domingo, 25 de outubro de 2015

Decisão Juvenil: Ariquemes com uma mão na taça

Foi um jogo de altos e baixos. Mas para altos por parte do Ariquemes FC, que afinal conta com o artilheiro da competição o jovem Rafael Ferrasso, a torcida do Peixe do Vale do Jamari já canta a pleno pulmões: "com Ferraso em campo o jogo não sai zero a zero", e foi ele o autor do único gol do jogo aos 27 minutos do primeiro tempo com oportunismo de sempre.

Dai foram em torno de 15 minutos de um jogo morno, sem emoções, até o apito final do primeiro tempo. Na segunda fase a coisa melhorou, os garotos do Espigão tomaram uma bronca do Profº Devair e botaram a bola no chão. Aliás, somente não acontecendo o empate e talvez uma provável virada em função de duas bolas chutadas na trave do goleiro do Ariquemes. 

Mas como diz o poeta: "bola na trave não altera o placar", o final ficou em Espigão 0 x 1 Ariquemes. A última partida acontece no próximo sábado,31, no estádio Gentil Valério em Ariquemes no horrível horário de 15h30. Será que as autoridades do município não poderiam reverter essa situação e, em homenagem ao esforço dessa garotada esticar pra 17h. Tem o problema da iluminação, sim. Porém, se for necessário a decisão em cobranças de pênaltis liga-se duas torres. Enfim!

Deixei este último tópico para falar da arbitragem. Viram que se não colocasse aqui quem apitou, ninguém iria saber. De parabéns a comissão de arbitragem por ter peito de escalar o jovem Caio Cazuza. Soube de fontes seguras, inclusive do time mandante que o árbitro trabalhou muito bem - tem a virtude de ser educado, saber se dirigir aos atletas, à comissão técnica e interpretar com rapidez as regras do jogo - e, por extensão à toda equipe deste jogo.

(Da esq/direita: Adailton Francisco, Renato Aparecido, Caio Cazuza e Gilmar Holanda, créditos da foto Gilmar Holanda)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ji-Paraná FC comunica falecimento de seu massagista

Nota de pesar O Ji-Paraná Futebol Clube vem a público lamentar o precoce falecimento do famoso massagista "Zói", vítima de...