quinta-feira, 28 de novembro de 2019

Gilmar de Jesus e Edinelson Reis no Sport ponto Com

Nesta sexta(29), o programa sport.com do #rondoniaovivo vai bater um papo com: Edinelson Reis - ele não tem as duas pernas -, mas joga futebol, dirige, trabalha, enfim, pra ele não tem essa de acomodação. É tanto que foi convidado para participar do 7º Jogo do Bem.
(Gilmar e Edinelson - foto: Gilmar de Jesus)
Esse jogo do bem, sempre é realizado na 2ª quinzena de dezembro. Esse 2019 será dia 1º às 17h no Aluizão, a entrada será de 1 kg de alimento, e o jogo tem: amigos de Jesus x família Kadoshi.
(Foto/Divulgação)

O programa começa às 11h15, e tem mais uma atração: o Amadorzão-2019 que começa oficialmente hoje, sexta no Aluizão às 19h com Juventude do Conceição x Mulekadas (Bicampeão). Esse ano serão 112 equipes, 64 da capital, 16 do baixo madeira, 16 da ponta do Abunã e 16 de Jaci-Paraná e União Bandeirantes.
(Foto/Divulgação)

O coordenador geral Carlos Adriano é quem vai explanar.

quarta-feira, 27 de novembro de 2019

Duas aqui pra eu não perder minhas fontes

1) Quem lembra? Ele foi autor do segundo gol do Rondoniense, no ano de ouro do Periquito (2016), contra o SC Genus. Lucas Freire, contratado essa semana junto ao ASA de Arapiraca-AL.

2) Essa mais curta, porém, valiosa. Quem espera que a Locomotiva está parada e enferrujada, ledo engano: hoje(27/11), o time fez um amistoso pela manhã contra a equipe do Art Sul da 2ª Divisão do Rio de Janeiro. Placar final: 2 x 0 PVH EC - um gol no primeiro tempo, e outro na segunda etapa.

O time que vem por ai vai surpreender viu.

terça-feira, 26 de novembro de 2019

Porto Velho e Real Ariquemes decidem hoje quem vai para A-2 em 2020

Logo mais a partir das 20h, o velho Aluizão será palco de mais uma decisão de título. Dessa feita no futebol feminino. O Porto Velho EC atual detentor do título, joga contra a excelente equipe do Real Ariquemes EC - ambas contam em suas fileiras com verdadeiras atletas "profissionais", oriundas de fora do estado.

O Porto Velho conta com pelo menos três a quatro meninas incluindo a goleira Isabela que veio do Maranhão. O Real tem mais - pra ter uma ideia da goleira à ponta esquerda, elas vieram de Taubaté-SP, incluindo-se o treinador Arismar Jr.

Ambas estão no mesmo nível de pontuação, ou seja, como no primeiro confronto o resultado final foi 2 a 2, nesta quarta-feira mais um empate, a decisão vai para os pênaltis. Não há prorrogação. A arbitragem está entregue ao Sr. Fledes Rodrigues Santos.

Quem gritar ao final: é campeão!!! Será a representante de RO na Série A-2 do Brasileirão-2020; são 27 campeãs; 04 equipes do A-1 que desceram e mais 05 representantes dos melhores ranqueados (masculino-2020). 36 no total, formam 6 grupos de 6 que jogam só ida.

Avançam as 16 melhores (2 de cada grupo e mais 4 melhores 3ªs colocadas), dai até a grande final em ida/volta. Início da A-2 dia 15/03 e final dia 05/07.

sexta-feira, 22 de novembro de 2019

Aluizão: última esperança para Júnior Gonçalves e Marcelo Cruz

Tarde de sexta-feira(22), de novembro de 2019. Reunidos no CPA, sala de reuniões da SEJUCEL: Jobson Santos (titular da Sejucel), Flávio Daniel (RSC), Maranhão (PVH EC) e Almir Caetano (FFER), raquetada final com relação ao adiamento de reformas no Aluizão.

Jobson explicou curto e ligeiro - nada de estádio para fevereiro de 2020 -, talvez (olha a condição, lá para junho ou julho). É um tiro no pé, do torcedor que em 2019 voltou a aparecer nas arquibancadas do velho Aluizão.

Resta somente a palavra final de dois baluartes que, tudo leva a crer gostam do futebol: um é do próprio Executivo, Júnior Gonçalves e outro do Legislativo, Deputado Marcelo Cruz. Pois o grandalhão Jobson, esse o torcedor já gravou o nome dele junto ao santinho protetor.
(da esq/dir: Almir, Maranhão, Flávio - ao centro Jobson Santos)

quinta-feira, 21 de novembro de 2019

Futebol Feminino: primeiro jogo de uma final eletrizante será no Valerião

Mesmo com o total descaso por parte da mentora (é o novo!!). A FFER programou para o dia 24/11 domingo, a primeira partida entre Real/Taubaté x Porto Velho EC pelo feminino-2019. Quando falo de descaso - falo em relação à não divulgação das súmulas do feminino, ora o campeonato começou dia 9/11 e até hoje, 21/11 nada de súmula -, a última que tem no site consta do dia 6/10/2019 para Brazuca x Genus pelo sub-13.

Com isso fiquei impedido de divulgar pelo menos os times bases das duas equipes. Como o velho Cancão de guerra, tem fontes e amigos por esse Brasil todo, aqui vai pra você torcedor(a) como as duas equipes entram em campo no domingo à tarde no Gentil Valério.

Real/Taubaté: Iolanda; Tainá, Ionara, Bárbara, Evellyn, Jerica, Lucélia, Rafinha, Sisi, Carol e Hericka. Técnico Arismar Jr. O time fez 11 gols e tomou somente UM;

Porto Velho EC: Izabela, Leila Weber, Vanessa Pipoca, Vanda, Angelina, Maria Cocó, Angra, Taiana, Monique, Regininha e Flávia. Técnico: Paulo Eduardo; O time fez 12 gols e tomou UM.

As duas equipes já atuam juntas há pelo menos três anos - sendo que o Real/Taubaté, efetivamente sem muitas mudanças. O PVH EC mudou um pouco de 2018/19.

A arbitragem está a cargo de Maicon Pessoa..., logo mais teremos mais detalhes desse jogão de bola.

Que, repito: está tendo pouco caso pela Federação.

Jogo: Real Ariquemes EC x Porto Velho EC
Categoria: Feminino - Ida
Data: 24 de novembro de 2019
Horário: 16h - Estádio: Gentil Valério - Ariquemes
Árbitro: Maicon Pessoa de Souza
Á.A.01: Joverton Wesley de S. Lima
Á.A.02: Célio Silva Santos
4º Árb: Salvino Rosa da Silva
Delegado: Tereza Aparecida da Fonseca

(*) atualizado: às 21h do dia 22/11/2019.

terça-feira, 19 de novembro de 2019

Dez dos onze clubes para 2020 já teem seu Profº

Pelo menos 10 das 11 equipes que estarão no estadual de 2020, já anunciaram seus comandantes. Dessas somente o SC Genus ainda não retornou às solicitações do Profº Guido Quetto  - se bem que o velho blogueiro não acredita que o Guido deixará um excelente cargo que exerce em uma das empresas do grupo "S", para assumir um time de futebol -, eu não faria isso.

Mas, porém, vamos aos clubes e aos mestres

01) Guajará EC - Tinho Damasceno
02) Porto Velho EC - Cipriano vem do RJ
03) RSC - Luciano Mattos
04) SC Genus - Guido Quetto
05) Real A. EC - Everton Goiano
06) Ji-Paraná FC - Luis Carlos
07) Cacoal - Itamar Fernandes
08) Guaporé FC - Fábio
09) Barcelona FC - Márcio Parreiras
10) Vilhenense EC - Tiago Batizoco
11) CAP - Hélder Palmonari (?)

Ou seja, 91% dos clubes já tem como certo seus treinadores.
(Foto/Arte - FFER)

domingo, 17 de novembro de 2019

Garra Corinthiana vence a Vila Ferroviária e conquista o Bi-Campeonato

A aglomeração da Garra Corinthiana no campo do treze bem antes do jogo começar funcionou, e com um desfecho do jeito que seu torcedor adora: com sofrimento, suspense e gol de placa. Com o atacante Marco Canhoto e Fernandinho em dia inspirado o Garra derrotou o time sensação do campeonato o Vila Ferroviária por 2 a 0 onde se sagrou-se bicampeão.
O jogo
O jogo começou a todo vapor com as duas equipes disputando até arremesso lateral, as duas equipes tinham em seu elenco jogadores jovens e também experientes, a Vila Ferroviária contava com a experiência de seu capitão Marcelo e Bajara e apostava na juventude de seus meias e atacantes.
Já a Garra Corinthiana contava com a experiência de Marco Canhoto e Cabelo e apostava nos contra ataques sempre puxado por Fernandinho.O Vila Ferroviária começou pressionando e logo aos 5min Pedrinho comete falta desnecessária na lateral do campo, na cobrança a bola é levantada na área, Bajara se antecipa e desvia de cabeça tirando o grito de gol, mais o goleiro Peu bem posicionado faz ótima defesa.
O Vila Ferroviária começa a gostar do jogo e domina os 10 primeiros minutos.
Aos 11min Pedrinho leva cartão amarelo por reclamação, o time do Garra não se acha em campo parecia sentir a falta de seus dois volantes Rangel e Maranhão, até que aos 12min em uma cobrança de escanteio a bola chega até Marcos Canhoto que não perdoa e marca de cabeça 1 a 0 Garra, levando seus torcedores ao delírio.
O Vila Ferroviária sentiu o gol, com isso o Garra começa a ditar o ritmo da partida e aos 20min sempre ele Marcos Canhoto o atacante domina de costa pro zagueiro gira e bate por cima do gol tirando o grito de gol de sua torcida.
O Garra cresce no jogo mais aos 35min o centroavante do Vila Ferroviária Picolé invadi a grande área disputa a bola com os zagueiro e chuta cruzado a bola passa sobre o gol mais ninguém chega pra finalizar o Vila Ferroviária perde a chance clara do empate.
O árbitro da partida Hamilton da 3min de acréscimo e o primeiro tempo termina mesmo em 1 a 0 para o Garra.
Vem o segundo tempo e com o placar adverso o Vila Ferroviária de Becão não tem outra opção a não ser ir pra cima, e logo aos 4min Bajara chuta e obriga Peu a fazer boa defesa. O Garra começa apostar nos contra-ataque e aos 14min Cabelo rouba a bola e lança pra Marcos Canhoto, o atacante gira na frente de três marcador e com um toque sútil cobre o goleiro mais a bola bate no travessão evitando aquilo que seria um golaço.
O Vila Ferroviária ver o tempo passar e começa a sentir o desgaste do jogo, e começa a lançar a bola na grande área mais sem perigo para o goleiro Peu.
Aos 37min Jailson que entrou no lugar de Marco Canhoto bate escanteio Fernandinho pega de primeira e antes da bola pegar no chão acerta um chute no ângulo indefensável marcando um golaço, talvez o gol mais bonito da competição um verdadeiro gol de placa, a torcida vai a loucura.
O Vila Ferroviária não desiste e aos 40min em jogada individual seu atacante da um drible desconcertante no zagueiro o famoso drible da vaca dentro da grande área e chuta por cima do gol, seria um golaço um gol para coroar a ótima campanha do Vila Ferroviária na competição.
O jogo chega nos minutos finais, já não existe mais esquema tático é o jogo passa a ser ataque contra defesa, a torcida já não aguenta mais e pede o fim do jogo. O árbitro da 5min de acréscimo, foi os 5min mais longo do Garra Corinthiana que não via a hora de gritar é Campeão. Não a tempo pra mais nada e Hamilton apita o fim do jogo, Adalton Presidente do Garra, já não segura a emoção e às lágrimas escorrem no seu rosto, é o choro da alegria o choro do dever cumprido é o choro da consagração, enfim O Garra Chegouuuuuuuu!!!!
(*) Esse é o tipo do jogo que não me canso de dizer - muito melhor do que muitos que vemos via TV -, não fui mas vê um Canhoto ainda jogando um bolão, Fernandinho esse é craque, o Marcelo do Becão zagueirão puxa ao irmão, enfim, acabei me rendendo à bela postagem do amigo Dedel.
Fonte/Texto.: dedel

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Futebol: PVH EC prepara pacotão vindo do Rio de Janeiro

No primeiro ano de profissionalismo do Porto Velho EC, foi feito uma base de quase prata de casa, com pimentadas de forasteiros. A receita foi boa, prova é de que o time quase chega à grande final do estadual-2019.

Esse 2020 a receita é totalmente diferente - meio perigosa, já vi várias equipes dando topadas no meio do caminho -, como assim: a história do pacotão, do goleiro ao ponta esquerda, do treinador ao mordomo, passando por um investidor forte vem todos de fora.

O local ideal encontrado pelo tricolor da Base Aérea, foi Xerém-RJ. Ah, pelo menos vem uma meninada do Fluzão, ledo engano, está sendo feito uma peneira desde o dia 11/11 com o Tigres, dai os selecionados já treinam pra valer a 2ª quinzena de novembro, o mês de dezembro com várias datas de paralisações e, no início de janeiro-2020 já aportam na terra de Rondon.

Hoje, 14, já houve um treinamento mais rebuscado - e, segundo meu Cancão carioca que deu um voo rasante no campo -, tem muita gente boa de bola.

Boa sorte a todos!!!
(PVH EC realizando treinamentos no Tigres-RJ, o nome do treinador é Crispim)

Ji-Paraná FC encerra participação no Feminino; com uma derrota e uma vitória

Acabou o campeonato feminino para o Ji-Paraná FC. Mas já? Sim, foram alguns dias de preparação para tudo se acabar em cinco dias. Ora, ora as meninas estrearam sábado p.p. meio titubeantes, frente às atuais campeãs e levaram uma traulitada - nem vou falar o placar.
(Meninas do Jipa, lutaram muito)

E ontem, quarta-feira(13), fizeram o segundo e último jogo do certame contra o SC Genus (a jovem equipe do Genus realmente não suportou o poderio do Jipa). Foi também uma goleada, agora em favor do Galo da BR - que vou citar para ficha técnica, ao final desse texto.
(Esse time era pra ser mantido o ano todo)

Porém, o objetivo dessas mal traçadas é dizer: apesar do esforço da FFER de abrir calendário para o futebol feminino; apesar do esforço de gestores dos times profissionais (cito o próprio Jipa), o Real, Vilhenense, sem contar os da capital.

Ainda se verifica a falta de atenção por parte do Poder Público p.ex. aqui na capital a liberação do Aluizão, mais uma vez foi uma novela. Ainda teve esse evento CBF/Social que "encobriu" totalmente o evento das meninas. Quer mais: marcar um jogo do feminino no mesmo dia de um Fla x Vasco;

Aí é demais...,

(*) O primeiro jogo foi: Jipa 1 x 9 PVH (sábado) e, na quarta Genus 2 x 7 Jipa, os gols dessa quarta: Winnie (2x), Leidiane(2x), Silma, Dara e Mileni (para o Jipa), enquanto Milena e Hélen descontou para o Genus.

Próximo sábado(16): Genus x PVH fazem o último jogo da 1ª fase - PVH joga por empate para ir à final. 

terça-feira, 12 de novembro de 2019

Ufa! Após 15 dd o Cancão volta em dose tripla

Exatamente dia 29 de outubro p.p. e, logicamente no outro dia após o nosso programa Sport.Com, tive o prazer de escrever minha última postagem e, de receber no programa: quatro personalidades do atletismo local: Alves (Ultra-Maratonista), Elizeu (Paratleta), COE (Maratonista) e Guerreiro Dacosta (Tri-Atleta).

De lá para cá foram 15 dias de travamento das duas pernas e, dores em cada ponta de osso dos dedos dos pés, passando por cotovelos até as clavículas. Um inferno, uma doença crônica chamada Espondilite e que necessito de alguns especialistas para acompanhar o velho blogueiro.

Acabar a preguiça, e começar pela hidroterapia - aliás, já iniciei - Dr. Serbino, Thiago Marques, agora eu vou com vocês.

Então vamos falar de coisas boas? Vamos

Estou super ansioso de voltar amanhã, quarta(13), ao batente e em dose tripla, senão vejamos:

1) Meu amigo João Paulo, que já teve passagem pelo RSC está promovendo um torneio de futebol chamado Futshow dos Amigos; local Ypiranga Esporte Clube. Data dia 15/11 próxima sexta. Já estava convidado desde a semana passada;

2) Bianca Leite, atleta e uma das coordenadoras do Genus feminino, parceira, amiga do sport.com, também conto com você amanhã no programa para falarmos sobre a estreia do aurigrená nesta quarta-feira à noite contra o Galo da BR; e


3) Sempre é bom ouvir o mais laureado dos filhos de Rondônia pelo mundo do futebol, falo de Júnior Lopes, ele que acaba de renovar contrato com o Chanburi FC da Tailândia. Vamos tentar levar ao programa o filho do nosso amigo Becão.

Bem gente, por hoje é só..., tem o futebol feminino que está rolando, tem o futebol do AFA que continua quase imbatível.

Sem papas na língua: presidente do Ji-Paraná FC mostra transparência na gestão do Galo da BR

Em entrevista concedida ao Radialista Jota Lima, à noite desta quarta(17), o jovem presidente do Ji-Paraná FC José Carlos Victor, foi enfát...