Pular para o conteúdo principal

Sport Club Genus contrata ítalo-brasileiro com fome de gol

Ele fala fluentemente: inglês, italiano e português, nascido no Brasil em Curitiba-PR. Falo do novo xodó da torcida do aurigrená da capital de Rondônia, o meia-atacante Celso Luiz Berri - Celsinho Luiz -, nasceu dia 07 de outubro de 1990 com 23a.

Altura: 1,85m peso: 76kg. Tem dupla cidadania; ítalo-brasileiro, descendente de imigrantes italianos. Onde começou? Na base do Galo Maringá-PR, daí passou pelo ABC e Alecrim-RN, em 2010 viajou para o velho mundo onde trabalhou no Nembro Saletti, Real Vicenza e Bergamo (todos na Itália), estava há 4 meses atrás no Chessington FC da Inglaterra.

Veio ao Brasil, mas precisamente a Natal-RN para acertar detalhes de sua vinda ao América de Natal. E, por essas coincidências da vida estava por lá um ex-presidente do Genus que fora representar o município de Porto Velho em um evento de Karatê/Judô. O resto vocês sabem, né.

Duas palavrinhas - em português claro - do jovem Celsinho Luiz ao Blog.

(Foto/Perfil do Facebook: Celsinho Luiz(calça preta))

Blog - O que você sabe do futebol rondoniense, e vindo da europa não será complicado sua transferência?

Celsinho Luiz - Olha eu sei que o Genus está pronto para ser campeão, aliás, coisa que a capital somente tem um título. Quanto a transferência, sem problemas estou liberadíssimo.

Blog - Quando o Blog anunciou anunciou esse pacotão de contratados pelo Genus, o alvoroço foi geral. Você tão jovem vai segurar essa barra.

CL - Olha meu camarada pode dizer para a torcida do Genus, que este será praticamente meu primeiro ano como profissional no Brasil. Ano de Copa do Mundo, ano em que Porto Velho chega aos 100a e, que o Genus no próximo estará na Copa do Brasil.

Blog - Para finalizar. Você está em Ponta Negra, sabe qual a temperatura daqui? E, quando chega?

CL - Nasci em um lugar frio, fui muito cedo para lugares também muito frios. Vim para acertar com um clube em lugar quente e sei que ai também é quente - sem problemas nenhum - devo chegar entre dia 30 a 4 de fevereiro. Ansioso demais para abraçar o torcedor Aurigrená.

Comentários

  1. Agora ninguem mais segura, esse muleque joga demais, Deus abençoe!!! tamo junto. VT

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Brenda,
    Obgd pelo acesso a torcida do Genus, e pq não o fut. rondoniense necessita de bons valores.

    ResponderExcluir
  3. É com grande emoção que recebo esta notícia!! Meu grande amigo de velhos tempos, que sempre demonstrou a todos sua paixão pelo futebol, fazendo muita firula e tirando onda na moral hahaha
    Grande, lhe desejo muita paz e muito sucesso!!! Que Deus ilumine este novo caminho, te abençoe e te proteja sempre irmão!!
    ARREBENTA!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Atacante Gabriel Henrique está de partida do SC Genus

Virada do ano já começa bem movimentado pelo lado do time Aurigrená da Capital. Primeiro a polêmica das camisas para 2018, com dois escudos: Genus/Avaí, e hoje(2/jan) a desistência do ótimo atacante Gabriel Henrique, 21 anos, que recebeu uma proposta muito boa de Alagoas.
O novo time de Gabriel chama-se Santa Rita, é da cidade de Boca da Mata e fundado em 25/05/1974. O atleta estava com pré-contrato com SC Genus, para o ano de 2018. (Gabriel Henrique está saindo do Genus - foto: Fanpage do Clube)

Guajará fez Gato e Sapato do Urso

Falta de aviso não foi. Deixar tudo para a última hora, deu no que deu. Agora é juntar os cacos e tentar pontuar fora de casa. O jogo em si não foi um espetáculo por parte do Guajará, o time do Tinho Damasceno tem alguns atletas interessantes, que jogam juntos há algum tempo - não falo no Guajará, mas que ele Tinho trouxe sempre em dupla - por exemplo os dois meias Bibio e Tatico, os atacantes Marcos Bahia e Jaiminho, a zaga com Diego Norberto - seguro, pra passar por ele tem que ter moral.
Sabe qual tinha sido a última vitória do Guajará no estadual? Justamente no dia 1º de abril do ano passado, quando venceu ao Galo da BR por 3 a 1 lá no João Saldanha - e não é que seja o dia consagrado à mentira - pois não é que o Glorioso, quase um ano depois faz 3 a 1 no Genus e no velho Aluizão.
Antes dos primeiros 2 minutos de jogo Marcos Bahia recebeu em profundidade de Bibio, passou pelo meio da zaga do Genus derivando para o lado direito, chutou com força rasteiro no canto direito do goleiro G…

Atletas de Porto Velho são titulares em times goianos

Recebi a informação e, claro que passo à frente. Vários atletas de Porto Velho estão integrados a algumas equipes do futebol goiano: Isaac, volante dos bons no Goiânia; Gabriel, zagueiro no Abecat; Pablo, meia no Abecat; Isaias, atacante rápido pelas pontas no Abecat e Wendell, meia está no Vila Nova. (Wendell camisa 10 é de Porto Velho - foto: facebook)
Alguns disputam a Taça Mané Garrincha que tem o patrocínio da FGF - Federação Goiana de Futebol -, as categorias vão de sub-17 ao sub-19. Nesta quarta-feira,23, já tivemos a estreia de Wendell pelo Vila Nova onde ajudou o Tigrão a fazer 3 a 0 no Hidrolândia. (Vila Nova-GO categorias Sub-17 - foto: facebook)