIRA de futebol máster (para atletas de 50 anos acima) está confirma do para o campo da Brigada Militar dia 15 de abril.
Pelo que ficou definido no Congresso Técnico de sábado, na sede do Ferroviário, quatro times irão disputar o esperado evento que são dirigidos pelos cartolas e jogadores: Alto Madeira(Águido Melo), Caerd (Alexandre Cunha), Os Compadres (Jairo Guedes e Onório) e Hospital 9 de Julho (Dr. L Ú Cabrl). Os demais tiveram problemas na formação de equipes nessa faixa etária dos 50 anos.
Primeira rodada – sábado – 1º de abril
Estádio Aluízio Ferreira
1º jogo - 10 horas – Alto Madeira x Caerd
2º jogo – 16h30 – 9 de Julho x Compadres
Segunda rodada – sábado - 8 de abril
Estádio Aluízio Ferreira
1º jogo – 16 horas – Venc. do 1º jogo x Perd.do 2º jogo
2º jogo – 17 horas – Venc. do 2º jogo x Perd. do 1º jogo
Terceira Rodada – 15 de Abril
Campo da 17ª Brigada Militar
1º jogo – 15 horas- Disputa do 3º lugar  
2º jogo – 16 horas- Decisão do título
17h30 – Cerimonial de entrega de premiação
18 horas – Coquetel os atletas e convidados
 E mais....
Mirandinha deve reforçar o Alto Madeira
O ex-atacante da Seleção Brasileira, de vários clubes brasileiros e do Newcatle United, da Inglaterra, Mirandinha, 57 anos, hoje treinador do Sport Genus Rondoniense, foi convidado a jogar no time do Centenário Alto Madeira durante a Taça Alto Madeira que começa sábado no Aluizão. Apesar de se achar fora de forma fisicamente, o quase sessentão deve aceitar.
Maurício Técnico
Outra novidade no Alto Madeira na partida de sábado é o técnico Maurício Cruz, rondoniense, (filho da saudosa mãe Creusa Cruz), ex-zagueiro do Botafogo do Rio de Janeiro, na década de 60, do Vitória, Fluminense e Itabuna (BA) – hoje treinador das categorias de base do Itabuna - que passa férias em Porto Velho em visita a irmã Ledir Sena.
Maurício vai comandar o time do Alto Madeira formado pelos atletas: Rodney Paes, Eder, Ademir, J. Dourado, Égio, Geraldo, Esio Mendes, Careca, J. Lima, Elton Leoni, Beto do Trento, Manoelzinho, Edmar e Eudes Tourinho. 
Texto: Águido Melo

terça-feira, 28 de março de 2017

Bilhete azul pra todo canto no futebol de Rondônia

Não bastasse a queda do Profº Pery Santana, ex-comandante do Jipa no domingo ainda, logo após a derrota para o Real Ariquemes por 2 a 1. Na segunda-feira, 27, o Diretor de Futebol do Galo, Eder Marques anunciava aos microfones da Rádio Globo as dispensas de: Clébio(goleiro), Rincon(volante), Maranhão(zag) e Kastor(atacante) do Ji-Paraná FC(*).

Hoje, terça-feira,28, soubemos da dispensa do técnico do Lobo do Cerrado, Wanderley Cesareti. Juntou-se a fome com a vontade de comer - o Gaúcho do Milho não estava nada contente com a produção do Profº dentro de casa -, ao mesmo tempo a genitora do Cesareti está com problemas de saúde e ele foi dá um apoio à sua mãe. Portas abertas ao W.C. (Wanderley Cesareti).

Já em Ariquemes, foi a vez do presidente Chico Pinheiro assinar o distrato de cinco peças do tabuleiro rubro-negro, o Real Ariquemes. Veja quem ganhou bilhete azul: Jota, Jorginho, Bahia, Augusto César e Roberto.

Isso tudo até o meio dia desta terça-feira, será que tem mais por ai. O comandante do Guajará EC Celino Cantuária, permanece lépido e fagueiro no Glorioso campeão do início do século XXI.

(*) atualizado a 01h30 desta quarta-feira,29. Segundo o Diretor de Futebol do Jipa, Eder Marques a relação oficial é esta: Clébio foi somente afastado do time, já os dispensados foram: Pery Santana, Kastor, Maranhão, Zema, Otávio Augusto, Luiz Camargo, Adriano, Jura e Gabriel. Rincon continua fazendo parte do elenco.


Arbitragem: 4ª rodada tem a volta de Servilio Patricio ao apito

A Comissão de Arbitragem realizou na manhã de segunda-feira, 27, o sorteio dos árbitros e assistentes que irão atuar neste final de semana, nas partidas válidas pela quarta rodada do Campeonato Rondoniense Sicoob 1ª Divisão.
 RODADA:
GUAJARÁ X JI-PARANÁ - JOÃO SALDANHA
Arbitro - Servilio Patrício Oliveira
Assistente 1 - Reginaldo Alves Melo
Assistente 2 - Anderson Grifftts Denny
Quarto árbitro - Álvaro Araújo da Silva

BARCELONA X VILHENA - PORTAL DA AMAZÔNIA
Arbitro - Caio Nunes Cazuza
Assistente 1 - Valdebranio da Silva
Assistente 2 - Adenilson de Souza Barros
Quarto árbitro - Jurandir Lico de Camargo

GENUS X RONDONIENSE - ALUÍZIO FERREIRA
Arbitro - Fledes Rodrigues Santos
Assistente 1 - Márcia Bezerra Lopes Caetano
Assistente 2 - Cristiano Pereira Lopes
Quarto árbitro - Álvaro Araújo da Silva

REAL X ARIQUEMES - GENTIL VALÉRIO
Arbitro - Jonathan Antero Silva
Assistente 1 - Célio Silva Santos
Assistente 2 - Joverton Wesley Souza
Quarto árbitro - Salvino rosa da Silva
Texto: Paulo Ricardo/Jornalista

Periquito embarca às 13h15 para Brasília

O Rondoniense SC viaja para fazer o jogo de ida pela 2ª fase da Copa Verde contra o Luziânia-DF, às 13h15 de hoje com chegada no DF às 18h30. Chegada em Luziânia - Hotel Taguatinga - jantar, ceia, recolhimento às 23h.

No dia do jogo, quarta-feira,29, café da manhã até às 09h, almoço 12h30, lanche às 15h, preleção no hotel às 18h, saída para o estádio Serra do Lago às 1830, aquecimento 19h45, entrada em campo às 20h15.

Luziânia-DF x RSC-RO

Copa Verde - Ida - 2ª Fase
Às 20h30(DF) - Estádio Serra do Lago
Árbitro: Devarly Lira do Rosário - ES
Á.A.01: Fabiano da Silva Ramires - ES
Á.A.02: Valberson Braz Zanotti - ES
4º Árbt: Sávio Pereira Sampaio - DF

(*) até o fechamento do post não consegui a delegação que viaja. Uma certeza, o camisa 10 do time, Pither não viaja pois cumpre um jogo de suspensão em função de sua expulsão no jogo contra o Cuiabá-MT.

(**) atualizado às 14h desta terça,28. Viajaram 18 atletas: Biro, William, Hércules, Dhonathan, Quintino, Marquinhos, Cabelo, Paulão, Pemaza, Alesson, Careca, Fernandinho, Kelvin, Weslei, Elvis, Tanaka, Geovani e Biscola.

Rondoniense-2017: 3ª rodada caiu o público pagante e o número de amarelos

Neste domingo,26, tivemos a realização da 3ª rodada do rondoniense-17. A bufunfa caiu muito em relação à segunda rodada, assim como o número de cartões amarelos. Em compensação mais um membro de comissão técnica fora excluído pelo homem de preto.

Vamos aos jogos

Ji-Paraná 1 x 2 Real
Público: 834 pagantes p/R$ 8.530,00
Árbitro: Fledes Rodrigues
Cartões: 02 amarelos

VEC 1 x 1 Genus
Público: 309 pagantes p/R$ 3.980,00
Árbitro: Salvino Rosa
Cartões: 08 amarelos
(*) O Sr. Salvino Rosa excluiu o preparador de goleiros do VEC, Sr. Odilon Pedreira por ofender o assistente Valdebrânio da Silva. Foi necessário acionar até a PM para retirar o citado Odilon do banco de reservas.

Ariquemes 6 x 1 Guajará
Público: 106 pagantes p/R$ 1.850,00
Árbitro: Caio Nunes Cazuza
Cartões: 03 amarelos
(*) atraso de 30 min - falta de policiamento. (**) Ariquemes ficou c/débito de R$ 263,38 no Borderô.

RSC 0 x 1 Barcelona
Público: 140 pagantes p/R$ 1.720,00
Árbitro: Sidnei Pereira
Cartões: 05 amarelos

Em comparação com a 2ª rodada tivemos: 1.389 pagantes e R$ 16.080,00 o público caiu 321 e a grana R$ 5.810,00 a menos. Cartões Amarelos; 22 na segunda rodada e 18 nesta, caiu 4 cartões.

Falando em cartões amarelos, para o clássico de domingo entre Genus x RSC de portões fechados, temos: Quintino, Marquinhos Carioca e Paulão - todos do Periquito, pendurados com dois amarelos.


Taça Alto Madeira 100 anos terá sorteio sábado no Ferrim

Aconteceu neste sábado, 25, às 10 horas, na sede do Ferroviário Atlético Clube o sorteio dos grupos e jogos da Taça Alto Madeira 100 Anos que começará dia 1º de abril no majestoso campo da 17ª Brigada de Infantaria de Selva, no centro da cidade.
A competição é comemorativa ao primeiro Centenário do jornal Alto Madeira e será disputada em três rodadas, sendo as duas primeiras dias 1 e 8 de classificação, e a terceira decisiva ao título. O encerramento será dia 15 de abril, à tarde, com duas partidas, às 15 horas disputa do 3º lugar e a 16 horas, partida decisiva do título.
Oito times disputarão a competição. A novidade é a participação do time do jornal Alto Madeira (aniversariante), que substituirá a Seleção da Imprensa.
Segundo o coordenador Águido Melo, a inclusão tem certa lógica. “(Mudamos apenas o nome de Seleção da Imprensa para Alto Madeira, mas que terá os mesmos jogadores, certo de que o aniversariante em campo irá abrilhantar ainda mais a festa futebolística para atletas a partir de 50 anos – explica o coordenador)”.
Dois times convidados: Governadoria e 17ª Brigada resolveram desistir por não terem conseguido grupo de quinze atletas com a idade mínima de 50 anos, como exige o regulamento.
Eis os times que estão confirmados:
Alto Madeira; Hospital 9 de Julho; Cosmos Clube;  Caerd/Afag, River Clube, Associação dos fiscais –AAFRON; Associação Os Compadres e Funasa.
Os cartolas convidados para defender seus times no encontro no Ferroviário são: Alexandre Cunha (Caerd), Acyr Monteiro (AFRON), Norman (Funasa), Dr. L ú Cabral (9 de Julho), Maj. Nelson (River), Geraldo (Cosmos), Jairo Guedes (Os Compadres) e Águido Melo (Alto Madeira) e coordenador.
Consta no regulamento que as equipes serão divididas em dois grupos A e B, com jogos entre si, classificando o mais bem colocado de cada grupo para a final do dia 15 de abril à tarde no campo da 17ª Brigada. Os dois segundos lugares disputarão o 3º lugar.
FONTE: Águido Melo/Jornalista

segunda-feira, 27 de março de 2017

Futebol Feminino: Barcelona faz 1ª seletiva

Diz um provérbio popular - quem cedo madruga, Deus ajuda -, seguindo este ditado a Supervisora de Futebol Feminino do Catalão Vilhenense Viviane Almeida, já realiza a 1ª seletiva no cone sul do estado. No próximo sábado 1º de abril.

Horário, local, valor da inscrição, idade de quem pode participar. Tudo no folder abaixo, clique e amplie.
(Foto: Divulgação do Deptº Feminino do Barcelona FC)

A bolinha caiu para Servilio Patricio em Guajará

Não, não é coisa de 1º de abril. Mas a bolinha no sorteio da arbitragem hoje pela manhã, deu Servilio Patricio no jogo entre Guajará EC e Ji-Paraná FC, no próximo sábado 1º de abril válido pela 4ª rodada do rondoniense sicoob.

E porque sábado? Em virtude de nova eleição para prefeitura do município de Guajará-mirim, que será realizada no domingo(2).

A escala completa é:

Jogo: Guajará x Ji-Paraná

4ª rodada - jogo de ida - data 1º/04/2017. 
Estádio João Saldanha/Guajará-Mirim

Árbitro: Servilio Patricio Oliveira
Á.A.01: Reginaldo Alves Melo
Á.A.02: Anderson Griffts Denny
4º Árb.: Álvaro Araújo da Silva
Delegado: Paulo Ricardo Leal
(Servilio Patricio 1º a esq e Anderson Denny último à dir, estarão em Guajará sáb. Foto: Alexandre Almeida/Futebol do Norte)

Caiu o segundo treinador no rondoniense-17

Este domingo(26), a bola rolou para a 3ª rodada do rondoniense-17. Foram quatro jogos com: VEC 1 x 1 Genus; Ariquemes 6 x 1 Guajará; RSC 0 x 1 Barça e Ji-Paraná 1 x 2 Real, 13 gols assinalados com média de 3,25 gol/jogo.

Com estes resultados caiu o segundo técnico, e foi justamente o bom baiano Pery Santana do Galo Marambaia, Ji-Paraná FC. Segundo informações, outro Profº está numa corda bamba, este lá da Pérola do Mamoré.

Matéria completa sobre a saída de Pery Santana, aqui no Portal da Rede TV. Assume o Galo interinamente Raimundo Mota Pereira, o Marialvo ex-atleta do próprio Jipa.
(Marialvo assume o Jipa interinamente - créd: RedeTV)

Pressão mais pressão, nem sempre resulta em gol

Foram mais de 90 minutos de jogo entre RSC 0 x 1 Barcelona, nesta tarde de domingo(26), no Aluizão - antes que falem alguma coisa - com os acréscimos do árbitro. Quem fizer um levantamento encontrará com certeza em torno de 70% de pressão, do Periquito em cima do bom time do Catalão Vilhenense.

Tudo começou com o apito inicial de Sidnei Pereira, logo por volta dos 5' Pemaza ganhou na corrida de Douglas, ao invés de rolar voltando para Careca preferiu chutar a gol, a bola foi para fora. Isso foi uma constante por volta de 15' iniciais. Mas o Barça é muito experiente, começou a equilibrar as ações - ora com Edilsinho, ora com Cucau -, e lá atrás a segurança do miolo de zaga com Douglas e Zé Klock, sem falar claro, no goleirão Rocha, quanto mais velho melhor.

Por volta dos 42 a 43' o Barça adiantava sua linha alta - é assim no futebol moderno - marcando a saída de bola do adversário. O RSC era o senhor de tudo, parecia que venceria o jogo a qualquer momento - mas o futebol prega peças, viu - na última volta do ponteiro, já pra finalizar o primeiro tempo eis que Edilsinho, lança uma bola para o lado direito de seu ataque entre Dhonathan e o lateral esquerdo Marquinhos, a bola para Pablo - este como um autêntico atacante, chuta forte de dentro da grande área do RSC -, bola alta no canto do goleiro Biro.

Um golaço, sem chances para o bom goleiro Biro. Mas a desatenção dos defensores do RSC contribuíram com o chute certeiro de Pablo. Esse mesmo Pablo, garotão ainda do mesclado time do Tiago Batizoco que, quase faz o segundo dele aos 47' do segundo tempo. Ou seja, falta de alerta não foi de que o Índio Zonoecê, gosta de um golzinho no final do jogo.

Placar do primeiro tempo ficou mesmo em: RSC 0 x 1 Barça, para o segundo tempo o técnico do RSC já veio com Biscola na vaga de Careca. A torcida queria fora do time o Pemaza, mas demorou um pouco essa substituição - Fernandinho entrou na vaga do Pemaza -, não preciso dizer aqui que estou inventando a pólvora, a qualidade as característica são completamente diferentes.

As triangulações saíam com maior perfeição. Mas, e o gol - nada de gol - a pressão sim continuava, mas o Barça bravamente resistia, é tanto que Batizoco segurou Edilsinho e Cabixi até os 48' do segundo tempo, ou seja, até o apito final do árbitro. No geral, foi um bom jogo apesar do placar magrinho, magrinho. E com toda essa pressão sempre mencionada, quem trabalhou mais em termos de salvar suas metas foi Biro do RSC - principalmente no segundo tempo -. uma numa saída em falso que Xavão chutou no canto e ele salvou, outra aos 47' quando Pablo partiu de seu campo e chutou forte no meio do gol, Biro colocou a escanteio.

Fala Barcelona FC

Zé Klock: "o time suportou bem a pressão, e conseguimos esse belo resultado. Vim do futebol do MT"
Pablo: "sou de Vilhena mesmo, sempre arrisco fazer um golzinho hoje quase faço dois. Fui fazer testes no Fortaleza EC, espero voltar lá no Ceará"
Tiago Batizoco: "o bom é o que passei pra eles - para chegar ao topo - tem que ganhar do atual campeão - e, olha Luis faltam 4 jogos se ganharmos todos por um a zero, conquistamos o primeiro turno".

Fala Rondoniense SC

Zé Elias: "produzimos bem, num instante de desatenção tomamos o único gol do jogo. Nossa preocupação é projetar o jogo de quarta-feira,29, contra o Luziânia pela Copa Verde".
(Barcelona FC suporta pressão, mas ganha no Aluizão - foto/Blog)

domingo, 26 de março de 2017

Profº Wallace Pessanha diz que o Ariquemes FC está a 5% do ápice físico

Em função da ótima performance apresentada pela equipe do Ariquemes FC, no último domingo(19) o Blog entrevistou o preparador físico da equipe, Profº Wallace Pessanha. Em duas perguntas básicas o Profº fez sua explanação sobre a carga aplicada de exercícios e, no final ele considera que já está a 95% do processo ideal.

Vamos a entrevista

1) Profº desde o início de seu trabalho à frente do Ariquemes, como o Sr. avalia.

- o nosso mesociclo teve início no dia 02/02/2017, com os testes físicos onde verificamos o real nível de condicionamento dos atletas como chegaram. A partir dai detalhando individualmente a carga de treinamentos para chegarmos aos resultados, até o primeiro jogo do campeonato.

- em nossos relatórios foi realizado um novo teste físico no dia 04/03/2017 para comparar com os primeiros testes e fazer a verificação do método implantado. A resposta foi muito boa, provando que estávamos no caminho certo e com um percentual em torno de 70% de condicionamento.

2) Profº., quando, ou qual a rodada o time vai chegar ao tão esperado 100%?

- Luís esses 70% está dentro do esperado. O grupo de atletas deve chegar ao ápice a partir desta 3ª rodada. Caso tivéssemos chegado aos 100%  de condicionamento físico na primeira rodada, a tendência seria cair no meio da competição - neste domingo,26 -, dia da terceira rodada pode ficar certo que estamos com 95%, faltando somente os 5% restantes.

- entendemos a obrigatoriedade do resultado, porém, sabemos que não podemos preparar uma equipe para as duas primeiras rodadas, e sim para ao longo da competição.

Valeu Profº!
(Wallace Pessanha/Prep. Físico do Ariquemes FC - foto/arquivo pessoal)

sábado, 25 de março de 2017

Partida válida pela terceira rodada do Estadual 2017 será às 16h00 do domingo

POR ROGÉRIO PERUCCI

Depois de cerca de 16 horas de viagem o Barcelona Futebol Clube desembarcou em Porto Velho para a partida de amanhã contra o Rondoniense Social Clube pela terceira rodada do Campeonato Estadual 2017.
O atraso na chegada da delegação do Barcelona na capital, prevista para às 11h00, deu-se pelas más condições da estrada. A viagem havia mal começado, apenas cerca de 40 quilômetros havia sido percorridos quando um buraco na pista estourou o pneu do ônibus. Apesar desse imprevisto, a restante da viagem não teve alterações.
Após o desembarque os jogadores almoçaram e subiram para os quartos. O único compromisso para a tarde será uma sessão de crioterapia. Amanhã a equipe almoça às 11h30. A saída para o Estádio está prevista para às 15h30.
O início do jogo está agendado para às 16h00, no Estádio Aluízio Ferreira.

Fonte: EsporteRO.com.br

As previsões de "Pai Luis"

Baseado num comentário do Profº José Francisco, resolvi escrever esse post para a 3ª rodada do estadual-2017 que será realizado neste domingo,26, em quatro municípios distintos. O comentário do experiente Profº e técnico de futebol era: "vamos começar a terceira rodada do estadual de futebol, e o Guajará tá fora da briga do primeiro turno".

Algumas análises

1) É praticamento o meio do dos jogos de ida, e todos ainda no páreo - até o Guajará EC Profº -, explico: os clubes teem que se preocupar em chegar entre os três primeiros.

2) E quantos pontos o clube tem que conquistar para chegar entre os três primeiros. Nas minhas contas entre 11 e 12 pontos. Nosso Guajará tem -3 e, se ganhar os cinco jogos restantes chega a 12 positivos.

3) E mais..., ainda com relação ao nosso Guajará e outros, torcer que um clube dispare na pontuação seja 1º colocado nos jogos de ida e da volta, pois ai abre espaço para o 4º colocado geral.

Ainda com relação às análises, vale acrescentar o seguinte: algum atleta que foi relacionado e, assinou súmula nos dois primeiros jogos, e vai assinar súmula, ou jogar nesta 3ª rodada dê adeus à mudança para outra equipe do rondoniense neste 2017.

As previsões da rodada

RSC x Barça (vitória do RSC)
VEC x Genus (empate)
Ji-Paraná FC x Real (vitória do Galo)
Ariquemes x Guajará (vitória do Ariquemes)

sexta-feira, 24 de março de 2017

TJD: SC Genus perde, agora no Pleno

Dura lex, sed lex - é uma expressão em latim cujo significado em português é: A lei é dura, mas é lei. E porque começo esse texto citando essa expressão em latim. Em função do julgamento do processo 032/2016 envolvendo o filiado à FFER o SC Genus, à época do primeiro julgamento por uma das Comissões Disciplinares do TJD, o Genus fora penalizado com a perda de dois mandos de campo conforme prescrito no Art. 213 do CBJD. Até ai tudo correto, mas vem o campeonato atual, ou seja, o clube teria que cumprir a pena dentro do estadual, como à época já tinha acabado o estadual então seria neste 2017.

Além da perda do mando de campo, multa pecuniária no valor de R$ 1.000 (hum mil reais), isso foi em agosto do ano passado. O Genus estreou este ano fora de casa, em Ji-Paraná e foi providenciar essa reversão de pena já agora alguns dias antes do jogo contra o Ariquemes, o clube impetrou recurso, enfim fez a coisa direitinho. Mas o presidente do TJD num primeiro momento não acatou a solicitação do time e, como não havia a indicação de outra praça para acontecer esse jogo. A decisão foi; jogar no Aluizão, mas de portões fechados, e o pagamento da multa em 48h, ou seja, até o dia 17/03.

Lembrando que o jogo de portões fechados aconteceu dia 19/03 no domingo e, o presidente do TJD já havia nomeado o Auditor Relator para o julgamento desse pedido de reversão no dia 23/03 esta quinta-feira, pelo PLENO do TJD. Agora, daqui pra frente vou tentar fazer algumas comparações e o leitor comenta, dá sua opinião e a minha não vou deixar de registrar, ao final.

Vamos lá o PLENO tanto do TJD como do STJD é composto por 9 Auditores, antes que alguém fale que é composto por membros da FFER, e ou, da CBF eu respondo que não. Já fiz parte do TJD com muito orgulho, indicado pelo Sindicato dos Árbitros, e digo mais: duvido que os oito(8) clubes saibam quantos e quem são seus representantes no PLENO. Na minha época, muitos Auditores compareciam aos jogos - hoje, no julgamento desta quinta-feira, tinha Auditor perguntado para outro colega quando foi o jogo, se já tinha sido realizado o primeiro de portões fechados -, enfim.

O resultado final foi: 3 a 2 favorável ao voto do relator de - não acatar o recurso do Genus, na reversão da pena -, na verdade foi 2 a 2 e o presidente do PLENO deu seu voto favorável ao Relator. E mais, a pena pecuniária teria de ser quitada ao fim da sessão. O Genus quem fez a defesa foi o próprio Evaldo, conseguiu que o Tribunal fizesse em 4 parcelas de R$ 250 (duzentos e cinquenta reais). Obs: a primeira nesta sexta-feira,24, pela manhã.

A composição do PLENO do TJD local está assim: Presidente Dr. Leandro Cavol; Vice-Presidente Dr. Laércio Fernando de O. Santos; Drs Nilton Santos, Rochilmer Melo, Michel Fernandes, Mateus Evaristo, Gerson Nava, Paulo Pereira e Márcio Silva dos Santos. Claro que numa votação dessa isso não influencia em nada, mas pelo menos poderíamos saber como votaram os representante dos clubes. Ou não.

Agora comparem com o PLENO do STJD: Presidente Ronaldo Piacente(SP) Árbitros; Vice-Presidente Paulo César Salomão Filho(RJ) CBF; Mauro Marcelo de Lima e Silva(SP) CBF; José Perdiz(DF) Clubes; João Bosco Luz(GO) Clubes; Décio Neuhaus(RS) Atletas; Arlete Mesquita(GO) Atletas; Otávio Noronha(DF) OAB; Antônio Wanderler(RJ) OAB.

Para fechar a matéria, vai a minha modesta opinião: ora, o Art. 213 do CBJD vale tanto para julgar um medalhão do eixo sul/sudeste como um vintém do eixo norte/nordeste, certo? Sim e não. Não poderia ser mais amena essa decisão? O time já pagou uma pena, das duas impostas, o citado Art. fala de UM a DEZ jogos. Não poderia ter ficado em UM jogo, já cumprido.

(*) Obs: até esta postagem, não tomei conhecimento o que aconteceu com o Guajará EC. Para conhecimento da composição do PLENO da FFER e do STJD acessei os sites às 01h10 desta sexta-feira,24.
(O PLENO com maioria simples, os dois da esquerda da foto (um deles é o Auditor Paulo Pereira dos Àrbitros) votaram a favor do recurso do Genus, os outros três foram contra - foto/fanpage do SC Genus)

(**) Atualizado às 22h de hoje,24: O processo relacionado ao Guajará EC, o clube perdeu os três(3) pontos e multado em R$ 500(quinhentos reais).

quinta-feira, 23 de março de 2017

BID/CBF desta quinta-feira,23, tem mais 5 atletas liberados

Os clubes de Rondônia continuam se fortalecendo. Nesta quinta-feira,23, mais cinco novos atletas deram entrada no Boletim Informativo Diário (BID), da CBF.

Confira


Ji-Paraná FC - dois atletas - Marcos Vinícius Antunes Xavier, 18a; André Luiz Correa da Silva, 36a.

Barcelona FC - dois atletas - Diego Silva Ferreira, 31a; Douglas Wagner de Oliveira Pereira, 30a.

Guajará EC - um atleta liberado - Luis Gustavo Ferreira Duarte da Silva, 20a.

De bola parada, Marco Aurélio faz dois e deixa o Real no topo

Jogão de bola para fechar a segunda rodada do rondoniense-17. Real Ariquemes que vinha de 10 dias se cuidando pra isso e, o Rondoniense que vinha de viajem estafante, de uma belíssima classificação na Copa Verde em Cuiabá-MT.

O Real mesmo com essa longa preparação, entrou em campo com quatro desfalques. Por outro lado tinha meio time ex-RSC doido pra entrar em campo e mostrar serviço, tinha por lá: Dida, Cássio, Rafael Vioto, André Jr e Marco Aurélio, todos ótimos jogadores.

Começa o jogo. O Real valendo-se da condição de mandante começa pressionando o Periquito. Mas o RSC não se intimida. Quem começa a se intimidar é o juizão, veterano Jurandir Lico com marcações de faltas sem a menor necessidade. O Bochecha experiente e cheio de jinga, começa a levar pra cima do Paulão, ou do Dhonathan. Era a bola parada que o canhota queria pra si.

Será que não foram alertados pra isso? Aos 11' naquela de pegar a bola de costa para seu marcador e girar, vai ai que um sopro qualquer Bochecha se esparrama - tá certo ele -, falta. E quem vem pra cobrança, claro que ele o M.9 como quer ficar conhecido, nesta segunda passagem nas terras de Rondon. Falta bem cobrada com força, sem chances para o bom goleiro Biro. Real 1 x 0 RSC.

O Periquito estava numa noite boa. Cresceu pra cima do Real, e aos 20' após bela troca de passes pela direito de seu ataque, Cabelo levanta a bola para a área e encontra a cabeça de Careca - o chamado gol ecológico -, numa química perfeita; cabelo, careca e gol. Era o empate do time Periquito. Real 1 x 1 RSC.

E ai vem a história do "se", onde no futebol quase sempre não prevalece. Explico: se o primeiro tempo terminasse em 1 a 1, como seria o segundo. Se o juizão não fosse na onda do Marco Aurélio e, se não apitasse aquela falta aos 38' no semicírculo da grande área, ficaria no 1 a 1.

Dali para o Marco Aurélio M.9 é considerado um pênalti, dessa vez o ídolo do rubro-negro do Vale do Jamari colocou no ângulo alto lado esquerdo do gol de Biro, com tanta perfeição que, se vocês observarem a foto do Glerisson Sousa, verão10 atletas do RSC na barreira, ou seja, o time todo. Fim do primeiro tempo: Real 2 x 1 RSC.
(2º gol do M.9 para o Real foi uma pintura - foto: Glerisson Sousa)

Para a segunda etapa, o técnico Elias do RSC já teve que fazer uma mexida forçada - em função de contusão do Quintino, ele colocou Elvis e trouxe o Paulão para a zaga -, Elvis entrou bem não comprometeu. Kelvin na vaga do Alesson e Fernandinho no lugar do Pemaza. Parece que o Fernandinho demorou muito a entrar.

Já o PC Alencar do Real, tirou Júnior Porto cansado e entrou Eduardo Bill, André Jr deu lugar ao Leleco ( os dois estreantes da noite, assim como Rafael Viotto) e Augusto César deu lugar a Vágner Junior.

Os últimos 45' nem chegou perto da primeira metade do jogo, porém, o torcedor exigente do Real pediu mais gol. Que não aconteceu, em certos momentos pelas defesas dos dois goleiros e até a trave andou ajudando o "São Dida" do Real.

Público pagante de 465 espectadores para R$ 6.940,00. O Real Ariquemes encostou no líder Barcelona os dois com 6 pontos ganhos e o RSC é o 3º colocado. Próximo domingo,26, o Real vai ao Biancão se atracar com o Galo, e o Periquito vai conhecer a força do Índio Zonoecê aqui no Aluizão. Os dois jogos na "lua" das 16h.

quarta-feira, 22 de março de 2017

Média de cartões amarelos vai subir muito nesta 2ª rodada

A segunda rodada do rondoniense-17, termina hoje e uma coisa podemos afirmar: a média de cartões amarelos cresceu muito em relação à primeira rodada. O público melhorou bastante, basta dizer que tivemos uma partida realizada de portões fechados, mesmo assim na primeira rodada completa foram 1.710 pagantes nestes 3 jogos - aliás, dois até hoje - 1.245 compraram ingressos.

Vamos aos jogos

Barcelona 4 x 2 Ji-Paraná
Público: 700 com R$ 9.500,00
Árbitro: Jonathan Antero
Cartões: 05 amarelos

Guajará 1 x 2 VEC
Público: 545 com R$ 5.450,00
Árbitro: Maicon Pessoa
Cartões: 06 amarelos

Genus 2 x 2 Ariquemes
Público: Portões Fechados
Árbitro: Jonas Khun (*) Faltou pagamento de diárias
Cartões: 06 amarelos

Real 2 x 1 Rondoniense dia 22/03
Público: 465 com 6.940,00
Árbitro: Jurandir Lico
Cartões: 05 amarelos

Até agora foram: 13 gols com média de 4,3/jogo; 17 cartões com média de 5,7/jogo; 1.245 pagantes e uma renda bruta total de R$ 14.950,00

(*) Atualizado às 01h50 deste sábado(25): no geral 16 gols com média de 4,0/jogo; cartões amarelos 22 com média de 5,5/jogo; 1.710 pagantes e renda bruta de R$ 21.890,00.

No geral 23 gols assinalados em 8 jogos com média de 2,88/jogo. O placar que mais saiu foi 2 x 1 em quatro oportunidades.

TJD abre os trabalhos de 2017 com dois casos emblemáticos

O Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-RO), marca sessão de instrução e julgamentos para a próxima quinta-feira,23. O local no auditório do TJD-RO, localizado no mesmo prédio da FFER, às 18h e 18h30.

Às 18h abertura dos trabalhos com a primeira comissão disciplinar, julgando o Processo nº 001/2017. Jogo: Rondoniense 2 x 1 Guajará, dia 12/03/17.

Denunciado

Guajará EC - Art. 214 do CBJD

Às 18h30 será a vez do PLENO do TJD, tendo à frente o presidente Dr. Laércio Fernando de Oliveira Santos, julgar o requerimento impetrado pelo SC Genus. Processo nº 032/2016.

Denunciado

SC Genus - Art. 213 do CBJD

E o que diz os artigos acima

 Art. 214. Incluir na equipe, ou fazer constar da súmula ou documento equivalente, atleta em situação irregular para participar de partida, prova ou equivalente.
PENA: perda do número máximo de pontos atribuídos a uma vitória no regulamento da competição, independentemente do resultado da partida, prova ou equivalente, e multa de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais).

Art. 213. Deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir:
 I — desordens em sua praça de desporto;
 II — invasão do campo ou local da disputa do evento desportivo;
 III — lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo.
 PENA: multa, de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais).


terça-feira, 21 de março de 2017

Periquito viaja às 9 h para Ariquemes, e leva dois times

Isso mesmo. A cada dia aumenta mais um ou dois no ninho do periquito da zona leste, o time fecha a segunda rodada do estadual 2017 nesta quarta(22), jogando fora de casa no Valerião em Ariquemes contra o Real, às 20h. O resultado sensacional no último domingo, quando o periquito passou de fase na Copa Verde já faz parte da história do clube.

- Agora é cabeça firme, muito profissionalismo, dedicação e se doar o máximo, pois o estadual é outra pedreira -, disse o Supervisor de Futebol do clube Ocimar Esteves ao Blog. Uma coisa é certa e visível, o ambiente interno do RSC mudou da água para o vinho. A Comissão Técnica, resolveu levar nada menos do que dois times a Ariquemes. Excesso de gastos? Não, é um elenco muito jovem e a tendência é "dar estrada" a essa meninada.

Os 22 atletas que viajam tem duas novidades: Fernandinho está reintegrado ao elenco, e Eduardo Biscola, ganhou liberação no BID/CBF ontem, segunda-feira. A delegação é esta: Biro e William (goleiros), Hércules, Marquinhos Carioca, Weslei e Bruno (laterais), Quintino, Dhonathan, Pablo e Matheus (zagueiros), Cabelo, Paulão, Pither, Kelvin, Elvis, Fernandinho (meias), Pemaza, Careca, Alesson, Breno, Biscola e Geovani (atacantes).
(Eduardo Biscola - colete laranja -, foto: Alexandre Almeida)

Técnico: Elias Santana; Prep. Físico: Willian Schimidt; Auxiliar Técnico: Marquinhos Souza; Prep. de Goleiros: Hedson Poroca; Médico: Dr. Serbino; Massagista: Thiago Pereira; Supervisor de Futebol: Ocimar Esteves; Presidente: Antonio Tadeu. Camisas: Azuis; Calções: Brancos; Meias: Brancas; Goleiro: Camisa, calções e meias (preto).

Do jogo

Partida muito importante para colocação na tabela. As duas equipes estão iguais em tudo - gols feitos, gols tomados, saldo - 2º e 3º lugares. Real Ariquemes tem a vantagem de atuar em casa, perante seu torcedor, a partida começa às 20h e terá o comando de: Jurandir Lico de Camargo (A), Edilson Soares Falcão (1) e Célio da Silva Santos (2).

Transmissão da Rádio Globo AM 1310 em conexão com a Rádio Verde Amazônia FM 87,9 com a equipe de Alexandre Jabá, direto do Gentil Valério.

Corrida do Fogo é o tema desta terça(19), no Esporte Show

A convidada de hoje no Esporte Show, será Lucelma Cordeiro, ela que faz parte do quadro de oficiais do Corpo de Bombeiros de Rondônia. O te...