Pular para o conteúdo principal

Rondoniense como bom anfitrião decidiu o jogo nos primeiros 45 minuntos

E tudo que foi falado com relação ao local do jogo de Rondoniense e Ariquemes, pelo campeonato sub-20 foi de água abaixo. O que se viu no CT Lago do Tucunaré foi: um ótimo campo de jogo, PMs e Ambulância durante todo o jogo, muita gente compareceu - vários pais e familiares de atletas - e, muitos profissionais da Imprensa Esportiva da capital.

O jogo em si - como os comentaristas falam, foi de dois tempos distintos -, ora é claro que são dois tempos de 45 min, o deste sábado conforme presença do blogueiro foi de uma intensidade fora do comum por parte do anfitrião. O placar de 3 a 0 no primeiro tempo fala tudo, e graças ao bom goleiro Eduardo do Ariquemes. E o Tucunaré mostrou como se trabalha como anfitrião, como sabe respeitar e receber adversários.


Por lá também a presença do presidente do RSC o Sr. Ailton Artur, muito feliz pela vitória e o caminho que o clube projeta para chegar a uma Copa SP, e consequentemente o profissional do próximo ano. Ainda dessas presenças - reencontrei no CT o ex-presidente do TJD-RO, Dr. Edmar Silva Santos, advogado brilhante e agora também presta serviços ao Jurídico do Rondoniense.

Claro que não serei idiota de afirmar que ali dá pra suportar um Rondoniense e Genus. Mas, e sempre tem um mas, os outros jogos do grupo A pode mandar todos no Ulisses Guimarães, sim. Por que não! Ainda fico pensando o porquê do último jogo desta volta contra o Real Desportivo, será no Aluizio Ferreira. Mas falo já, sobre este último jogo.

Neste sábado volto a afirmar, jogando em casa com a intensidade que foi os primeiros 45 minutos, com harmonia, entendimento, marcação homem a homem, três atacantes - com Kelvin, Mineiro e Charles -, com o camisa 7 Wilton Jr sendo o termômetro da equipe, com Bú batendo falta daquele jeito um meio de zaga seguro, onde Théo a cada dia se aprimorando mais e o Kaíque aproveitando até pra golear.

O que esperar de um elenco desses? No mínimo, no mínimo a garra do primeiro tempo. O resultado de vitória ou de elaboração de um gol vem por osmose. Portanto, de parabéns o Tucunaré pela excelente vitória de 3 a 0 e, no segundo tempo como bom anfitrião que é. Não tirou o pé, mas assegurou o placar.

Com relação ao Ariquemes FC, apresenta muitos bons valores como o caso do goleiro Eduardo, o zagueiro Weslei, o baixinho Natanael, o parrudo bom de bola Eduardo Biscola e o Rafael Ferraço, podem muito bem fazer parte do elenco profissional do Tambaqui no próximo campeonato.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Atacante Gabriel Henrique está de partida do SC Genus

Virada do ano já começa bem movimentado pelo lado do time Aurigrená da Capital. Primeiro a polêmica das camisas para 2018, com dois escudos: Genus/Avaí, e hoje(2/jan) a desistência do ótimo atacante Gabriel Henrique, 21 anos, que recebeu uma proposta muito boa de Alagoas.
O novo time de Gabriel chama-se Santa Rita, é da cidade de Boca da Mata e fundado em 25/05/1974. O atleta estava com pré-contrato com SC Genus, para o ano de 2018. (Gabriel Henrique está saindo do Genus - foto: Fanpage do Clube)

Guajará fez Gato e Sapato do Urso

Falta de aviso não foi. Deixar tudo para a última hora, deu no que deu. Agora é juntar os cacos e tentar pontuar fora de casa. O jogo em si não foi um espetáculo por parte do Guajará, o time do Tinho Damasceno tem alguns atletas interessantes, que jogam juntos há algum tempo - não falo no Guajará, mas que ele Tinho trouxe sempre em dupla - por exemplo os dois meias Bibio e Tatico, os atacantes Marcos Bahia e Jaiminho, a zaga com Diego Norberto - seguro, pra passar por ele tem que ter moral.
Sabe qual tinha sido a última vitória do Guajará no estadual? Justamente no dia 1º de abril do ano passado, quando venceu ao Galo da BR por 3 a 1 lá no João Saldanha - e não é que seja o dia consagrado à mentira - pois não é que o Glorioso, quase um ano depois faz 3 a 1 no Genus e no velho Aluizão.
Antes dos primeiros 2 minutos de jogo Marcos Bahia recebeu em profundidade de Bibio, passou pelo meio da zaga do Genus derivando para o lado direito, chutou com força rasteiro no canto direito do goleiro G…

Atletas de Porto Velho são titulares em times goianos

Recebi a informação e, claro que passo à frente. Vários atletas de Porto Velho estão integrados a algumas equipes do futebol goiano: Isaac, volante dos bons no Goiânia; Gabriel, zagueiro no Abecat; Pablo, meia no Abecat; Isaias, atacante rápido pelas pontas no Abecat e Wendell, meia está no Vila Nova. (Wendell camisa 10 é de Porto Velho - foto: facebook)
Alguns disputam a Taça Mané Garrincha que tem o patrocínio da FGF - Federação Goiana de Futebol -, as categorias vão de sub-17 ao sub-19. Nesta quarta-feira,23, já tivemos a estreia de Wendell pelo Vila Nova onde ajudou o Tigrão a fazer 3 a 0 no Hidrolândia. (Vila Nova-GO categorias Sub-17 - foto: facebook)