Pular para o conteúdo principal

O melhor do conselho arbitral para 2017

Estive no auditório da FFER na manhã desta sexta-feira,2. Motivo: reunião com as 9 equipes que disseram sim ao rondoniense-2017, quer dizer eram 9, mas somente 8 compareceram. E, estas 8 estão confirmadas para disputar o XXVII Campeonato de Futebol Profissional. 


O que se viu do Conselho Arbitral. Até onde pincei, muita união, papo bom descontraído, todos com esperança de conquistar o título. Mas falando de união, justamente a União Cacoalense não deu as caras, e nem mandou representante - como o Guajará e o Ji-Paraná -, aliás o velho jipa de longas datas chegou 24 horas antes.

Já outro que "quase" não visita a FFER - segundo o presidente Heitor - veio de corpo presente o simpático gaúcho do milho, presidente do Lobo do Cerrado que assim se expressou à Rádio Globo: "essa coisa do futebol tá no sangue, estamos voltando com força total e espero que a torcida que tanto pediu a volta do VEC, nos ajude".


Novidade: a presença da presidente do Ariquemes FC Daniela Amorim, que também falou via rádio: "a torcida do Ariquemes viu o time gritar campeão há 22 anos, portanto, está na hora desse grito entalado no peito sair com força total". Neste ano a então jovem estudante Daniela, praticava natação onde disputou o JOER, depois fora Deputada Estadual e, até Prefeita de Ariquemes. Chegou a hora do Peixe do Vale do Jamari.

Antes do Conselho Arbitral e, até aquele momento com a presença da Imprensa e demais convidados o palestrante, diretor de futebol, observador das categorias de base e, atualmente trabalhando na Flórida EUA, Bruno Costa fez uma explanação sobre "Gestão Esportiva", "Captação de Recursos", "Relação Clube/Imprensa" da melhor qualidade.


Outras novidades em termos de FFER: a exoneração do Sr. Leandro Bratti do Comando da Arbitragem e, imediatamente sua nomeação como Diretor do Deptº de Bases; Almir Caetano passa a comandar a arbitragem com a nomeação dos ex-árbitros: Paulo Pereira, Osvaldo Cazuza e José Carlos Sana no quadro da C.A.

Até onde acompanhei foi isso...,depois somente com os presidentes dos clubes...,ops! Aqui um reconhecimento e credito ao companheiro Naldo Dias que assim se expressou: "Pereira quero de público parabenizar a atitude da FFER em permitir a presença da Imprensa no Conselho Arbitral, tudo transparente, tudo correu às mil maravilhas".


Já acabando o sinal do celular, Naldo adiantou a ideia aprovada pelo presidente do RSC Sr. Tadeu sobre a utilização de 8 atletas semi-profissional (da base Sub), na equipe profissional. Outra, como esse cabeça chata já tinha falado alguns dias atrás, a bola rola no rondoniense-17 no dia 11 de março um sábado.

Tem mais..., muito mais....,

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Rondoniense de 17 anos vai disputar o concorrido Sub-20 em SP

Olha que notícia maravilhosa. Vem daqui de perto do distrito de Jaci-Paraná, a 80 km de Porto Velho, um filho do distrito chamado Jardson Medeiros, zagueiro de 1,85 m com 17 anos, pé esquerdo, pelo visto um prodígio - na acepção da palavra -, daqueles com habilidades próprias para pessoas com mais idade.
Acompanhe o histórico de Jardson: foi bicampeão da copa treze sub-15 pelo Avaí-PVH; em 2015 disputou o sub-16 pelo SC Genus; já o ano passado foi campeão do Interdistrital pela seleção de Jaci-Paraná, quando foi muito elogiado pela postura em campo e personalidade.
Desta temporada o garoto começou a viajar. Entenda-se viajando para fazer o que mais gosta, e sabe fazer. Foi para Confins-MG, disputou o campeonato mineiro sub-17 pelo Bonsucesso EC, sucesso garantido seu time foi eliminado na semifinal mineira. Algumas equipes de base da terra de Tiradentes tentaram ficar com o zagueiro.
Porém, seu destino acabou sendo São Paulo, primeiro jogou pelo Osvaldo Cruz FC, interior paulista. Ao vol…

Atacante Gabriel Henrique está de partida do SC Genus

Virada do ano já começa bem movimentado pelo lado do time Aurigrená da Capital. Primeiro a polêmica das camisas para 2018, com dois escudos: Genus/Avaí, e hoje(2/jan) a desistência do ótimo atacante Gabriel Henrique, 21 anos, que recebeu uma proposta muito boa de Alagoas.
O novo time de Gabriel chama-se Santa Rita, é da cidade de Boca da Mata e fundado em 25/05/1974. O atleta estava com pré-contrato com SC Genus, para o ano de 2018. (Gabriel Henrique está saindo do Genus - foto: Fanpage do Clube)

Tanaka faz acordo amigável e dá adeus ao Periquito

Foram somente três minutos vestindo a camisa oficial do RSC. Falo de Alessandro Tanaka, camisa 16 que entrou ao final do jogo entre RSC 0 x 0 Cuiabá pela Copa Verde, no último domingo. O ambiente no ninho do periquito já não estava legal para o atleta estrela de Guajará-mirim, ontem, segunda-feira entornou de vez.
E, agora à tarde o rápido atacante Tanaka, entrou em acordo com a diretoria do clube, e deu adeus ao RSC. Agora vem a surpresa maior. Sabe para onde voa o Tanaka, ou melhor, sai do ninho do periquito e vai para o Acre, isso mesmo o novo clube será no estado do Acre. E quem pensava no Tanaka no Galo da BR, tire o cavalo da chuva.
O blog chegou a conversar com Eder Marques, um dos diretores do Jipa, e ele assim se expressou: "Luis, na verdade era intenção da gente trazer o Tanaka para cá, como foi um acordo amigável e ele resolveu ir para o Acre, que seja feliz não vamos entrar em leilão". (Tanaka deixou o RSC nesta terça(7), vai para o Acre)