quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Com sensação térmica de 40º C partida de futebol feminino é encerrada

O jogo entre Tiradentes-PI e Viana-MA, válido pelo campeonato brasileiro de futebol feminino realizado na tarde de ontem quarta-feira(23), quase teve um final trágico - inclusive com risco fatal por parte das meninas de ambas equipes -, a partida estava sendo realizada no estádio Albertão em Teresina(PI) e, por volta dos 38 minutos do segundo tempo o árbitro Antonio J.L. Trindade (CBF-2/PI) deu por encerreda a partida por: "número insuficiente de atletas"

Bem, o primeiro tempo terminou em 5 a 0 para o Tirdadentes e no segundo tempo o time piauiense fez mais 5, isso mesmo com a partida já 10 a 0 em favor do Tiradentes. Com o início do jogo às 15h(DF), portanto 14h(PI) lá na linda e quente Teresina, com sensação térmica de 40º C a primeira atleta a sair do jogo foi a goleira do Viana com pressão arterial de 18.

A ambulância do estádio nunca trabalhou tanto, levando atletas para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT) que fica a poucos metros do estádio. Resumindo, foram nada menos do que sete(7) as meninas do Viana que passaram mal. E o Sr. árbitro relatou apenas que aos 38min do segundo tempo, a partida foi paralisada para atendimento da atleta nº 9 da equipe do Viana, quando a referida equipe estava apenas com sete(7) jogadoras em campo.

Será que este árbitro estava maluco. Não citou mais nada, tudo normal. Será que ele estava esperando alguma menina morrer? 

O jogo foi válido pelo Grupo A do campeonato brasileiro de futebol feminino e foi marcado no mesmo horário de Vitória(PE) e Caucaia(CE), pois o time cearense ainda tinha chances de classificação.

Fonte: Lucas Marreiros e Fábio Lima do site Cidade Verde

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arbitragem para 3ª rodada do Sub-20

A Comissão de Arbitragem da Federação de Futebol do Estado de Rondônia (FFER), divulga a escala dos árbitros e assistentes para os jogos vá...