Pular para o conteúdo principal

Copa São Paulo: altos e baixos, contrastes e infortúnios

Dois times da região norte. Duas histórias pra contar e, ao final um só destino. Falo do Nacional-AM e do Espigão-RO, o primeiro foi manchete hoje quarta, 16, causado pela irresponsabilidade dos dirigentes do azulão de Manaus que "abandonaram" alguns garotos lá na terra da garoa por 48h. Leiam aqui a reportagem completa de Renan Prates do UOL/SP.

Já o nosso bravo representante do Espigão que, por mais de uma semana foi manchete em tudo que é mídia esportiva, pelo fato de ter derrotado o poderoso Grêmio-RS e, sair da copinha sem ter perdido um jogo sequer.

Para maiores detalhes vou descrever alguns tópicos da entrevista que o Radialista Ticika Pufal da Rádio Mega FM, fez com o Vereador daquele município Sr. Devair Réga, que esteve junto com a delegação espigoense e, colaborador da equipe.

- Sabe quanto a Prefeitura de Prudente investiu para ter o Grêmio-SP na copinha? R$ 620 mil. O técnico deles ganha R$ 9 mil. O Grêmio-RS o técnico deles ganha R$ 15 mil. Falou Devair.

Com relação ao time do Espigão que vai disputar a 1ª divisão

- Se eu fosse dirigente, agregava logo uns 10 atletas destes que foram à Copa. Mais 10 atletas de fora e uns 6 amadores, está formado um elenco forte.

- Todos que fizeram parte desta Copa SP serão homenageados pela Câmara Municipal com o título de honra ao mérito. Estas as palavras de Devair Réga.

Quem participou do bate-papo ainda, foram os atletas: Creudo, Iuri e Carlinhos. Mesmo com toda essa visibilidade que o time de futebol deu ao município, as despesas da participação do Espigão superaram o que foi arrecadado.
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Atacante Gabriel Henrique está de partida do SC Genus

Virada do ano já começa bem movimentado pelo lado do time Aurigrená da Capital. Primeiro a polêmica das camisas para 2018, com dois escudos: Genus/Avaí, e hoje(2/jan) a desistência do ótimo atacante Gabriel Henrique, 21 anos, que recebeu uma proposta muito boa de Alagoas.
O novo time de Gabriel chama-se Santa Rita, é da cidade de Boca da Mata e fundado em 25/05/1974. O atleta estava com pré-contrato com SC Genus, para o ano de 2018. (Gabriel Henrique está saindo do Genus - foto: Fanpage do Clube)

Guajará fez Gato e Sapato do Urso

Falta de aviso não foi. Deixar tudo para a última hora, deu no que deu. Agora é juntar os cacos e tentar pontuar fora de casa. O jogo em si não foi um espetáculo por parte do Guajará, o time do Tinho Damasceno tem alguns atletas interessantes, que jogam juntos há algum tempo - não falo no Guajará, mas que ele Tinho trouxe sempre em dupla - por exemplo os dois meias Bibio e Tatico, os atacantes Marcos Bahia e Jaiminho, a zaga com Diego Norberto - seguro, pra passar por ele tem que ter moral.
Sabe qual tinha sido a última vitória do Guajará no estadual? Justamente no dia 1º de abril do ano passado, quando venceu ao Galo da BR por 3 a 1 lá no João Saldanha - e não é que seja o dia consagrado à mentira - pois não é que o Glorioso, quase um ano depois faz 3 a 1 no Genus e no velho Aluizão.
Antes dos primeiros 2 minutos de jogo Marcos Bahia recebeu em profundidade de Bibio, passou pelo meio da zaga do Genus derivando para o lado direito, chutou com força rasteiro no canto direito do goleiro G…

Atletas de Porto Velho são titulares em times goianos

Recebi a informação e, claro que passo à frente. Vários atletas de Porto Velho estão integrados a algumas equipes do futebol goiano: Isaac, volante dos bons no Goiânia; Gabriel, zagueiro no Abecat; Pablo, meia no Abecat; Isaias, atacante rápido pelas pontas no Abecat e Wendell, meia está no Vila Nova. (Wendell camisa 10 é de Porto Velho - foto: facebook)
Alguns disputam a Taça Mané Garrincha que tem o patrocínio da FGF - Federação Goiana de Futebol -, as categorias vão de sub-17 ao sub-19. Nesta quarta-feira,23, já tivemos a estreia de Wendell pelo Vila Nova onde ajudou o Tigrão a fazer 3 a 0 no Hidrolândia. (Vila Nova-GO categorias Sub-17 - foto: facebook)